Já falamos no Blog sobre o uso de filmes como uma forma de ajudar nos estudos, abordando as disciplinas de Matemática e Filosofia. Agora, iremos focar em uma disciplina essencial no Ensino Médio e Fundamental, e que também é uma opção de carreira para alguns alunos, estamos falando de História.

Com certeza você já deve ter assistido vários filmes sobre figuras históricas, guerras e outros acontecimentos que formaram a sociedade como conhecemos hoje, afinal este é um tema muito abordado pela indústria cinematográfica. No entanto, neste post selecionamos 5 filmes que consideramos essenciais para aqueles que se interessam pelo assunto.

  • Alexandre (2004): é uma recriação da história de Alexandre, O Grande, que no século IV a.C. já havia conquistado a Grécia, a Pérsia, a Índia e o Afeganistão, o que representava 90% do mundo conhecido na época. O filme conta detalhes da vida do conquistador, bem como muitas de suas batalhas e políticas de conquista.

  • A Lista de Schindler (1993): conta a história de Oskar Schindler, um homem oportunista, sedutor, simpático, comerciante no mercado negro, mas que também se relacionava muito bem com o regime nazista, sendo membro do próprio Partido Nazista. Apesar de seus defeitos, ele amava o ser humano e assim, mesmo perdendo toda a sua fortuna, conseguiu salvar mais de mil judeus dos campos de concentração.

  • Cruzada (2005): retrata a história de Balian, um jovem francês, que após perder tudo o que possuía, encontra honra e redenção em uma aventura pela Jerusalém medieval, enfrentando forças avassaladoras e desiguais para salvar seu povo e cumprir seu destino como um verdadeiro cavaleiro.

  • Joana D’Arc (1999): revela a história de Joana, criada por uma família religiosa e que testemunha o estupro e morte da irmã pelas mãos de um exército invasor. Anos depois, ainda em período de guerra, Joana vai até seu rei levando uma mensagem que ela atribuiu a Deus: dar-lhe um exército e, em nome de Deus, ela reclamará seu reino de volta.

  • Maria Antonieta (2007): reproduz a história da princesa austríaca Maria Antonieta, que é enviada ainda adolescente à França para, como parte de um acordo entre os países, se casar com o príncipe Luis XVI. Na corte de Versalles ela se envolve em regras rígidas de etiqueta, disputas familiares e fofocas, fazendo com que ela se sinta profundamente desconfortável. Praticamente exilada, decide criar um universo à parte dentro da corte, no qual pode se divertir e aproveitar sua juventude enquanto que, no mundo fora de seu palácio, a Revolução Francesa está prestes a começar.