Pra Sempre UNISAL | Ex-Alunos
alexandre-livro-1

“Após mais de 3 anos de um intenso trabalho de pesquisa e desenvolvimento de conteúdo, tenho o prazer de comunicar o lançamento do meu livro”.

A fala orgulhosa é de Alexandre Correa Lima, Ex-Aluno do Direito UNISAL. Ele divulga a sua primeira obra literária: “Pesquisas de Opinião Pública – teoria, prática e estudos de caso”, lançada pela Novatec Editora.

O trabalho reúne em 400 páginas a história da atividade, teorias psico-sociológicas, metodologia, margem de erro, interpretação de pesquisas, valores sociais, Big Data, Neuromarketing e muito mais.

livro-opiniao-publicaPara Alexandre, o livro é uma ferramenta importante para todo o tipo de público, em especial, aqueles pessoas que trabalham com Jornalismo, Publicidade, Ciência Política, Marketing ou Sociologia.

Alexandre criou um site e um vídeo para divulgar a nova obra. Basta acessar o site ou o vídeo no Youtube.

O livro está sendo vendido nos principais sites de livrarias do Brasil. Na Amazon, por exemplo, o exemplar é encontrado por R$63,77. Acesse neste link.

O lançamento acontecerá no dia 11 de abril, às 08h30 da manhã, na sede da ABEP (Associação Brasileira das Empresas de Pesquisa), na Rua 9 de julho, 4865 (conj. 31A), em São Paulo.

O evento contará com um bate papo sobre Opinião Pública com Alexandre Lima e o Sociólogo Paulo Cidade e depois, uma manhã de autógrafos. Os participantes do evento terão 30% de desconto no livro. A entrada é gratuita.

SOBRE O AUTOR

ALEXANDRE CORREA LIMA é fundador e Diretor Presidente da MIND PESQUISAS, é Pós-Graduado em Administração de Marketing, tem Master em Comunicação Empresarial e cursou a Escola Avançada de Pesquisa de Mercado na University of Georgia (Atlanta/EUA). É membro ativo da American Marketing Association.

Atua na coordenação, planejamento e execução de projetos de pesquisas diversas empresas, em suas múltiplas modalidades (qualitativa e quantitativa) e tipos: pesquisa de mercado, pesquisa de opinião pública, pesquisa eleitoral, pesquisa de audiência, pesquisa de clima organizacional, pesquisas satisfação de clientes e projetos ad-hoc (sob encomenda). Ao longo dos últimos 25 anos, coordenou e liderou milhares de projetos de pesquisas.

É Palestrante, Professor da FGV e em diversos cursos de MBA e Pós-Graduação.

suhel-livro

Neste ano que se inicia sairá mais um livro de minha autoria, cujo título é Curso de Direito Empresarial”. A fala é do Professor Suhel Sarhan Júnior, Professor do Curso de Direito e da Pós-Graduação UNISAL.

A nova obra, de 646 páginas, é voltada para alunos de Graduação e Pós-Graduação, além de atender aqueles que estão se preparando para Concurso Público e Exame de Ordem.

livro - direito empresarial- suhel júnior-2Alcançar o leitor é o escopo basilar de qualquer livro. Neste espírito foi escrito este Curso de Direito Empresarial, cuja finalidade principal é a de realmente apresentar todo o conteúdo desta disciplina, atualizado com recentes posições jurisprudenciais e também nos ditames do Novo Código de Processo Civil. Na obra é abordado todo o conteúdo programático (Teoria Geral, EIRELI, Microempresa e Empresa de Pequeno Porte, Direito Societário, Propriedade Industrial, Títulos de Crédito, Falência e Recuperação de Empresas e Contratos Mercantis e Civis). O resultado culminou neste Curso, que visa atender os anseios tanto daqueles que terão o primeiro contato com a matéria, bem como dos que buscam respostas mais aprofundadas para solução de problemas práticos.

A pré-venda já está sendo feita com desconto neste site.

Currículo – Suhel Sarhan Júnior

Formado em Direito e Mestre pelo UNISAL Lorena. Especialista em Direito Empresarial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Cursos de Extensão pela Harvard University (Cambridge) e University of Toronto (Canadá). Professor de Direito Empresarial do Damásio Educacional, nos cursos preparatórios para OAB, Carreiras Jurídicas e Pós-graduação. Professor de Direito Empresarial e Civil nos cursos de Graduação e Pós-graduação do UNISAL Lorena.

Autor das obras “Direito Empresarial à Luz do Código Civil e da Lei de Falência e de Recup. de Empresas”, “Função Social da Empresa e seu Princípio da Preservação”, “Direito Empresarial: Manual Teórico e Prático” e “Curso de Direito Empresarial. Citado algumas vezes pelo Superior Tribunal de Justiça. Agraciado com o prêmio “Láurea de Mérito Docente”, concedido pela Seccional da OAB/SP. Autor de artigos científicos.

retalhos ex-aluna 1

A Ex-Aluna do Curso de Engenharia de Automação e Controle, da Unidade de Campinas/São José, Camila Borges Kaihatu, lançou o livro: “Retalhos: Almas em Versos”, na 24.ª Bienal do Livro em São Paulo, que aconteceu de 26 de agosto a 04 de setembro, no pavilhão do Anhembi.

O livro Retalhos é uma antologia poética com temática livre, composto principalmente por poemas sobre a vida, sentimentos inerentes a condição humana e que enfatizam as mazelas sociais.

retalhos ex-aluna 2O UNISAL é um dos patrocinadores do livro e, segundo o Irmão Marcelo dos Santos Oliveira, Gerente Financeiro do Campus, é importante esse apoio aos Ex-Alunos que são referências e que desenvolvem trabalhos de destaque na sociedade.

Veja demais fotos na Fanpage da Ex-Aluna.

lançamento livro Milena Sellmann UNISAL (12)

Projeto completa 1 ano com a participação de 1.500 pessoas

Ativa é o nome que se dá as atividades realizadas mensalmente na Biblioteca do UNISAL. O projeto completa neste mês de setembro o primeiro ano de existência. Cerca de 1.500 pessoas participaram das oficinas, palestras, workshops, exposições e outras ações.

Como parte da programação, a Biblioteca Ativa também iniciou, em 2016, o Lançamento de livros de Professores, Colaboradores, Alunos e Ex-Alunos do UNISAL.

“A intenção é mostrar que é possível transformar o conteúdo aprendido em material relevante e nossa comunidade acadêmica em modificadora da sociedade”, destaca Fátima Medeiros, coordenadora da Extensão do UNISAL.

Dois Ex-Alunos e, agora, Professores do UNISAL, aceitaram o desafio de dividir com a comunidade acadêmica e externa os seus livros.

Lançamentos de livros

lançamento livro Milena Sellmann UNISAL (18)No dia 15 de setembro, a Professora dos Cursos de Mestrado e de Direito do UNISAL Lorena, Milena Zampieri Sellmann, lançou seu novo livro: O “ISS no Contrato de Franquia” na Biblioteca. O evento foi acompanhado por Alunos, Professores e Colaboradores UNISAL.

Advogada tributarista, ela contou que trabalhou com um olhar diferente para concluir a obra. O ISS é um tributo de competência dos municípios e Distrito Federal e incide sobre a prestação de serviços.

“Eu busquei mostrar em minha obra ser inconstitucional a cobrança, pois não há nesse processo o produto final, ou seja, o serviço. Sendo assim, não cabe a cobrança, tal medida, fere um direito social”, revelou a autora, durante sua apresentação.

Os contratos de franquia empregam milhares de pessoas. O sistema de franchising se tornou bastante popular ao longo das últimas décadas no Brasil. A ideia de se valer de uma marca já conhecida e respeitada no mercado atraiu pequenos e grandes empresários com o objetivo de abrir suas próprias empresas.

O livro da Professora Milena contém 195 páginas e foi lançado pela Editora CRV. A edição está sendo vendida a R$45,90 pelo site www.editoracrv.com.br.

Dos tributos para a história…

lancamento livro Diego Amaro UNISAL (40)A senhora do Café, Maria Joaquina de Almeida, ganhou um livro sobre sua trajetória. O lançamento no UNISAL também ocorreu dentro da programação da Biblioteca Ativa no mês de agosto. No dia 18, o Professor Diego Amaro de Almeida, contou aos presentes um pouco mais sobre a construção do livro, os bastidores e a trajetória da mulher, considerada a Matriarca do Café.  O autor da obra falou sobre o que o motivou a investir na história do gênero e na vida de Maria Joaquina.

“Muitas pessoas foram importantes nesse processo de amadurecimento da pesquisa, ver todo esse conteúdo concretizado, é um orgulho”, revelou Diego, ao longo de sua apresentação.

A história que se passa no período do café, século XIX, busca descrever os anseios da mulher do passado, que, em muitos casos, se assemelham à mulher do futuro. O livro articula a história de vida da fazendeira à conjuntura econômica do período de formação e consolidação da cafeicultura em Bananal (SP).

O livro, lançado e produzido pela Editora Mariana Bastose e impresso pela Editora Santuário, está sendo vendido a R$35,00 e pode ser adquirido pelo e-mail diegoamaro23@gmail.com.

milena-sellmann

A Ex-Aluna e Professora dos Cursos de Mestrado e de Direito do UNISAL Lorena, Milena Zampieri Sellmann, lançou neste mês de julho seu novo livro: O “ISS no Contrato de Franquia”.

Advogada tributarista, preventiva e contenciosa, desde 2000, e também Professora de Direito Tributário nos Cursos de Graduação e Pós-graduação (Lato Sensu e Stricto Sensu) em Direito do UNISAL Lorena/SP, a autora trabalhou com um olhar diferente para concluir a obra, que tem como protagonista o ISS, imposto sobre serviços de qualquer natureza.

Trata-se de um tributo de competência dos municípios e Distrito Federal e incide sobre a prestação de serviços. O livro contém 195 páginas e visa demonstrar ser inconstitucional referida cobrança no contrato de franquia. A publicação foi lançada pela Editora CRV.

 

Saiba mais sobre a autora

A professora Milena Zampieri Sellmann é especialista, Mestre e Doutora em Direito Tributário pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). Também concluiu MBA na área de gestão acadêmica pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo – U. E. de Campinas/SP (UNISAL/CAMPINAS). Extensão Universitária em Boston College, Laspau, University of Toronto, University of London, University of Southern California, Hong kong Institute of Education, Center for World-Class Universities of Shanghai Jiao Tong University e Université Paris – Est Créteil. Graduada em Direito pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo – U. E. de Lorena/SP (UNISAL/LORENA).

Capa Livro frenteAdquira o seu livro

A edição já está sendo vendida a R$45,90 pelo site www.editoracrv.com.br.

Livro-Diego-Amaro

 Lançamento oficial do livro do Ex-Aluno aconteceu em Bananal, onde ela passou a maior parte da vida

A trajetória da mulher, considerada a Matriarca do Café e da cidade de Bananal, ganhou uma versão atualizada. A obra “Maria Joaquina de Almeida, a Senhora do Café”, teve o lançamento oficial no dia 23 de julho, na Fazenda Boa Vista, em Bananal (SP), residência oficial da mulher que dá nome ao livro.

Dezenas de pessoas, entre família, amigos, turistas estiveram presentes acompanhando a apresentação oficial do projeto.

O Professor, Mestre em História Social, Diego Amaro de Almeida, autor da obra, falou por cerca de 30 minutos sobre o que o motivou a investir na história do gênero e na vida de Maria Joaquina.

“Foram muitas vindas à Fazenda, e algo sempre me instigava a ir além. Até que uma grande amiga, Graziela Silva, disse-me: você deve escrever um livro. Então, dediquei-me ao projeto”, revelou Diego.

Acompanhado de sua irmã mais nova, Maria Clara, Diego fez questão de agradecer aos presentes pelo apoio e incentivo à pesquisa.

A mulher que dá nome ao livro morreu ainda no século XIX e também já não tem mais parentes vivos, ainda assim, está presente em cada parte de Bananal. A história que se passa no período do café busca descrever os anseios da mulher do passado, que, em muitos casos, se assemelham à mulher do futuro. (Leia mais sobre o livro abaixo.)

O Pesquisador do UNISAL e também Ex-Aluno também destacou a importância do apoio da instituição, do IEV (Instituto de Estudos Valeparaibanos), da Academia de Letras, da Fazenda Boa Vista, da Editora Mariana Bastos, aos professores e Colegas do UNISAL e, em especial, à família, para a construção do livro, e para que esta publicação pudesse perpetuar a história de uma cidade que já liderou a economia por meio da cultura do café e hoje é lembrada pela sua pacatez colonial.  “Esse livro não é somente meu, é também de muitas pessoas que estiveram e estão comigo desde antes desse projeto nem pensar em ser um livro. Essa obra é de todos vocês”, disse Diego Amaro.

A apresentação também contou com a participação bem-humorada do Professor, Coordenador do Curso de História do UNISAL Lorena e amigo pessoal do autor, Antonio Tadeu de Miranda. “Parabenizo ao escritor Diego Amaro pela insistência em escrever sobre algo tão distante de nós, mas que guia nossos dias até hoje, parabéns por acreditar na história”, disse Tadeu.

Após a apresentação do livro, houve uma sessão de autógrafo e muitos registros fotográficos.

O autor já pensa na próxima obra, a lenda de Maria Augusta, conhecida popularmente como sendo a “loira do banheiro”.

Maria Joaquina de Almeida, a Senhora do Café Diego

Sobre o livro

“Maria Joaquina de Almeida, a Senhora do Café”, é resultado do trabalho que teve como intuito documentar, analisar e compreender melhor a vida dessa mulher, fazendeira  de café do Vale do Paraíba, à luz dos preceitos emanados da História de Gênero.

Maria Joaquina viveu na segunda metade do século XIX, viúva do Comendador Luciano José de Almeida, rico cafeicultor bananalense que fez fortuna no segundo quartel daquele século, ficou conhecida popularmente como a “Matriarca de Bananal”.

O livro procura-se articular a história de vida da fazendeira à conjuntura econômica do período de formação e consolidação da cafeicultura em Bananal (SP), e assim entender como se deu sua atuação como administradora destes negócios no âmbito das relações sociais que regravam a atuação das mulheres naquele período.

“Apresentamos um retrato da mulher e o seu contexto social, especificamente em um espaço regional, caracterizado pelo período de ouro do desenvolvimento econômico do café no Império do Brasil, numa sociedade marcada pela estrutura patriarcal. Nesta sociedade, por várias vezes a mulher precisou romper limites, adequar situações, superar determinações fixadas em um imaginário em que prevaleciam as regras elaboradas e estabelecidas como padrão a partir do universo masculino”, afirma o professor.

O livro, lançado e produzido pela Editora Mariana Bastos, e imprimido pela Editora Santuário, está sendo vendido a R$35 e pode ser adquirido pelo e-mail diegoamaro23@gmail.com.

Sobre o autor

Diego Amaro de Almeida, Mestre em História Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2014), Licenciado em História pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo (2009). Atualmente é Professor de Sociologia e de Políticas Públicas e Legislação Educacional do Centro UNISAL de Lorena (2014), Pesquisador do Portal valedoparaíba.com (2008), Assistente do CESAPER-Centro Salesiano de Pesquisas Regionais – Prof. José Luiz Pasin (2010), Assistente da Coordenação do Curso de Licenciatura em História – UNISAL (2011). Tem experiência na área de História Regional e Local, com ênfase na História de Gênero. Membro do IEV-Instituto de Estudos Valeparaibanos (2007), onde ocupa o cargo de tesoureiro, realiza junto ao IEV atividades do NEPA – Núcleo de Estudos Patrimoniais e Ambientais (2010) representando o Instituto de Estudos Valeparaibanos junto a COMPHAC – Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural em Lorena. Membro da Comissão de Organização dos Simpósios de História do Vale do Paraíba evento realizado anualmente pelo IEV. Membro efetivo da Academia de Letras de Lorena (2015).

Clique aqui para ver as fotos do lançamento!

livro-roberto-bastos-2

O Ex-Aluno do Mestrado em Direito do UNISAL, Roberto Bastos de Oliveira Júnior, lançou no último sábado, dia 18 de junho de 2016, o livro “Instituições de ensino superior abertas à terceira idade: direito do idoso, espaço diferenciado de aprendizagem e inclusão social”, dentro da sessão da Academia de Letras de Lorena.

livro-roberto-bastos-5O assunto é o tema de sua dissertação do Mestrado. Mestre em Biodireito, Ética e Cidadania, Especialista em Direito do Estado, Advogado, Secretário de Esporte, Juventude e Lazer do Município de Lorena, Totô, como é conhecido, trabalhou seis meses na obra que, também, contou com a participação da Irmã Salesiana, Prof. Dra. Olga de Sá. Com o livro, o autor espera despertar no coração dos leitores, de todas as idades, o desejo de participar da luta pela garantia dos direitos, não só dos idosos, favorecendo, assim, efetivamente, justiça, um mundo melhor. Clique aqui para saber mais.

Adriano Fernandes - Ex-Aluno

Não é de hoje que a Biblioteca do UNISAL Lorena realiza eventos abertos à comunidade acadêmica e comunidade externa. Inserido no público que conheceu de perto da doutrina de Dom Bosco, estão os Ex-Alunos. Basta uma oportunidade, e eles retornam à instituição.

Dessa vez, a “Biblioteca Ativa” foi o convite  para egressos estreitarem o relacionamento com os atuais Alunos.

Exposição Monteiro LobatoEm abril, (18 a 25 de abril) a Semana do Livro Infantil contou com a Exposição Monteiro Lobato, arte em grafite, cedida pelo Ex-Aluno de Matemática Angelito Márcio Ramos. Já imaginou um Aluno dos cálculos falando de Monteiro Lobato, o mestre da literatura? Essa mistura atraiu visitantes e Alunos e foi considerada pela coordenação da Biblioteca, um sucesso.

.

Livro Guarda-chuvas e BicicletasAinda em abril, (07 de abril), o bate-papo rolou com o Ex-Aluno de Geografia,  Adriano Fernandes. O escritor e autor do livro “Guarda-chuvas e bicicletas”, contou o motivo pelo qual escolheu o  título curioso, além  de outras histórias sobre sua formação, infância e  carreira profissional. O evento contou com a participação de Colaboradores, Alunos e Comunidade.

.

Exposição Cultura IndígenaO Dia do Índio também foi lembrado pela Biblioteca do UNISAL. Entre os dias 06 a 15 de abril, o setor virou uma oca para a exposição Cultural Indígena, do Instituto UKA. O acervo é  do Ex-Aluno de Filosofia, Daniel Munduruku.

Escritor indígena, graduado em Filosofia, e com licenciatura em História e Psicologia, Daniel coleciona títulos e prêmios.  Recebeu diversos reconhecimentos no Brasil e Exterior, entre eles os Prêmios Jabuti e Tolerância (outorgado pela UNESCO).  Daniel Munduruku é autor de 43 livros sobre educação e povos indígenas voltados para os públicos infantil, juvenil e educadores.

O Diretor-Presidente do Instituto UKA – Casa dos Saberes Ancestrais, aborda uma questão crucial para a construção da cidadania, tendo em vista que essa parcela da população é predominante em várias partes do país. De acordo com o levantamento mais recente do censo demográfico do IBGE, mais de 817 mil brasileiros se declaravam indígenas no ano 2010. A pesquisa registrou 274 idiomas entre as trezentas e cinco etnias encontradas.

“O tema ‘povos indígenas’ torna-se relevante pela questão histórica, ainda mais se levarmos em conta o crescimento exponencial dessa população nas últimas duas décadas”, afirmou Daniel a uma entrevista ao Canal Futura em 2015.

Clique aqui para saber mais sobre o Instituto UKA!

Além das atividades com a participação dos Ex-Alunos, nos dias 05 e 19 de abril aconteceu o Projeto de Incentivo à Leitura com os Colaboradores dos setores de Manutenção, Limpeza e Segurança do UNISAL

É aí que entra a ”Biblioteca Ativa”, para tratar desses e outros temas que ajudam a construir a cidadania.

padre-mario-lendo

Desde que eu era estudante na Itália, um grande professor de direito canônico disse aos alunos:

“Para vocês não ficarem por fora, devem ler o jornal do dia (alguma coisa), uma revista da semana e um livro por mês.”

Isso tenho procurado fazer há mais de 60 anos. Nas férias tento fazer mais.

Além do livro de orações e da missa, estou li a vida de um Papa que sempre foi um grande ídolo meu pela sua grande bondade e sabedoria, o papa João XXIII (Paulus Editora).

Um outro livro é “Simplesmente MUJICA”, ex-presidente do Uruguay (Editora La Fonte Ltda).

Um é santo. O outro é ateu. Dos dois dá para colher muita sabedoria, um falando do evangelho, o outro falando de política.

E você? O que está lendo?

padre-mario-unisal

Padre Mario Bonatti, Assessor Salesiano em Lorena/SP.

livro-chacon-unisal

professor e ex-aluno Luis Chacon, que ministra aulas para o Curso de Direito do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Lorena apresenta seu novo livro: “Manual de Prática Forense Civil”, pela Editora Saraiva. O livro foi publicado no começo de fevereiro.

“A mudança do Código de Processo Civil vai alterar a vida de praticamente todos os processos judiciais no Brasil. Isso vai mexer com a vida da população em geral, dos profissionais do Fórum, dos Juízes, dos Promotores, dos Advogados e dos Estagiários de Direito. Mais do que isso, algumas mudanças foram significativas, o sistema mudou bastante e isso vai exigir estudo e dedicação de todos os profissionais”, revela o autor do livro.

A publicação oferece a oportunidade de acesso aos temas processuais da petição inicial, da defesa do réu e dos recursos, com análise lógica do processo e modelos de petições baseados especificamente no Novo CPC. “É preciso acompanhar as mudanças de perto, sobretudo, começando por uma leitura que permita compreender o passo a passo do Novo Código”, conclui Chacon.

mario-dias-filosofia-unisal

O livro “O conceito de Justiça em Paul Ricoeur”, organizado pelos professores Lino Rampazzo e Mario José Dias, foi uma iniciativa conjunta entre a coordenação do Mestrado em Direito e o Curso de Filosofia do UNISAL  - Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Lorena. A ideia partiu do “Seminário Internacional Ricouer”, que aconteceu na Unidade de 05 a 07 de agosto de 2013, para celebrar o centenário do nascimento do filósofo francês, Paul Ricoeur (1913-2005).

A obra, de 196 páginas, disponibiliza a síntese das palestras proferidas no evento. Encontram-se, na edição, as reflexões de dois professores do Mestrado em Direito, José Marcos Miné Vanzella e Ana Maria Viola de Sousa, como as de dois professores do Curso de Filosofia, Jefferson da Silva e Marcius Tadeu Nahur.

E nem precisa dizer que eles, além de professores, os escritores e organizadores são Ex-Alunos UNISAL, por isso o PRA SEMPRE divulga e incentiva essa e demais iniciativas.

A publicação também destaca o diálogo com pesquisadores de outras Instituições Universitárias, Alino Lorenzon (Universidade Estadual do Rio de Janeiro), Hélio Salles Gentil (Universidade São Judas Tadeu – SP), Roberto Roque Lauxen (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – Vitória da Conquista, BA) e Ricardo Rossetti (Universidade Metodista de São Paulo).

Há, ainda, a contribuição de Andréa Santos Souza, Mestre em Filosofia e em Direito e Promotora de Justiça do Estado de São Paulo. E, por se tratar de “Seminário Internacional”, é apresentada a contribuição das palestras de Giulia Paola Di Nicola e Attilio Danese, fundadores e diretores do “Centro Ricerche Personaliste” e da Revista Internacional “Prospettiva Persona”, profundamente ligada ao pensamento de Ricoeur.

A obra está sendo vendida por R$ 44,90 e pode ser adquirida por meio do link.

Você, Ex-Aluno, tem um livro publicado e gostaria de divulgar neste hotsite? O espaço é seu. Envie suas informações para adriana.neves@lo.unisal.br.

maria-eunice2

“Seja a mudança que você quer ver no mundo”. Mahatma Gandhi

Tem Ex-Aluno UNISAL colocando em prática uma das frases mais completas já conhecidas em toda a humanidade.

E o Programa PRA SEMPRE está presente para divulgar, entre outras ações, atividades exercidas pelos egressos salesianos e que provocam mudanças significativas na sociedade.

Maria Eunice Rodrigues é um exemplo a ser seguido. Graduada em Pedagogia e Pós-Graduada em Psicopedagogia e Psicomotricidade pelo UNISAL Lorena, ela tem a missão de difundir sua história para um universo infinito de pessoas que a profissional só tem a chance de conhecer com um trabalho engrandecedor como é o dela.

A experiência de ter passado por um câncer resultou no livro “Casa arrumada – Apesar do furacão e através dele. Uma história sobre como encarar o câncer para curar a alma”. Paulinas Editora, 2013. Tão grande foi o sucesso que houve uma nova edição, em 2015, e o lançamento, em formato digital, em 2016.

unisal-maria-eunice-assisE pensa que ela parou por aí? Que nada! Do livro, Maria Eunice investiu em uma palestra. “A verdadeira história da menina espantalho” é o tema deste enredo que contagia o público de  maneira leve e reflexiva a partir do exemplo  de uma menininha da roça que espantava passarinhos no arrozal. A pedagoga traz a atitude ingênua de uma criança à nossa realidade atual, quando precisamos ser profissionais e pessoas resilientes.

Ao longo da apresentação, Maria Eunice também aborda a importância do desenvolvimento integral do ser humano, por meio da harmonia entre corpo e espírito. E convida a todos para uma postura inusitada e inovadora: espantar a prostração, o mau humor, a falta de sentido para a vida e a negatividade.

Maria Eunice aposta na conversa consigo mesma e na fé em Deus para tirar lição até mesmo de momentos que parecem ser ruins. Afinal, foram 3 anos de tratamento contra esta doença que, em muitos casos, é fatal.  “Desta forma, podemos auxiliar as pessoas em sua vivência pessoal, interpessoal e profissional, de modo que toda a vez que uma pessoa adotar essa nova postura possa refletir em um ser saudável, harmônico, cuidadoso consigo, com os outros e com todo o contexto ao seu redor.” – Afirma a Ex-Aluna.

Instigante a história dessa nossa guerreira, não é mesmo?

Acesse o vídeo e se surpreenda ainda mais.

Maria Eunice também compartilha suas experiências em uma rede social. Clique aqui e confira!

paulo-vasques-unisal-livro

O ex-aluno e professor dos Cursos de Psicologia e Direito do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Lorena, Paulo Maurício Vasques, lançou dia 17 de fevereiro, o livro: “Medicina Legal: Cursos e Concursos.” Além de psicólogo, Paulo também é médico. Por isso a obra é voltada aos estudantes de Medicina e do Direito e, principalmente àqueles que já graduados nessas áreas pretendem submeter-se a concursos públicos onde a matéria Medicina Legal é exigida.

É um livro que não tem a pretensão de ser uma obra doutrinária complexa e completa. Ao contrário, com formato compacto e objetivo pretende auxiliar àqueles que necessitam do conhecimento básico da área da Medicina Forense tanto na sua atuação acadêmica como profissional. Sua apresentação temática seguida de questões de concursos auxilia tanto o estudante como o concursando em uma melhor fixação do material estudado.

Seu conteúdo apresenta os principais temas de interesse da Medicina Forense: perícias e peritos; antropologia forense; traumatologia forense (classificação das lesões corporais e lesões produzidas por energias); asfixiologia; sexologia forense e provas de exclusão de paternidade; tanatologia e cronotanatognose; lei dos transplantes; toxicologia forense e psicopatologia forense.

foco-ex-alunos-unisal

Acabei de ler o livro “Foco”, de Daniel Goleman, psicólogo, escritor e autor do clássico “Inteligência Emocional”, que revolucionou o modo como o mundo enxerga a inteligência, antes totalmente baseada na habilidade racional e cognitiva, o famoso QI – Quociente de Inteligência.

Neste novo livro, o autor mistura os últimos achados da neurociência com toda sua experiência e sagacidade para jogar luzes sobre uma tendência contemporânea: a dificuldade cada vez maior de manter o foco.

Não é absurdo afirmar que a atenção será o grande ativo das próximas décadas. A Revolução da Informação, e toda a parafernália tecnológica que vomitou no nosso cotidiano (smartphones, redes sociais e dispositivos de trocas instantâneas de mensagens), nos tornou viciados em estímulos ininterruptos e fragmentos de informação, aumentando tanto a dispersão quanto a ansiedade.

Estamos sempre na angústia do momento seguinte. Tão afobados que não somos mais capazes de usufruir o momento, queremos avançar rapidamente para o próximo capítulo, o próximo instante, deletando o presente na ilusão que assim antecipemos o futuro. Só que desse modo não conseguimos interiorizar a experiência, e sem assimilar o valor das coisas o efeito inevitável será sempre a hegemonia do vazio. Temos cada vez mais pressa, mas não fazemos a menor ideia de onde estamos indo. A velocidade virou um fim em si mesmo.

Consumimos muita informação, mas produzimos pouca reflexão. Está difícil se concentrar e prestar atenção em qualquer coisa, num mundo assolado por distrações de todo tipo.

O autor é eloquente ao fazer a associação entre a capacidade de se concentrar e o sucesso, tanto na vida pessoal quanto profissional.

E embora já nasçamos com alguma predisposição genética a sermos mais ou menos dispersos, a boa notícia é que a atenção é como um músculo, que pode ser treinado e condicionado a atuar de forma melhor e mais intensa.

Um dos conceitos mais interessantes do livro é o de mente ascendente e mente descendente, dependendo de quais regiões cerebrais estejam no controle do processo. A mente ascendente é nossa arquitetura cerebral mais primitiva, intuitiva, automática e controlada pelas emoções, e temos menor controle racional sobre ela, enquanto a mente descendente é controlada por impulsos cognitivos, sobre os quais podemos exercer um maior controle.

capa_focoO autor fala ainda do Foco Triplo da Atenção: o foco interno (que regula o nosso autoconhecimento, nossas intuições e nossa bússola interna de valores); o foco no outro (que diz respeito ao nosso relacionamento com as outras pessoas e nossa capacidade de manifestar empatia) e o foco externo, que é nossa capacidade de interpretar e interagir com o mundo e os sistemas que nos rodeiam, algo particularmente importante para os líderes empresariais e governamentais.

O livro, interessante na maior parte dos casos e repetitivo em alguns trechos, vale a pena sobretudo por convocar à reflexão: temos que focar no que realmente é importante e nos faz melhor, não apenas como indivíduos e profissionais, mas sobretudo como espécie humana e sociedade.

Não é possível viver uma vida em que a gente saiba cada vez mais sobre tudo e sobre todos, mas cada vez menos sobre nós mesmos.

Alexandre Correa Lima se formou em Direito no UNISAL Lorena em 1994. Atualmente é administrador e palestrante.

LANCAMENTO LIVRO SODERO + PREMIACAO IEV (31)

Organização do livro contou com ajuda de Ex-Aluno

 

Tudo começou sem muita pretensão, mas o resultado de um trabalho intenso de recolhimento de dedicatórias ao Mestre da História, Francisco Sodero, resultou em um rico livro de informações sobre a Região, o Brasil e o Mundo.

“O Guardião do Vale” pode ser considerado mais uma daquelas obras a recorrer sempre quando se pensa em amizades verdadeiras, autenticidade, cultura, dedicação ao trabalho e à missão que temos na vida: a de compartilhar conhecimento.

Uma homenagem pensada pela esposa, Maria Amália, pelos  filhos Jackie Sodero, Frederico Sodero, Maria Ismênia Sodero, e por seguidores como Diego Amaro, Ex-Aluno e amigo do professor. Presente inusitado para comemorar a chegada dos 70 anos do professor, também Ex-Aluno.

Num total de 176 páginas, amigos como o saudoso, José Luiz Pasin,  Nelson Pesciotta, Padre Mario Bonatti, Humberto Felipe, Henrique Alckmin, Elisa Regina Gomes Salles, Thereza e Tom Maia, entre tantos outros autores que deixam a formalidade de lado e se rendem à palavras regadas de simplicidade para descrever detalhes da relação com um homem sem muitos segredos. Talvez seja mesmo a simplicidade que tenha atraído tantos amigos e admiradores de Sodero ao evento de lançamento do livro em Lorena.

No dia 17/10, durante a sessão mensal da Academia de Letras de Lorena, no auditório São José, da FATEA, a programação, já recheada de muita cultura,  contou com um final emocionante: a  homenagem ao professor Sodero.

Diego e Sodero em uma reportagem sobre a Serra da Mantiqueira.

Diego e Sodero em uma reportagem sobre a Serra da Mantiqueira.

Em um discurso harmônico, um dos organizadores do livro, Prof. Diego Amaro, falou sobre a trajetória do professor ao longo de 50 anos em sala de aula. Também não deixou de citar a importância histórica deste homem para a História Valeparaibana. “É ele quem coloca o Vale no holofote, na visão de todos. E também faz o caminho inverso, regionaliza histórias nacionais”, afirma Diego.

Ao final da apresentação do livro,  Prof. Sodero agradeceu a todos os autores que contribuíram  para a produção da obra.

“A história de Franciso Sodero se compara à travessia de um rio”, diz a sinopse do livro”.

E, neste caso, um rio gigante. Como toda imensidão, a representatividade de Sodero não caberia em apenas um dia de gratidão e reconhecimento.

Por isso, o lançamento ocorreu em duas datas. A segunda delas, no dia 07/11, no Salão do Júri, durante as festividades de premiações do IEV, Instituto de Estudos Valeparaibanos, do qual Sodero faz parte.

Foram premiadas 18 pessoas, entre elas, Aziz Nacib Ab’Saber, Ruth Guimarães Botelho, Marcio Tomas Bastos entre outros, com a Medalha Mérito “Paulo Pereira dos Reis” destina-se a destacar o desempenho profissional de pessoa nascida ou residente no Vale do Paraíba há mais de 5 anos, desde 1997 até 2014

Ao final do evento, Sodero recebeu a singela lembrança por tanta dedicação à vida.

Quando indagados sobre a figura do professor, os participantes do evento foram unânimes dizer que Ele sempre foi um daqueles homens inovadores. Encanta sem muito falar.

Mas o Mestre do Vale insiste em falar. Quando profere poucas palavras, emociona por tamanho engajamento.

“Continuarei lutando, persistindo na trilha que conduz ao grande ideal do homem: a busca pela perfeição da ação em liberdade, consciente e responsável.” (pág 147).