II Encontro CDIO Brazilian Meeting reúne instituições no UNISAL Lorena

Evento discute e proporciona melhorias dentro do ensino de Engenharia nas Instituições de Ensino Superior

Foi realizado em 01 e 02 de fevereiro de 2018 no UNISAL Lorena o II Encontro CDIO Brazilian Meeting, com mais de 10 Instituições de Ensino Superior e representantes de empresas  de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. O programa CDIO (Conceive, Design, Implement, Operate) é uma iniciativa de colaboração internacional para a evolução no ensino da engenharia, implementando novas metodologias que aprimorem e facilitem a aprendizagem dos futuros profissionais do mercado.

Este segundo Encontro é um preparativo para o VI Encontro Latino-Americano CDIO, que reunirá no UNISAL Lorena, em maio, instituições de ensino do Chile, Colômbia e Peru. “Trata-se de uma oportunidade única para a troca de experiências sobre o que está dando certo e o que precisa ser mudado no ensino da Engenharia”, revelou Lucio Veraldo, Coordenador do curso de Engenharia de Produção e um dos responsáveis pelo evento no Brasil.

As instituições participantes – dentre elas a ITA, USP, FIP, UNESP, UFF e UniToledo – foram recepcionadas com a mensagem de boas-vindas da Diretora Operacional do UNISAL Lorena, Grasiele Nascimento, que brincou com o fato de ser da área do Direito e estar num evento da Engenharia. “Acredito que devemos unir nossas áreas para expandir o conhecimento e preparar ainda mais o profissional que formamos”.

Na oportunidade, vários docentes puderam relataram suas experiências – como Bruno Vidal, que contou como os alunos propõem soluções para problemas das metrópoles; Benedito Almeida, que compartilhou experiências com o uso de metodologias ativas de ensino; e Paulo França (UNISAL Lorena), Marco Antonio (EEL/USP Lorena-SP), que fizeram uma rápida contextualização das instituições que representam e quais ações inovadoras elas realizam.

Jorge Luiz Rosa, Doutor e Mestre em Engenharia Mecânica e Professor do Curso de Engenharia de Produção do UNISAL Lorena, aposta na mudança democrática do modelo tradicional de ensino – que segundo ele, já não atende mais o perfil de aluno e de mercado em vigência. “É preciso unir forças para representamos a importância do ensino de qualidade e da maneira didática por parte das instituições. Se não houver esse engajamento, o nível de profissionalização e o conhecimento poderão ser comprometidos”, revelou o docente.

Já Helder Oliveira, Coordenador de Inovação das Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros (Minas Gerais) vê no empreendedorismo a oportunidade para mudar a estagnação no Brasil: “Às vezes esperamos muito por parte do governo, mas a mudança e as soluções podem estar em nossas mãos. Por isso (há) encontros como este, despertando em nós, docentes, o que podemos compartilhar com nossos alunos, futuros profissionais de mercado”.

Saiba mais sobre o CDIO e o reconhecimento do UNISAL por parte da organização mundial em unisal.br/unisal-sera-uma-das-organizadoras-do-v-encontro-latino-americano-cdio-2017/ e no site do programa, em inglês: http://cdio.org/cdio-history.