1. Duração do curso

    8 Semestres

  2. Turno das aulas

    Noturno

  3. Horário das aulas

    N: 19h às 22h35

  4. Investimento

    Mensalidades 2018; Noturno: R$ 662,00

  5. Ato Regulatório

    Renov. de Reconhecimento;Port. Nº 1.092/15 publ. em 30.12.2015

Sobre

Oferecer formação inicial ampla para o exercício da docência na Educação Infantil, Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Ensino Médio – modalidade Normal, EJA – Educação de Jovens e Adultos e em cursos de Educação Profissional tanto na área de serviços como no apoio escolar, ou em outras áreas nas quais sejam previstos conhecimentos pedagógicos em espaços escolares e não escolares;

Articular o ensino, a pesquisa e a extensão.

Pedagogia em Lorena

Está entre os 15 melhores cursos do estado de São Paulo. Foi premiado com 5 Estrelas pelo Concurso Melhores Universidades do Guia do  Estudante da Editora Abril – 2015/2016. Obteve também NOTA 4 no ENADE – MEC, além de ser  referência na Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte.

Objetivo

  • Formar o professor “sintonizado com os aspectos relativos aos cuidados e à educação de crianças” (MEC, 2005, pp.24-25), garantindo a aquisição de conhecimentos em todas as suas dimensões (cognitivo-lingüística, afetivo-emocional, social, física);
  • Ensinar Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, História, Geografia, Artes, Educação Física, de forma interdisciplinar e adequada às diferentes fases do desenvolvimento humano;
  • Compreender a cidadania como participação social e política, assim como exercício de direitos e deveres políticos, civis e sociais, adotando, no dia-a-dia, atitudes de solidariedade, cooperação e repúdio às injustiças, respeitando o outro e exigindo para si o mesmo respeito;
  • Posicionar-se de maneira crítica, responsável e construtiva nas diferentes situações sociais, utilizando o diálogo como forma de mediar conflitos e de tomar decisões coletivas, atuando em espaços escolares e não-escolares.


Área de Atuação

Educação Formal (docência na Educação Infantil, Ensino Fundamental, gestão escolar e educacional, coordenação pedagógica, tutoria e produção de educação a distância), Educação Não Formal (hospitais, ONGs, empresas, educação corporativa e e-learning). Assessoria educacional e didático pedagógica.


Perfil do Egresso

O pedagogo atuará como professor na educação infantil, no ensino fundamental, na educação de jovens e adultos, em espaços não escolares e como gestor educacional.



Projetos

  • O curso possui Laboratórios de Prática Pedagógica: OFICINA PEDAGÓGICA para atendimento de crianças com dificuldades de aprendizagem, EJA para atendimento à educação  de adultos, CENTRO DE FORMAÇÃO EM GESTÃO EDUCACIONAL para estudo, pesquisa e prática na área da Gestão Escolar.
  • Conta, a partir de 2013, com salas ambiente  para o estudo e a prática de Inovação Pedagógica e de Metodologias Ativas de Ensino e com Brinquedoteca para atendimento pedagógico.
  • Promove eventos que articulam teoria e prática pedagógica como Oficinas, Workshops, Debates e Visitas Técnicas.
  • Desenvolve Projeto de Internacionalização para professores e alunos.
  • Participa do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência) vinculado à CAPES, atuando em duas escolas do Ensino Fundamental, da Rede Municipal de Lorena, com vistas a promover  a formação teórico prática do licenciando.
  • Participa do Grupo de Estudos do Observatório de Violências nas Escolas que por sua vez integra a CÁTEDRA DA UNESCO – EDUCAÇÃO, JUVENTUDE  E SOCIEDADE .
  • Fomenta a pesquisa por meio do GEPEA – Grupo de Estudos e Pesquisa em Ensino e Aprendizagem.
  • PROJETO PEDAGOGOS NA ESCOLA –  Implementação a partir de 2013, objetivando possibilitar  o contato efetivo do licenciando com os desafios do cotidiano escolar e contribuindo para a elevação do IDEB de escolas de Ensino Fundamental do Município de Lorena, que serão adotadas pelo curso de Pedagogia.


Emprego e Estágio

O Estágio Supervisionado constitui-se, dentro das exigências curriculares, um campo privilegiado para o exercício da prática profissional supervisionada e propicia oportunidade para análise desta prática à luz dos conteúdos teóricos inseridos nos cursos.

De acordo com a nova Lei de Estágios, Estágio é o ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa a preparação para o trabalho produtivo de educandos que estejam frequentando o ensino regular em instituições de ensino superior. O estágio faz parte do projeto pedagógico do curso, além de integrar o itinerário formativo do educando.

Tendo em vista as disposições nos documentos legais que normatizam os processos avaliativos por parte do MEC em relação aos cursos de licenciatura, procura-se a integração efetiva do Estágio Supervisionado com a Produção Acadêmica.

Este processo procura estabelecer a retro-alimentação teoria-prática/prática-teoria que se conforma como o núcleo essencial dos cursos de licenciatura. Acrescente-se ainda o fato de que o parâmetro curricular “prática de ensino sob forma de estágio supervisionado” constitui um importante atributo dos cursos que se propõem a formar professores.

A própria natureza da “prática de ensino sob forma de estágio supervisionado” conduz o aluno a interagir no campo empírico propriamente dito, em virtude de sua vivência na realidade escolar. Esta vivência, com suas mais variadas experimentações, deve estabelecer nexos com atributos acadêmicos e científicos sustentados através da supervisão por parte de professores do UNISAL.

O curso de Pedagogia, na busca de implementar tais orientações, no que concerne ao estágio supervisionado dos alunos entre o 3º e 6º Períodos, nomeou suas linhas de estudos com o títulos:

1) “Docência – ensino fundamental e educação infantil”. Tal escolha justifica-se pela própria especificidade do espaço escolar, lócus privilegiado para a construção e a reconstrução de conceitos de ensino e de aprendizagem, de avaliação, de leitura e de escrita, de habilidades e competências à luz da tarefa educativa na educação infantil e séries iniciais do ensino fundamental.

2) “Gestão de projetos educativos”. Tal escolha pretende incentivar o desenvolvimento de projetos educativos em espaços escolares e não-escolares, em diferentes ambientes da sociedade, que privilegiem a educação pela arte, pela cultura, pela saúde, pelo meio ambiente, visando o fortalecimento da identidade do pedagogo e o compromisso com a educação.

De acordo com a nova Lei de Estágios: ” O estágio poderá ser obrigatório ou não-obrigatório, conforme determinação das diretrizes curriculares da etapa, modalidade e área de ensino e do projeto pedagógico do curso.

§ 1o  Estágio obrigatório é aquele definido como tal no projeto do curso, cuja carga horária é requisito para aprovação e obtenção de diploma.

§ 2o  Estágio não-obrigatório é aquele desenvolvido como atividade opcional, acrescida à carga horária regular e obrigatória” (LEI Nº 11.788, DE  25 DE SETEMBRO DE 2008 )


Coordenadora de Curso:

Me. Maria Aparecida Felix do Amaral e Silva
curso.pedagogia@lo.unisal.br

Avise-me