UNISAL promove discussão em torno das Declarações dos Direitos Humanos e da Constituinte durante SEMIDI

Publicado em: 09/10/2018

semidi 1º dia (105) DESTAQUE

O Programa de Mestrado Acadêmico em Direito do UNISAL – Unidade Lorena promoveu em 04 e 05 de outubro de 2018 o V Seminário Internacional de Direito (SEMIDI). Em 2018, as temáticas escolhidas tiveram como foco “as conquistas, retrocessos e desafios na concretização dos direitos humanos: 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e 30 anos da Constituição Brasileira”.

O evento internacional recebeu aproximadamente 180 pessoas, entre alunos e professores do UNISAL e de instituições convidadas, nacionais e internacionais: Universidade Presbiteriana Mackenzie (São Paulo), Universidade Estadual do Norte do Paraná, Universidade de São Paulo (USP), Universidade de Fortaleza (UNIFOR), Universidade Federal da Paraíba/Centro Universitário de João Pessoa, Pontifícia Universidade Católica (PUC/SP), Universidade de Marília (São Paulo), Universidade Católica Silva Henriquez (Santiago/Chile), Universidade de Coimbra (Portugal) e Universidade Nacional do México.

A cerimônia de abertura contou com apresentação musical da aluna do Mestrado em Direito, Larissa Schubert, e seus dois músicos, também alunos do UNISAL.

Na abertura oficial do evento houve a participação da Prof.ª Grasiele Nascimento (Diretora Operacional do UNISAL), Maria Aparecida Alkimin (Coordenadora do Mestrado) e do Prof. Dr. Felipe Chiarello de Souza Pinto (Diretor da Faculdade de Direito e Professor do Programa de Mestrado e Doutorado em Direito Político e Econômico da Universidade Presbiteriana Mackenzie).

O V SEMIDI está consolidado, inclusive avaliado e classificado pela CAPES/EVENTOS. O principal intuito é promover o incentivo às pesquisas sobre os Direitos Humanos. Para isso, aproximadamente 200 trabalhos foram inscritos e apresentados por meio de grupos de trabalho e pôsteres.

O evento inovou no sentido de premiar mestrandos com destaque na produção científica, sendo premiadas Durcelania da Silva Soares e Fábia Maruco, que receberam uma placa em homenagem ao seu desempenho no curso e na vida acadêmica.

O encerramento contou com as conferências dos professores Dalmo Dallari, que fez questão de enviar uma mensagem à organização. “Antes de tudo, recebam meus agradecimentos emocionados pela belíssima recepção e pela oportunidade que me proporcionaram de confraternização com os alunos. Entre outras coisas, ficou evidente que a semente foi muito bem plantada e vocês criaram em Lorena um valioso grupo de defesa e divulgação dos Direitos Humanos. Recebam e transmitam a todos os que participaram da organização do evento os meus mais calorosos agradecimentos.”

A próxima edição do SEMIDI será realizada em 2020.

Confira as fotos do evento: https://www.facebook.com/pg/unisallo/photos/?tab=album&album_id=1912422788794667