Professor do UNISAL integra missão do Consórcio STHEM na Finlândia

O UNISAL recebeu um convite especial do Consórcio STHEM Brasil e que foi prontamente atendido. Uma missão embarcou para a Finlândia no mês de junho de 2018 para aprender mais sobre inovação acadêmica no “21st Century Educators from Finland – VET Teachers for the Future”, e o representante do UNISAL foi o Professor das disciplinas de empreendedorismo e também Coordenador do Centro de Empreendedorismo, Leandro Costa. “Eu fui totalmente aberto às novas experiências, até porque me apaixonei e acredito muito na educação”, revela Leandro.

O professor juntou-se a outras 16 instituições de ensino superior de todo o Brasil para conhecer as inovações educacionais do país nórdico, que consegue avançar no ensino superior ao trabalhar de forma efetiva desde a educação infantil.

A missão do Consórcio STHEM é promover a inovação acadêmica por meio de uma rede de cooperação para formar professores e gestores capazes de lidar com os desafios da sociedade. Sendo assim, os docentes receberam a missão de planejar e executar um projeto individual e outro em grupo que tenham como prerrogativas a formação de valores e a confiança na equipe que participa do processo de aprendizagem ativa. “Não é a metodologia que interessa, mas sim a relação interpessoal. Eu confio no outro e ele confia em mim. É a crença de que o processo não falhará e de que haverá aprendizagem significativa”, disse Leandro.

O grupo do qual faz parte o representante do UNISAL inclui também os docentes Gabriel Fernandes Cardoso – Centro Universitário UDF, Verônica Paludo Bressan, gerente acadêmica e professora da IMED e Fernando Novais da Silva – Faculdade CENSUPEG.

O quarteto tem como objetivo criar uma rede de educação empreendedora, visando o despertar de competências empreendedoras a serem trabalhadas nas IES envolvidas, e a apresentação dos resultados está prevista para novembro, em São Paulo.

O QUE A FINLÂNDIA GANHA COM ESTA TROCA?

O país, referência em educação por ter ensino público desde a infância até a formação universitária, por trabalhar com jornadas escolares mais curtas e possuir infraestrutura diferenciada nas escolas, dentre outras inovações, segue em aprendizado. O Ministro da Economia da Finlândia, Mikka Lintilä, enfatiza a importância da educação para a nova mudança de paradigmas, e que para isso os estudos devem prosseguir ao longo de toda a vida.

O Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino superior no Estado de São Paulo (SEMESP) publicou um artigo em que destaca os pontos que tornam a educação tão bem sucedida na Finlândia – saiba mais aqui: http://www.semesp.org.br/noticias/sete-razoes-que-explicam-o-sucesso-da-finlandia-na-educacao/

Ao final dessa primeira etapa da missão pela qual passou o Prof. Leandro Costa, Carita Prokkié, diretora de Operações Empresariais da TAMK EDU, repassou uma missão aos participantes: não restringir o aprendizado às próprias instituições de ensino. “Teremos de replicar nosso conhecimento aqui para aqueles que talvez não tenham condições de terem essa oportunidade”, finalizou Leandro.