Pra Sempre UNISAL | Ex-Alunos
thiago-ex-alunos-unisal

Thiago Ribeiro Borges
Formado em Psicologia em 2013 e Aluno da Pós-Graduação de Psicopedagogia.

Sempre fui uma pessoa reservada e muito tímida, desde os anos iniciais da escola até o final do ensino médio. Porém, desejando seguir uma área profissional optei por tentar o vestibular do Curso de Psicologia no Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL), no município de Lorena, por recomendação de uma amiga de grande confiança. Após alguns dias, recebi a confirmação de minha aprovação.

No primeiro dia de aula, em fevereiro de 2009, estava incrivelmente preocupado e ansioso, apenas imaginando como seria minha turma, se gostaria do curso e quais seriam as dificuldades envolvidas.  Todavia, ao entrar pela primeira vez na sala de aula, fui recebido junto aos meus colegas de maneira extremamente acolhedora e calorosa. Pude sentir a humildade em meus professores, sempre muito atenciosos e gentis. E, aos poucos, conheci a filosofia e os valores cultivados pela instituição salesiana e pregados por Dom Bosco, a saber: o diálogo, ética, profissionalismo, solidariedade e amorevolezza.

Esses ensinamentos e tantos outros foram sendo repassados diariamente por todos os funcionários da instituição, independentemente do setor e da hierarquia, desde a portaria, passando pelas salas de aula até a reitoria.

Uma pessoa que me inspirou, de forma especial e particular, a olhar a vida com outros olhos, quer dizer, a entender que “a vida tem a cor que você pinta”, foi o P. Mario Bonatti, sempre maravilhado com os jovens, de presença amistosa e, principalmente, praticando seus famosos “cafezinhos”, em que proferia sábias e profundas reflexões em todas as salas de aula da instituição. Tais momentos sempre me fizeram questionar o que é realmente importante na vida, um tesouro que carregarei comigo eternamente.

Por meio do incentivo e dos desafios propostos por meus professores fui me percebendo cada vez mais enquanto sujeito carregado de possibilidades e sonhos. Um fato que me recordo bem foi uma prova de oratória de temática livre proposta no primeiro semestre do curso pela Prof.ª Marcilene Bueno, em que me desafiei a falar sobre a “Timidez”, obtendo ao final da avaliação uma pontuação excelente, além, é claro de encarar um de meus maiores obstáculos: a timidez.

Ao relembrar a cena, percebo que foi um de meus primeiros passos na superação de minhas próprias barreiras e limites. Após esse episódio, diferentes situações se apresentaram em meu caminho ao longo da Graduação.

No primeiro ano comecei a me envolver com pesquisas e eventos acadêmicos e, a partir desse momento, redescobri uma paixão imensurável pela prática da ciência, coisa que eu sonhava desde criança ao ver documentários e profissionais lidando com tubos de ensaio num laboratório e fazendo seus experimentos. Por fim, minhas investigações acabaram sendo pautadas na aprendizagem e no desenvolvimento humano, temas que me motivam a entender cada vez mais a complexidade que permeia a todos nós.

Por meio da participação em diferentes congressos, palestras, oficinas e demais atividades fui progressivamente tomando consciência de meus potenciais e da capacidade de encarar novos horizontes.

Da mesma forma, a possibilidade de fazer voluntariado no ambiente interno do UNISAL foi um aprendizado muito rico. Uma doce lembrança que tenho é de minha breve participação no Programa “Idade Ativa”, em que pude auxiliar pessoas acima de 50 anos no aprendizado do computador e da internet, além de tantos outros momentos de responsabilidade social, como visita a asilos, ONGs, participação em projetos educacionais dentre outros, que me fizeram perceber o quanto podemos nos comprometer e ajudar um pouco a vida de outras pessoas, um valor que faço questão de carregar comigo até hoje.

Não poderia deixar de mencionar que ao longo de toda minha caminhada no UNISAL, a presença de meus queridos companheiros de sala, e hoje amigos na vida, foi uma fonte de realização, alegria e aprendizado. Tantas lições apresentadas diante de meus olhos, por meio das atitudes, sentimentos, dificuldades, dramas, limitações e conquistas que meus amigos vivenciaram me marcaram profundamente e me fizeram crescer mais como ser humano.

Por conta de tantas experiências maravilhosas serei eternamente grato ao UNISAL por me prover tamanhas alegrias, realizações pessoais, amizades extraordinárias e a possibilidade de despertar para uma vida nova.

Baixe o E-book Gratuitamente com todas as histórias da 3ª edição dA vida nos Pátios do UNISAL!

teatro-unisal

Euni Vieira e Silva
Formada em Pedagogia em 1991 e
Coordenadora de Estágios dos
Cursos de Licenciatura

Em fevereiro de 1989, na primeira semana de aula do Curso de Pedagogia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Lorena, participávamos das atividades de convívio, que previam várias ações competitivas intercursos, em que éramos testados em diferentes modalidades: 1) Solidariedade: doação de alimentos; 2) Conhecimentos gerais e específicos dos cursos; 3) Arte.

Os times, representados pelas cores: vermelha, azul, branca, amarela e verde, eram compostos pelos Cursos de Pedagogia, Filosofia, História, Psicologia, Direito, Geografia e Matemática.

As atividades foram realizadas no Teatro São Joaquim. Em cada dia da semana havia uma atividade diferente! Naquele dia, especificamente, havia chovido muito, cheguei atrasada, verifiquei que o Auditório estava cheio, e do meu time, que era o vermelho, tinham apenas cinco pessoas, contando comigo…

Xi! O que teríamos para aquela noite?! E logo vieram as orientações: cada equipe deveria criar e apresentar um teatro. O tema era aberto. Meu time, até então desconhecido para mim, conversou e viu que não tinha a menor chance de participar devido ao pequeno número de participantes. Mas eu, recém-casada e mãe, não podia perder meu tempo ali, queria
vivenciar todos os momentos e, de comum acordo, decidiu-se que eu poderia ir para o palco, sozinha, representando o time vermelho.

Já, nos bastidores, conversei com alguns integrantes de outros times, se eles poderiam me ajudar. Todos concordaram.

Ah! Chegou a vez do time vermelho! Ousei existir! Fui à frente do palco, iluminado com pouca luz, e comecei a declamar uma poesia, mais ou menos assim:

O que viemos fazer aqui?

Estudar? Aprender? Conviver?

Por que viemos aqui?

Viemos realizar os nossos sonhos? Viemos por causa de nossos pais?

Nossos filhos? Viemos aprimorar a nossa profissão? Para melhorar a condição de vida?

Não importa! O que importa é que estamos aqui! Enquanto tantos não podem estar!!! Estamos vivendo um tempo tão difícil! De fome e misérias, guerras, individualismos e egoísmos!!!

E nós estamos aqui escrevendo uma história… sairemos daqui diferentes…

Então, vamos viver muito bem este tempo de formação! Vamos fazer deste, um momento único! Vamos nos unir pela educação, pela sociedade e pela paz!

euni

Euni, sua antiga colega de faculdade, Maria Eunice (à esquerda) e sua atual colega de trabalho, Joyce Silva (abaixo).
Foto: Arquivo Pessoal

(Neste momento os integrantes de outros times entraram no palco e demos as mãos.)

Sim, juntos podemos mais!

No final da apresentação todo o auditório aplaudiu. Para a nossa surpresa, o time vermelho venceu esta modalidade! Justamente, isso não era esperado, pois queríamos somente participar! E participar foi um ato de acreditar na vontade de estar ali, na Faculdade! Essa era a minha vontade e de cada integrante dos demais times!

Vontade de estudar, de aprender e ser feliz!

Baixe o E-book Gratuitamente com todas as histórias da 3ª edição dA vida nos Pátios do UNISAL!

formatura-adm-psi-rh-log (14)

O Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena, concluiu a enquete com os Alunos concluintes dos Cursos de Graduação em 2016. A ação, realizada por meio do Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno, tem o objetivo de compreender como é a realidade do recém-formado, além de obter um retorno dele a respeito das competências obtidas e a qualidade do curso ofertado pelo UNISAL.

Dos 555 Ex-Alunos, 102 responderam ao questionário, o que representa uma amostra de 18%.

O resultado surpreendeu o Programa Pra Sempre. Veja os motivos!

70% dos participantes afirmaram estar empregados. Em comparação à enquete realizada no ano anterior, houve aumento de 20%. O número referente àqueles que já estão atuando em sua área de formação corresponde a 52%.

90% dos participantes disseram que o UNISAL ofereceu, de maneira plena ou suficiente, as características para exercerem a profissão, 77% declararam que o mercado de trabalho tem exigido prática profissional, sinônimo de preocupação e, ao mesmo tempo, desafio para eles, que conquistaram há pouco o diploma.

Otimista com a enquete, a Pedagoga Juciele Siqueira também ressalta a sua expectativa em relação ao mercado. Ela espera que os Alunos posam ser mais ouvidos  pelos empregadores  e que suas críticas ajudem a rever o que não está satisfatório, ao mesmo tempo que seja mantido aquilo que é positivo para o desenvolvimento de uma empresa.

Segundo o MEC (Ministério da Educação), ter uma formação profissional aumenta em 48% as chances de um indivíduo em idade ativa ingressar no mercado de trabalho. A pesquisa “A Educação Profissional e Você no Mercado de Trabalho”, divulgada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV – 2010), mostrou também que os salários daqueles que têm um curso profissionalizante são até 12,94% mais altos e é de 38% a probabilidade de se conseguir um trabalho com carteira assinada, em confronto com candidatos com escolaridade inferior.

Para o coordenador de regulação da educação profissional, que representou o MEC no lançamento da pesquisa em São Paulo, Marcelo Feres, não há dúvidas de que a educação profissional tem sido cada vez mais atrativa para o jovem, por habilitar mais rapidamente para o mercado de trabalho.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), divulgou, em 2014, que faria  uma pesquisa nacional com egressos da educação superior para coletar informações sobre empregos obtidos por profissionais formados. O estudo teve como base aqueles que participaram do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), em 2009 e 2012.O órgão informou que os dados servirão para aferir o impacto da política de avaliação e estabelecer a relação entre o Enade, a qualidade da educação superior e a capacidade de conseguir trabalho. Os resultados, entretanto, ainda não foram divulgados.

Já a enquete realizada pelo Pra Sempre com egressos do UNISAL Lorena revelou que a formação humana, a facilidade de comunicação oral e escrita e a facilidade para trabalhar em equipe ocupam o topo das características oferecidas pelo UNISAL que foram listadas por eles.

37% declararam ter obtido a visão empreendedora. Um bom exemplo disso é o fato de que 6% deles terem aberto o próprio negócio.

A preocupação com a formação contínua também foi evidenciada: 85% dos recém-formados afirmam que têm intenção de realizar um Curso de Extensão ou de Pós-Graduação em 2017.

ex-aluno-unisalRafael da Silva Valim, que acaba de concluir o curso de História só tem a agradecer ao UNISAL.

“Gostei muito das oportunidades que a instituição ofereceu para meu crescimento. A cada ano a coordenação vem pensando projetos novos para usar no Curso. Inovação e criatividade têm sido os pontos fortes”, afirma Rafael.

Ele é um dos que está empregado e pretende realizar a Pós-Graduação em Formação de Docentes para o Ensino Superior.

Já a Ex-Aluna, Caroline Correia, aproveitou a enquete para fazer uma solicitação à instituição onde ela se graduou. “O UNISAL poderia realizar atividades e projetos psicológicos que visem as necessidades dos estudantes e da população da cidade”, registra Caroline.

Em uma avaliação geral, 40% deles afirmam que o UNISAL é 5 Estrelas.

Dentre os participantes da enquete, 4 ganharam um kit como símbolo de nossa gratidão. Os premiados foram:

Samantha Carvalho Xavier – Engenharia Civil

Vanderson Lobo – Engenharia Civil

Natasha Sanches de Barros Ozório – Direito

Caroline Figueira – Gestão de Recursos Humanos

Parabéns! O UNISAL os aguarda para a retirada do presente.

“Precisamos ficar atentos aos sinais que o mercado tem demonstrado e contribuir diariamente, com pequenas ações, para garantir que nossos egressos sejam bem empregados na área escolhida. Essa é a missão do Pra Sempre!” – afirma a responsável pelo Programa na Unidade de Lorena, Adriana Neves.

GEG-lorena

O Programa Pra Sempre realizou no dia 6 de março, no UNISAL Lorena, mais um Encontro especial de formação. A palestra, promovida pelo Grupo de Educadores Google, teve como título: “Como uma empresa privada pode contribuir para a melhora da educação no país?”. Dessa vez, o encontro contou com a experiência da Diretora de RH da CPI | Tegus (Cruzeiro-SP), Lívia Zappa, que defende a ideia de que, mesmo empresas pequenas conseguem fazer grandes diferenças e impactar o mundo com educação e tecnologia.

GEG-lorena-1A empresa desenvolveu um projeto de voluntariado, no qual, funcionários atuam como mentores de alunos de uma escola pública. O projeto atende jovens do ensino médio e tem como objetivo auxiliá-los na escolha profissional com a utilização de tecnologias no processo de aprendizagem. Já o GEG Lorena tem como desafio contínuo atrair multiplicadores capazes de disseminar o uso das Tecnologias Google em sala de aula e contribuir na transformação do ensino.

GEG-lorena-2

Para um dos responsáveis pelo GEG em Lorena, Ex-Aluno Thiago Ribeiro Borges, foi uma alegria e um aprendizado trocar essa experiência com a palestrante Livia Zappa e com o público.

“E na graça de compartilhar o saber que novas ideias, projetos e sonhos podem ser cultivados. Agradecemos muito à palestrante que dividiu conosco sua sabedoria e experiência. Ela nos apresentou seu potencial, e o quanto o mundo empresarial pode trazer para o universo da educação”, revelou Thiago.

GEG-lorena-3

Um dos participantes, o estudante Caio Lorenzon Trogiani, avaliou como positiva a oportunidade, em especial, para ele que busca ser um diferencial no mercado de trabalho. Alunos de diversos Cursos participaram do encontro.

Vale realizar também um agradecimento especial à empresa Tecnia, de Cruzeiro, liderada pelo Deivid Fidalgo, sempre parceira do projeto.

formatura-engenharias-ccp-2016 (180)

Professores e Alunos descrevem a certeza de uma boa convivência e formação integral na instituição

Um mix de alegria, saudade, tristeza e ansiedade tomou conta dos corações de mais de 550 Alunos que se formaram em 15 Cursos de Graduação do UNISAL Lorena.

As formaturas ocorreram no dia 10/12/2016 e no período de 31/01 a 03/02/2017.

Alunos que cruzaram por 3, 4 e 5 anos pelos Corredores, Salas e outros espaços do UNISAL, desta vez se reuniram e trouxeram uma torcida de peso, familiares e amigos, para ser testemunha de um momento único: ver o sonho de uma carreira realizado.

A Filosofia encerrou 2016 com muitos Alunos esclarecidos sobre o real sentido de nossa existência, dentre eles, Láhria Stéfhani Mota Moreira Pinto. “A Filosofia para mim vem como o ingrediente que faltava e que agora dá ainda mais sentido à minha carreira de advogada”, afirma ela, Ex-Aluna também do Curso de Direito UNISAL (2008).

O ano letivo de 2017 teve início com gosto de encerramento para os graduados dos Cursos de Engenharias, Direito, Pedagogia, História, Matemática, Psicologia, Gestão de RH, Administração, Logística e Computação.

As formaturas contaram com o rito já conhecido e preparado pela empresa responsável, PROMOVER, juntamente com o Setor de Relações Institucionais do UNISAL.

A abertura contou com a participação da Diretora Operacional do UNISAL, Prof.ª Dr.ª Grasiele Augusta Nascimento.  Houve também o momento para a execução do Hino Nacional, com participação assídua do público ao entoar a composição escrita pelo poeta e jornalista Joaquim Osório Duque Estrada.

Como instituição salesiana de Dom Bosco, a Pastoral da Universidade também participou com palavras de P. Ilmário Pinheiro e P. Mario Bonatti, sobre sermos a luz do mundo.

Os ritos também contaram com o Juramento, Outorga de grau, Entrega dos diplomas e o momento mais esperado: os discursos.

formatura-engenharias-ccp-2016 (216)

A equipe de Comunicação e Marketing separou trechos de alguns discursos de Alunos graduados no UNISAL. Citações a Dom Bosco, à família, aos Alunos e Professores fizeram parte das homenagens:

Administração

“Só nós e aqueles que nos apoiaram e nos viram lutando podem dizer que foram horas estudando, criando, colocando a teoria em prática, trabalhando para sermos os melhores”.

“A vida só é vivida olhando para frente, mas só é entendida, olhando para trás. Meu agradecimento a todos vocês”.

Ciência da Computação

“Confesso que me perguntei inúmeras vezes o que poderia discursar. Falar do mercado, futuro, ou o que? Então li a seguinte frase de Dom Bosco: ‘Consideremos (nossos alunos) como filhos, pondo-nos a seu serviço, e não dominando’. Então resolvi começar a falar de nossa relação.”

Direito

“5 anos, 5 anos juntos, 5 anos intensos, 5 anos de aprendizados que certamente levaremos conosco em nossas vidas, profissional e, principalmente, pessoal, já que não tenho a menor dúvida de que cada um de nós aprendeu um pouco com o outro”.

“… o enfrentamento das provas, das intermináveis horas de estudo, dos problemas familiares, das perdas….. em contrapartida, vieram as novas amizades, os amigos que chegaram e ficaram”.

Engenharias

 “Passei horas olhando nossas fotos e relembrando nossos momentos dentro e fora da sala de aula. Cada projeto, cada prova, cada seminário”.

A oradora Vanessa Fernandes da Silva disse o seguinte:

“Hoje concluímos mais uma etapa de nossas vidas e esta, sem dúvidas, é apenas uma das tantas vitórias que estão por vir”.

“Resumo tudo isso com uma breve mensagem de Paulo Coelho que diz que ‘quando amamos e acreditamos do fundo de nossa alma, em algo, nos sentimos mais fortes que o mundo, e somos tomados de uma serenidade que vem da certeza de que nada poderá vencer a nossa fé’.”

História

A Aluna Fátima das Neves discursou de forma bem-humorada:

“Ainda bem que não tenho problema sério no coração, então poderia morrer de repente por tamanha alegria contida em mim, ter vivenciado três anos maravilhosos, com uma galera extremamente incrível”.

Logística

“Devemos este crescimento a nossos mestres, professores que se empenharam em transmitir seus conhecimentos.”

Matemática

“O estudo sempre foi parte importante da vida de todas as pessoas, não apenas o estudo teórico, mas também o aprendizado prático.”

Pedagogia

“Todos aqui presentes vieram prestigiar e parabenizar cada uma e cada um de vocês. Eu, por outro lado, tenho aqui outra função, que é a dar as boas vindas à vocação que vocês abraçaram como verdade de vida”, revelou um Professor do Curso.

Psicologia

“Muitos de nós nem eram adultos quando iniciamos essa jornada. Outros eram um pouco mais ‘experientes’, entretanto, sabemos é que todos chegaram aqui hoje mais sábios e mais conscientes de quão ignorantes somos diante do tanto que há pra se aprender.”

Esses 555 Alunos agora fazem parte de um seleto grupo de egressos, já composto por outros mais de 18 mil Egressos. A responsável pelo Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno, Adriana Neves, falou sobre o assunto: “A formatura, sem dúvidas é um marco que sela um momento de transformação na vida de cada um. Desejamos permanecer na vida de cada Ex-Aluno e que eles sintam-se sempre bem-vindos à esta casa”.

Os formados receberam um cartão que os parabenizava pela conquista e com informações para participar do Pra Sempre.

Confira os álbuns das cerimônias!

Filosofia – 10/12/16 | História, Matemática e Pedagogia – 31/01/2017
Computação e Engenharias – 01/02/17
Direito – 02/02/17
Administração, Gestão de RH, Logística e Psicologia – 03/02/2017

colacao-grau-campinas-unisal-2016

A Colação de Grau dos Alunos do UNISAL, Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Campinas – Campus São José ocorreu em 25 e 26 de janeiro de 2017.

Quem conduziu a sessão solene foi o mestre de cerimônia Cristian Eduardo Barbosa, com a presença da Direção, Coordenação e professores. As noites foram marcadas por muita emoção e sentimento de dever cumprido, com direito a discursos, homenagens aos mestres, Alunos que foram destaque e a colaboradores do UNISAL. Foram cerca de 200 formandos e mais de 1000 convidados entre amigos e familiares.

Além dos juramentos, da Outorga de Grau e entrega dos canudos, houve um momento de reflexão realizado pela Pastoral da Universidade, que lembrou a importância da perseverança dos Alunos para conseguirem vencer os desafios e concluir mais uma etapa em suas vidas.

No encerramento das cerimônias os coordenadores de Curso e o Diretor de Operações Anderson Luis Barbosa deixaram uma mensagem especial aos Alunos parabenizando-os pela conquista.

“Foram momentos únicos e o final de uma etapa que lembrarão para sempre. Que todos os formandos possam exercer suas profissões com empenho, dedicação e responsabilidade.”

As Colações de Grau foram realizadas em parceria com a empresa Perfil eventos, foi realizada no Ginásio Poliesportivo no dia 25 e no dia 26 o local da cerimônia foi o Auditório Artêmides Zatti,

Clique aqui e confira todas as fotos da Colação de Grau de 25.01.

Clique aqui e confira todas as fotos da Colação de Grau de 26.01.

formandos-pesquisa-unisal

Sejam-bem-vindos à rede de profissionais formados pelo UNISAL, Ex-Alunos!

Gostaríamos muito de saber sobre sua carreira, conquistas e participação no mercado de trabalho, nesta fase de conclusão do curso. Para isso, contamos com alguns minutos do seu tempo para que participe de um levantamento de informações que tem por objetivo mapear e caracterizar a inserção e a participação do formando no mercado de trabalho tendo-se por base a formação acadêmico-profissional efetivada no UNISAL Lorena, e assim, contribuir para a melhoria do curso frequentado por você.

Caso tenha realizado outros cursos, por favor, preencha as informações sobre o curso concluído em 2016.

Ao responder a este instrumento você concorrerá a 3 kits com itens do Programa Pra Sempre UNISAL que serão úteis para sua vida profissional.

Sua participação é muito importante para nós.

cadastro-mestrado-direito

Você concluiu o Mestrado em Direito pelo UNISAL Lorena? Quermos falar com você

O presente contato  tem como objetivo  estabelecer uma aproximação para nos inteirarmos de sua trajetória profissional, além de intensificar o contato para mantê-los cientes de eventos, publicações e  outras atividades do Programa de Mestrado do UNISAL Lorena.

Nesse sentido, gostaríamos de contar com sua contribuição no preenchimento deste formulário.

A participação de vocês, realizando o cadastro e respondendo aos questionamentos, é de extrema relevância para reformulações de propostas e melhorias no Programa de Mestrado, além de colaborar para o atendimento das exigências da CAPES.

Agradecemos a colaboração.

Iniciar!

marco-maratona-2

*Na foto, Marco Antonio era aluno do último ano e participava, com sua equipe, da Maratona de Programação.

Pesquisadores da Approved Index fizeram um levantamento para descobrir quais são os países mais empreendedores do mundo. O resultado foi no mínimo surpreendente: ao invés do sempre vencedor Estados Unidos, o primeiro colocado nesta lista foi a Uganda, com uma taxa de empreendedorismo de 28%. O Brasil, famoso pela criatividade, também está na lista. Ocupa a 3ª colocação, com 13,8%.

Brasileiros como Marco Antonio Floriano e Mateus Penha ajudam nessa estatística divulgada em 2015. Eles se formaram em Ciência da Computação pelo UNISAL Lorena em 2012 e, antes mesmo de concluir o Curso, já se aventuravam em projetos empreendedores. A ousadia trouxe resultados promissores para as carreiras.

O Programa Pra Sempre tem a honra de apresentar a vocês dois exemplos de profissionais que fazem o UNISAL acreditar no diferencial que tem.

marco-florianoMARCO ANTONIO FLORIANO

Ele tem 30 anos, é fundador, desenvolvedor e instrutor na Cursos7, empresa que oferece ensino online de programação e desenvolvimento de sites.

Nunca se aventurou em uma sala de aula e afirma ter dificuldade de falar em público. Mas, quem assiste às aulas práticas e dinâmicas ministradas por ele custa a acreditar na timidez de Marco. Mas como essa entrevista é escrita, à Marco sobraram palavras para falar dos conceitos e dos objetivos da empresa.

“Em 2010, Joomla, Drupal e WordPress foram ferramentas que passaram a fazer parte de nossas atividades na busca pela criação de sites mais profissionais e de forma eficiente. Nossa produtividade e profissionalismo atingiram novos níveis, vimos, então, a necessidade de treinar nossos clientes e colaboradores para o uso correto destas ferramentas.” – declara o egresso.

Inicialmente ele desenvolveu as primeiras apostilas e posteriormente as vídeo-aulas. Com essa evolução, a demanda por novos cursos começou a crescer e a antiga agência de web design se tornou um centro de treinamento. Hoje, a Cursos7 oferece cursos completos para iniciantes que querem aprender a criar sites com os mais modernos CMSs – Content Management System, que traduzindo para o português podem também ser chamados de “Sistemas de Gestão de Conteúdo”.

É assim que vimos o quanto uma vida empreendedora pode ter relação com a vida acadêmica. Quer conhecer melhor essa iniciativa? Acesse o site www.cursos7.com.br e curta a Fanpage da Cursos7!

mateus-penha-2MATEUS PENHA

O gerente de desenvolvimento e proprietário da Debugging, uma empresa prestadora de serviços no ramo de Tecnologia da Informação, focada em soluções de Gestão e Automação Empresarial e Gestão de Clínicas, arrumou um espaço em sua agenda lotada para atender a equipe do Pra Sempre.

Mateus Penha tem em sua cartela de clientes, 350 empresas em mais de 45 cidades da região sudeste. Ele assume uma tarefa um tanto desafiadora todos os dias. “Nossa missão é fazer a vida do pequeno empresário mais fácil na administração de seu negócio.” – afirma Mateus.

A empresa também trabalha como uma fábrica de software, com desenvolvimento de programas sob demanda, sendo uma “software house” (empresa que se dedica a construir software) completa.

E a Debugging sonha grande. Sua Visão é ser referência em fornecimento de software empresarial e soluções computacionais. O Programa Pra Sempre estará sempre de camarote acompanhando esse sucesso.

Saiba mais sobre o negócio no site www.debugging.com.br e curta a Fanpage!

Esses são dois belos exemplos de que todos podem ser empreendedores, independentemente da área e do propósito, apenas com base em seus pontos fortes.

Você é Ex-Aluno UNISAL e também empreendeu em sua própria ideia? Que tal compartilhar sua história conosco? Queremos ter mais exemplos para mostrar. Envie e-mail para adriana.neves@lo.unisal.br.

mestrado-unisal

Cerca de 25 novos Alunos são aceitos para o Programa em 2017

O Programa de Mestrado em Direito do UNISAL termina 2016 com a certeza de dever cumprido.

Ao longo do ano Professores e Alunos participaram de diversos Congressos e Seminários que envolvem as linhas de pesquisa, com apresentação oral de trabalhos, frutos de estudos realizados no Programa de Mestrado.

Jean Gonçalves, um dos 25 aprovados para ingressar, em 2017, no Mestrado está ansioso. Graduado em Direito pelo UNISAL, em 2016, ele irá encarar um desafio em dose dupla. “Além do amadurecimento no estudo, vou pesquisar uma área totalmente diferente da que estudei na graduação, mas tenho certeza de que será uma ótima oportunidade”, revelou Jean. Confira a lista de aprovados.

O Programa de Mestrado prepara e forma professores e pesquisadores aptos a desenvolver e a implementar técnicas jurídicas de aprendizagem da ciência jurídica. São duas linhas de pesquisa: Direitos sociais, econômicos e culturais; Direitos de titularidade difusa e coletiva.

A ansiedade do Jean e de outros Alunos também se deve às estatísticas positivas do Programa em 2016.

A Revista Direito & Paz (ISSN 2359-5035) teve nível elevado em programa de qualidade estabelecido pela Comissão Qualis de avaliação dos periódicos jurídicos nacionais.

Também houve mudança de gestão. Docente por mais de uma década no Mestrado em Direito do UNISAL, a Ex-Aluna Prof.ª Dr.ª Maria Aparecida Alkimin, assumiu, em maio, o posto de Coordenadora. A Prof.ª Dr.ª Grasiele Augusta Nascimento ocupa agora o cargo de Diretora Operacional do UNISAL Lorena, mas não deixou a paixão pelo Mestrado de lado. “Vi o nosso Curso crescer, a nossa trajetória é linda, e só foi possível com muita união”, disse Grasiele em uma das apresentações de eventos do UNISAL.

O ano de 2016 também foi destaque por conta de inúmeras outras atividades. A Proposta de internacionalização do Programa, por exemplo, possibilitou a realização do evento Internacional, IV SEMIDI (Seminário Internacional de Direito), que contou com a presença de palestrantes do Brasil, Colômbia, Argentina e Chile, cuja temática envolvida nos grupos de trabalhos, debates, palestras e conferências foi “Direitos Humanos e Desafios do Século XXI”.

Professores e Alunos do Programa também participaram, em 21 de abril, do I Congreso Internacional de Derechos Humanos promovido pela Universidad Católica Silva Henríquez, Santiago/Chile, em parceria com o Programa de Mestrado em Direito do UNISAL. Em julho levaram o nome do UNISAL para o XXV Encontro Nacional do CONPEDI (Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Direito), que ocorreu em Brasília e, em setembro, para o IV Encontro Internacional do CONPEDI, que ocorreu em Montevidéo-Uruguay. Para finalizar o ano, participaram em dezembro do XXV Congresso Nacional do CONPEDI, em Curitiba (7 a 10 de dezembro).

“O Mestrado também empreendeu atividade de extensão junto à comunidade estudantil e em várias escolas públicas e particulares por meio de palestras, divulgação e distribuição da Cartilha de Direitos Humanos e Bullying, bem como participou da elaboração e divulgação da Cartilha das Eleições, trabalhos amplamente divulgados pela imprensa”, revelou a professora Maria Aparecida Alkimin.

Tudo foi possível graças às parcerias com Núcleo de Extensão e Ação Comunitária P. Carlos Leôncio e Projeto Lorena Pela Vida.

A discussão sobre temas importantes, como é o caso do Bullying também rendeu uma palestra e a distribuição do material para os Colaboradores e Professores na Obra Social Salesiana em Campinas (SP), e alunos da ETEC de Lorena (SP) e Escola Estadual Paulo Virgílio, Cachoeira Paulista (SP). Apresentações que contaram com a participação de dois discentes. “Isso é excelente para a projeção do Mestrado em Direito na sociedade, e mostra que os Alunos são formados para se envolverem e colaborarem com questões sociais e educacionais”, revela Cidinha Alkimin.

A assistente do Programa de Mestrado do UNISAL, Bruna Borges, afirma que é muito gratificante o contato com tantos profissionais e que é notável a mudança em seus perfis, após concluírem o curso no UNISAL.

“Gratidão seria a palavra para definir o que sinto trabalhando no Programa de Mestrado do UNISAL. Digo isso pela convivência com os Professores, mas, principalmente, com os Alunos. Nossos Alunos são juízes, promotores, desembargadores, professores universitários, advogados e é visível a transformação de cada um. O Mestrado os ajuda a tomar conhecimento de sua vocação e podemos vê-los saindo como lindos diamantes lapidados”, concluiu Bruna.

Confira aqui os livros lançados em 2016 pelos Professores do Mestrado
  • Ana Maria Viola de Sousa
    • Direito ao Envelhecimento
  • Daisy Rafaela da Silva
    • Direito Social e Patrimônio Cultural
  • Jaime Meira do Nascimento Junior
    • A integridade física e sua proteção jurídica no Direito Romano
  • Maria Aparecida Alkimin
    • Violência sexual contra a criança e o adolescente: abordagem da violência sexual intrafamiliar de acordo com o sistema de proteção jurídico-legal brasileiro e português
  • Milena Zampieri Sellmann
    • O ISS no Contrato de Franquia
    • Processo Tributário de Acordo com o Código de Processo Civil de 2015
  • Pablo Jimenez Serrano
    • Justiça e direito
    • Doutrina dos direitos humanos
  • Grasiele Augusta Ferreira Nascimento – Maria Aparecida Alkimin – Daisy Rafaela da Silva (ORGANIZADORAS)
    • Direitos Humanos e Juventude: Estudos em Homenagem ao bicentenário de Dom Bosco

premiacoes-iev-unisal (33) 2

O IEV (Instituto de Estudos Valeparaibanos) promoveu no sábado, dia 03/12/16, no UNISAL Lorena, a cerimônia de Premiação Cultural de trabalhos de proteção ao meio ambiente e de cunho artístico.

Nesta edição, o diferencial foi a surpresa dos premiados. “Muitos não esperavam um dia serem reconhecidos pelos seus trabalhos, mas o IEV está de olho em quem faz a diferença na sociedade”, afirmou o membro do IEV e Ex-Aluno UNISAL, Prof. Diego Amaro.

O evento foi coordenado pelo também membro do IEV, Ex-Aluno UNISAL, Árison Lopes, que foi um dos premiados com a Medalha de Mérito do IEV, sem mesmo saber.

Dentre os trabalhos reconhecidos, estiveram o Professor Augusto Deccache (livro sobre Cooperativa “Amigos do Lixo de Guaratinguetá”) e a Colaboradora Natássia Kuraiem (Trabalhos de designer, em especial, da Cartilha de Eleições).

“Para mim, receber o prêmio com o nome do Prof. Luiz Pasin, foi muito gratificante. Na verdade foi uma surpresa para mim, realmente eu não esperava ser homenageado e quanto menos receber o prêmio. mas tenho que agradecer de coração a Prof.ª Maria José Urioste Rosso e a Prof.ª Marcilene Bueno por terem me motivado a escrever e publicar este livro. Também gostaria de agradecer à Lílian de Paula e ao Diego Amaro, pela minha indicação, sou eternamente grato a vocês. E agradecer principalmente à Cooperativa Amigos do Lixo, onde  aprendi muito com o trabalho voluntário e a garra de vencer na vida. No mais, a toda a minha família pela paciência.” – disse Augusto.

“É muito gratificante tocar o público, de alguma forma, com a minha profissão. Diria que essa é uma das melhores partes: ver algo que eu criei chegar às mãos de pessoas que, em muitos casos, eu nunca teria a oportunidade de conversar ou conhecer.” - afirma  a premiada e também Ex-Aluna UNISAL, Natássia Kuraiem.

O dia de premiações foi também uma grande reunião daqueles que estão preocupados com o patrimônio regional, cultural, arquitetônico e artístico da Região Metropolitana do Vale, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira.

Gente que se emociona só de pensar que para proteger o Vale mais pessoas trilham um caminho árduo e se identificam com as mesmas retaliações e obstáculos. Foi o caso do Prof. Fernando Celso Wendling Ananias,  premiado com a Medalha de Mérito Paulo Pereira dos Reis, que chorou ao discursar após receber o prêmio. Professor Fernando é um velho guardião do Rio Paraíba do Sul. Percorre o Brasil levando consigo uma exposição, na qual conta o resultado de uma expedição feita de helicóptero, barco e até um fusca pelas cidades (SP, MG e RJ) abastecidas por esse gigante de 1.137 km de extensão.

A Câmara Técnica da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul, os cliques que têm como modelo a natureza, do fotógrafo Ricardo Martins, as mudas espalhadas pela bondade e vocação de Luis Bettoni, um ativista da Ong Reflorestar é Viver, e a missão de empreender sempre na vida, protagonizada por Marcelo de Elias, também foram reconhecidos.

premiacoes-iev

Foto: Andréia Marcondes

Distinções e Premiados:

Medalha de Mérito Paulo Pereira dos Reis:
Fernando Celso Wendling Ananias

Menção Honrosa:
Marcelo de Elias (Professor UNISAL)

Distinção Cultural Paulo Camilher Florençano (Instituição):
Museu Fragmentos da Revolução de 1932

Menção Honrosa:
Projeto Criança Feliz – EEL-USP

Distinção Cultural Paulo Camilher Florençano (Pessoa):
Duva Brunelli

Menção Honrosa:
Nelma Biondi

Eugênia Sereno (Biografia):
A senhora do Café – Autor: Diego Amaro de Almeida (Professor e Ex-Aluno UNISAL)

Menção Honrosa:
O Marquês de Paraná – Autor: Eduardo César Werneck

Eugênia Sereno (Resgate e preservação da Memória)
Resende: Passado e Presente – Organizador: Mário José Dias (Professor e Ex-Aluno UNISAL)

Eugênia Sereno (Patrimônio Cultural)
40 anos de forno noborigama no Brasil – Organizadora: Liliana Granja Pereira de Morais

IEV – Mídia Cultural (televisão)
Programa de Preservação Ambiental – TV Canção Nova

IEV – Mídia Cultural (Mídia Impressa)
Cartilha sobre Eleições 2016 – UNISAL Lorena

IEV- Mídia Cultural (Designer)
Natássia Kuraiem – Cartilha sobre Eleições 2016 (Colaboradora e Ex-Aluna UNISAL)

Distinção Ambiental José Luiz Pasin (Pessoa)
José Augusto Paes Decacche – Cooperativa de trabalho como opção de inclusão social (Professor UNISAL)

Distinção Ambiental José Luiz Pasin (Instituição)
Luiz Bettoni – Reflorestar é Vivier

Fotografia e memória (Natureza)
Ricardo Martins

Fotografia e memória (Paisagem)
Ricardo Takamura

“É com grande satisfação que recebemos a notícia da premiação ao Programa Preservação Ambiental da TV Canção Nova. Sentimos honrados com tamanho reconhecimento e acolhemos com louvor este mérito”, finalizou Marcelo Chaves, Jornalista – Tv Canção Nova  e Diretor Programa Preservação Ambiental.

Veja o álbum completo do evento no Facebook!

SOBRE O IEV

Há mais de 30 anos o Instituto de Estudos Valeparaibanos instituiu o seu primeiro prêmio com o propósito de incentivar a produção científico-literária na Região. Desde então, outros foram criados. Veja mais aqui.

Conheça mais sobre o IEV. Agende uma visita: Rua Dom Bosco, 284 – Centro – Lorena-SP. Telefone (12) 31592033- ramal 335.

seminario-inovacao-unisal-2

Ex-Alunos participam e integram quadro de professores que apresentaram trabalhos e oficinas

O Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena- Campus São Joaquim, realizou nos dias 2 e 3 de dezembro de 2016 o 2º Seminário de Inovação Acadêmica, com o tema “Desafios da Educação do Século 21”. O evento teve 156 inscritos de 36 instituições diferentes vindas de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Tocantins. A capacitação foi realizada pelo LIA – Laboratório de Inovação Acadêmica do UNISAL – e NAP – Núcleo de Assessoria Pedagógica – e teve como coordenação a secretária do Consórcio STHEM e Coordenadora do Centro de Extensão, Prof.ª Fátima Medeiros.

A busca constante pela inovação no ensino superior foi aceita pelas IEs para passar pelas atuais dificuldades enfrentadas no mercado da educação. Segundo a organização, o número de inscritos ultrapassou a capacidade, o que resultou em uma lista de espera de 42 pessoas. O vice-diretor escolar da Faculdade Don Domênico de Guarujá, litoral sul de São Paulo, Prof. Fernando Passaes, disse que a mudança é uma questão de sobrevivência num mercado competitivo e de formação integral de profissionais.

O Coordenador do LIA e Diretor de Inovação do SEMESP (Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo), Professor Fábio Reis, comandou o  primeiro dia de atividades, em que foi realizada uma mesa de debates sobre Inovação Acadêmica.

Fábio destacou em sua fala a surpresa ao saber do anseio de tantas instituições diferentes em busca de um resultado promissor, que sirva de modelo para outros países.

A Professora Me. Maria Aparecida Felix do Amaral e Silva, que coordena o NAP, Núcleo de Assessoria Pedagógica e o Prof. Fernando Domingues, Diretor de Inovação e Novos Negócios do Colégio e Faculdade ENIAC, São Paulo, também participaram da atividade.

Para Fernando, a inovação está muito atrelada à tecnologia, mas o professor e o aluno devem saber lidar com o quesito mais especial para o sucesso desse processo: a relação humana.

O UNISAL vem ao longo dos últimos anos priorizando e investindo em processos de inovação acadêmica. O Laboratório de Inovação Acadêmica (LIA), responsável pela implantação e análise de resultados dessas metodologias, contribui para a capacitação e formação dos docentes e para a implementação de metodologias ativas de aprendizagem. Os resultados desse trabalho foram apresentados no segundo dia do evento, que contou com workshops e apresentações de trabalhos (rodas de conversa) sobre metodologias ativas de aprendizagem.

Pesquisadores, Professores e Gestores Acadêmicos participaram dos seguintes Workshops:

- “Sala de Aula Invertida: modelo de rotação por estações” com o Prof. Me. Diego Amaro (UNISAL);
- “O que é avaliar no Ensino Superior?” com a Prof.ª Me. Maria Aparecida Felix do Amaral e Silva, Prof. Dr. Mario José Dias e Prof.ª Me. Maria Cristina Santos (UNISAL);
- “Práticas Inovadoras da Educação Básica” com o Prof. André Ribeiro Soares Borges (Colégio São Joaquim);
- “Project Basic Learning (PBL)” com a  Prof.ª Dr.ª  Renata Perrenoud (UNISAL);
- “O Perfil do Professor no Processo de Inovação Acadêmica” com a Prof.ª Maria Aparecida Felix do Amaral e Silva, Prof. Dr. Mario José Dias e a Prof.ª Dr.ª Maria Cristina Santos (UNISAL);
“Plataforma adaptativa e outras tecnologias da educação” com o Prof. Me. Warner Brezolin, Prof.ª Me. Ana Valéria de Almeida Reis e o Prof. Me. Diego Amaro (UNISAL).

O Professor do Colégio São Joaquim e integrante do LIA, André Ribeiro Soares Borges, enfatizou o papel de líderes em sala de aula. Para ele, a inovação pode ser entendida como insatisfação constante e estreitamento de relacionamento entre professor e aluno.

seminario-inovacao-unisal-4

As rodas de Conversa tiveram como tema:

- Tecnologias e aprendizagem ativa;
- Gestão da inovação acadêmica;
- Avaliação e aprendizagem ativa;
- Formação de professores;
- Metodologias Ativas I: Problem Basic Learning (PBL); Team-Based Learning (TBL); Estudo de casos; Flipped Classroom;
- Metodologias Ativas II: Peer Instruction; Blended Learning; Ensino baseado em narrativas; Think Pair Share (TPS); Writing Across the Curriculum (WAC).

Os Alunos de Psicologia aproveitaram a ocasião para fazer uma homenagem a um docente do Curso, que ministrou um dos trabalhos em metodologia. Felipe Stiebler Leite Vilela recebeu um vídeo com uma apresentação, resultado de seu trabalho ao longo do ano em sala de aula.

Para o Professor e também integrante do LIA e Ex-Aluno, Diego Amaro, o 2º Seminário representou a importância do trabalho do LIA e do NAP, que teve como termômetro o engajamento dos participantes. “Os inscritos se mostraram preocupados com a mudança, que envolve ensino-aprendizagem”, revelou Diego.

O Ex-Aluno de Administração, Rodolfo Rosa, fez questão de deixar registrado no álbum do evento no Facebook sua opinião. “Evento incrível! Muito acima de minha expectativa. Parabéns a todos envolvidos.”

Quer conferir também o álbum com demais fotos? Elas estão disponíveis neste link.

 Sobre o LIA

Este foi o primeiro grande evento desde que foi criado o LIA – Laboratório de Inovação Acadêmica no UNISAL, coordenado pelo Professor Fábio Reis, e que tem como membros os Professores Ana Valéria Reis, André Borges, Diego Amaro, Renata Perrenoud e Warner Brezolin.

Acesse o site e saiba mais!

encontro-ex-alunos-unisal (78)

Como era o UNISAL em 1957? Difícil imaginar detalhes com a correria diária e com o crescimento da instituição ao longo de 64 anos de tradição. O relato sobre o mercado de trabalho, com os desafios que ele apresentava na década de 50, foi trazido pelo egresso Antonio de Freitas Castro, um Ex-Aluno de Psicologia, formado em 1957, ao longo de sua apresentação no 2º Encontro dos Ex-Alunos, promovido pelo Programa Pra Sempre UNISAL no último dia 26/11/16 na Unidade Lorena.

Pelo segundo ano consecutivo, o Encontro foi sinônimo de emoção e participação. A exemplo da edição de 2015, em 2016, cerca de 55 egressos participaram.

Egressos mais antigos (formado em 1957) e mais atuais (irá se formar em 2016) estiveram presentes nesta grande festa.

Uma comemoração que contou com Ex-Alunos na composição de um Jingle dos Ex-Alunos, no cerimonial do evento, nas apresentações sobre momentos inusitados dentro da faculdade e na produção do E-book “A vida nos Pátios do UNISAL”.

E quando se fala em egresso, logo muitas memórias vêm à tona.

Memórias traduzidas no abraço dos porteiros e assistentes de pátio, Roberto Ramos e Antonio Ferreira, que diariamente recebem a comunidade acadêmica com um cumprimento caloroso. Não foi diferente ao longo do evento.

A cerimônia, com a temática de cinema, contou com dois Ex-Alunos na apresentação: Árison Lopes e Rafaela Molina (História – 2013).

P. Mario Bonatti, Assessor Salesiano, também esteve presente no tradicional café salesiano. Ele tirou gargalhada do público ao dizer que a reunião é sinônimo de amor, força e de Dom Bosco presente.

Os participantes vieram de longe para o encontro. Ex-Alunos de Campinas, Jundiaí, Resende, e de cidades da Região foram recebidos por Professores e Assistentes de Coordenação. E o registro de todas as presenças foi feito num quadro de assinaturas.

Muitas histórias e momentos marcantes. Sobrou para o Ex-Aluno e atual Professor de História, Davi Coura, contar tudo em um jingle lançado ao longo do Encontro. O Ex-Aluno falou de saudade para resumir a trajetória de mais de 17 mil egressos do UNISAL.

Ficou curioso para saber mais sobre a letra?

Acesse aqui e faça o Download gratuitamente.

.

Não somente Davi Coura não teve coragem de se despedir do UNISAL logo que se formou como também a atual Diretora de Operações, Grasiele Nascimento, que falou em seu discurso, carregado de emoção, que quer permanecer por toda a vida na casa salesiana. Diego Amaro, Ex-Aluno de História e atual Professor do UNISAL recebeu a missão de contar sobre a trajetória da instituição em mais de 6 décadas de existência. Ele resumiu em uma fala o desafio de inovar diariamente.

A responsável pelo Programa Pra Sempre de Relacionamento com o Ex-Aluno, Adriana Neves, apresentou o lançamento do E-Book “A Vida nos Pátios do UNISAL”. Ela enfatizou os relatos emocionantes da edição 2016, que valoriza a passagem de figuras marcantes pelo UNISAL e que não estão mais no dia-a-dia da comunidade acadêmica. São eles: Carlão da Portaria e Renata Nunes, Ex-Aluna UNISAL.

Confira a 3ª edição do E-book aqui e compartilhe essas lindas histórias.

.

Adriana lançou um desafio aos presentes: se dividirem em grupos para contar cenas inusitadas que marcaram a época em que estiveram no UNISAL.

O resultado foi surpreendente!

Seis grupos contaram relatos: sobre o PIBID, relacionamento com Professores que influenciou na vida profissional, a família que começou a ser formada no UNISAL e a fala do Aluno mais antigo a participar do evento. Tudo com aquele gostinho de pipoca de cinema.

Um dos apresentadores do grupo usou um caderno antigo para contar sua passagem pelo UNISAL. O material foi o primeiro usado na aula do Professor mais antigo do Curso de Direito,  Luiz Rebello.

A história escolhida pela Comissão Avaliadora como vencedora do Prêmio Curta-Metragem foi a da Ex-Aluna, Carla Taciana Batista da Silva Aoki, egressa do Curso de Geografia. No ritmo das famílias, ela falou sobre um parto, que por pouco não foi feito dentro da sala de aula do UNISAL. “Para todos, o UNISAL é nascimento, e um parto realizado na instituição selou a saída dos Alunos daquela época da instituição”.

A organização do evento também premiou com o troféu Longa-Metragem o Ex-Aluno e atual Professor do Direito, Paulo Tavares, que, no ato da inscrição, respondeu à pergunta com um depoimento emocionante: Qual o projeto mais importante que você realiza(ou) em sua carreira?

“Participar do dia-a-dia dos meus alunos no UNISAL, que acabam se tornando meus amigos. É com alegria que tento ajudá-los a caminhar rumo à realização de seus sonhos. Fazer a diferença para eles é o que me realiza e me faz ser melhor a cada dia.”

Confira o vídeo do Encontro aqui!

Ao final do encontro, os Ex-Alunos foram convidados a selar o dia com um registro em um dos pontos mais marcantes do UNISAL: a escadaria do Palacete.

Confira todas as fotos no álbum do Facebook!

.

O Programa Pra Sempre já tem uma nova data para o encontro de 2017: 3º Encontro dos Ex-Alunos irá acontecer no dia 25 de novembro de 2017. E você já pode fazer sua inscrição e se preparar.

Clique aqui e garanta a sua presença!

ex-alunos-jornada-unisal

A diversidade é um dos pilares de sustentação de uma instituição de ensino de qualidade. Nesse contexto, V Jornada de Produção Científica e Prática de Estágio 2016, realizada nos dias 24 e 25 de novembro de 2016, no UNISAL Lorena, proporcionou aos participantes salas de debates cujos temas eram  “O fanatismo no Futebol”, “Domótica” até  “A importância  de eventos institucionais para a promoção de marcas educacionais”.

Na edição anterior, foi apresentada pela comissão organizadora do evento  uma “árvore de sonhos e expectativas” que no ano de 2016 gerou ótimos frutos do conhecimento. De acordo com a organização, os trabalhos apresentaram um crescimento em termos de quantidade e qualidade.

Vários docentes do UNISAL e convidados externos assistiram as apresentações de 424 trabalhos no formato oral e pôster nos mais variados temas da Administração e Empreendedorismo;  Arquitetura, História, Política, Meio Ambiente e Sustentabilidade; Metodologias Ativas de Ensino, trazidos por estudantes do UNISAL, UNIFATEA, FARO, FATEC-Guaratinguetá, FATEC-Cruzeiro, UNITAU e USP Lorena.

O Coordenador da Comissão da Jornada, Professor Anibal Fernandes, disse em sua fala de abertura, que o incentivo à pesquisa é de fundamental importância para o ensino superior no Brasil.

ex-alunos-jornada-unisal-3

Ex-Aluno Wesley Toledo

ex-alunos-jornada-unisal-2

Ex-Alunos Juciele Siqueira e Diego Amaro

A abertura da Jornada contou com o Coral da USP. Um grupo diferente que despertou o interesse do público ao cantar 3 músicas aos pés de Dom Bosco. Veja aqui um trecho da apresentação.

Os Ex-Alunos aproveitaram a oportunidade para voltar ao UNISAL, seja apresentando seus projetos, participando da comissão organizadora, ou avaliando trabalhos.

A jornada este ano teve cunho ambiental. Além da economia de 80% no número de impressões, ao determinar que a avaliação fosse feita pelo computador, os participantes receberam um lápis ecológico, que tem na ponta um conjunto de sementes, para o plantio posterior da muda.

Por isso, ao final da abertura, o Prof. Anibal e Prof Gabriel Franco fizeram o plantio simbólico do lápis ecológico que, em 2017 trará “bons frutos”.

Confira as fotos do evento!

musica-pra-sempre-unisal

(Davi Coura Borges)

.

Bons momentos vivemos aqui

Neste pátio todos a sorrir

Meus amigos de coração

Agora os revejo com emoção

Tem saudade dos que se foram

Pra bem longe ou com o papai do céu

E com certeza a nos guardar

Está Dom Bosco a nos amar

Vem amigos vamos celebrar

Este encontro de amor e paz

As lembranças serão o presente

Pra alegrar o coração da gente

 

Refrão:

Vem sempre com a gente

Num alto astral

Pro UNISAL

Vem sempre com a gente

Num alto astral

Pra Sempre UNISAL

 

Clique aqui e baixe gratuitamente a música dos Ex-Alunos UNISAL!

Ao carregar a página, clique com o botão direito do mouse e, em seguida, em “Salvar como”. Depois é só curtir e compartilhar com seus amigos!

palacete

O UNISAL é uma instituição que proporciona o relacionamento entre as pessoas e desperta suas emoções naturalmente, algo que muitas organizações encaram como sendo um desafio.

Com muitas histórias para contar de seu relacionamento com a comunidade e que, muitas vezes, passam despercebidas, o Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno criou uma ação para que Alunos, Ex-Alunos, Professores e Colaboradores relatem experiências vividas na instituição. As melhores histórias têm sido publicadas anualmente na forma de um E-Book.

Assim surgiu “A vida nos pátios do UNISAL”, uma publicação elaborada com muito carinho pelo UNISAL, e que traz um pouco das histórias que marcaram a vida de tantas pessoas que aqui passaram. Nosso E-Book tem ganhado leitores atentos, interessados em retornar no tempo para recordar e mergulhar em momentos cativantes e especiais.

Nesta 3ª edição, são apresentados cinco relatos de pessoas muito queridas… Alguns que até hoje compartilham momentos em nossa casa salesiana, outros que já não se encontram mais entre nós e ainda aqueles que retornaram para reencontrar amigos… todos eles igualmente importantes e que deixaram sua marca no UNISAL.

Com muita alegria, apresento esta edição, no desejo de que tenham uma doce e saudosa leitura!

Acreditar na vontade - Euni Vieira e Silva (Formada em Pedagogia em 1991 e Coordenadora de Estágios dos cursos de Licenciaturas)

O Carlão da Portaria, o meu Pai - Carla da Silva Motta (Aluna de Engenharia Civil)

O Direito de ontem e de hoje - Vinicius Maximiliano Carneiro (Formado em Direito em 2001)

Renata Nunes: dos pátios do UNISAL ao brilho mais lindo do céu - Jéssica Terezinha do Carmo Carvalho (Formada em Direito em 2014, Aluna da Pós-Graduação de Direito Material e Processual do trabalho e Assistente de Pastoral)

Uma nova visão de vida - Thiago Ribeiro Borges (Formado em Psicologia em 2013 e Aluno da Pós-Graduação de Psicopedagogia)

Para fazer o download gratuito do E-book clique aqui.

Esta é a apresentação do E-book feita por Grasiele Augusta Ferreira Nascimento - Ex-Aluna da Graduação e do Mestrado em Direito e Diretora Acadêmica do UNISAL Lorena.

capacitacao-marketing (1)

“Fiquei encantada com o curso”.

Esse foi apenas um relato de um representante de instituições sociais que participaram nos dias 28 de setembro e 26 de outubro de 2016 da  Capacitação para Instituições Sociais promovida pelo Centro de Extensão Universitária e Ação Comunitária, o Curso de Administração e a Empresa Júnior – EJAD, do UNISAL, Unidade Lorena, e que contou também com a participação da Colaboradora Adriana Neves, do Setor de Comunicação e Marketing do UNISAL.

No dicionário as Instituições Sociais reúnem um conjunto de regras e procedimentos que são reconhecidos pela sociedade. Elas surgem para suprir diversas necessidades da sociedade, além de conseguirem concretizar a democracia por meio de seu poder normativo e coercitivo. Mas, na prática, reunir profissionalismo e voluntariado, exige muita atenção dos envolvidos.

Por isso, as duas edições tiveram grande presença de público.

A formação gratuita reuniu, no total, 08 instituições sem fins lucrativos, e teve como palestrantes os Ex-Alunos, Adriana Neves e Marcos Corrêa, também Professor do Curso de Administração do UNISAL

O objetivo foi apresentar e esclarecer ações para reter voluntários, fortalecer a marca e captar recursos.

“No 1º encontro apresentamos conteúdos relevantes sobre a capacitação e as estratégias para atingir o público e a força da marca, do marketing digital para impulsionar o trabalho. O 2º encontro foi uma espécie de feedback, no qual tiramos dúvidas de instituições sobre o conteúdo apresentado na capacitação inicial”, afirmou Adriana.

No Brasil há 08 tipos de instituições sociais no Brasil. Acesse e saiba mais se sua instituição se encaixa nesse perfil.

O Professor Marcos avalia que, no cenário atual do país, sobra força de vontade e falta capacitação. “A maioria das instituições sociais é gerida por voluntários e amadores, não há formação para tal cargo”.

Segundo Adriana Neves, quando a Instituição se compromete com o cumprimento correto de regulamentos, gera captação de recursos e adesão de voluntários comprometidos com a missão da instituição.

capacitacao-marketing (34)DEPOIMENTOS

O cenário atual apontado pelo Professor Marcos, no qual a sociedade demanda projetos desse tipo, é preciso atrair e qualificar pessoas com vontade de fazer a diferença.

Um dos exemplos é o Instituto Dialogare, da Região Metropolitana do Vale e Litoral Norte, que tem em seu quadro de representantes, inúmeros Ex-Alunos. “Em nome de toda a equipe do Instituto Dialogare gostaríamos de agradecer pelo momento de grande aprendizado que vivemos. Todos nós adoramos, achamos o curso excelente e o conteúdo abordado muito pertinente à realidade das instituições”, declarou Thayná Brasil.

Já Andrea Lauerman, do Observatório de Juventudes, não somente gostou do conteúdo, pois buscava ações práticas com pouco recurso, como busca novas informações por ter achado a carga horária insuficiente. “Adorei a informalidade e os exemplos. Sugiro apenas a troca de estratégias e exemplos de sucesso entre as instituições para um próximo encontro”, disse Andrea.

“Na medida em que a gente ensina, também aprende muito. O curso ajudou para que eu conhecesse as instituições da região e contribuísse para que eles se relacionem mais com o público por meio das redes sociais.” – afirma Adriana.

PRÓXIMOS PASSOS

A intenção é dar uma continuidade nesse projeto, com outros temas. A equipe prepara novas formações para o 1º semestre de 2017, sobre 02 temas, “Gerenciamento financeiro” e “Financiamento coletivo”.

Você faz parte de uma instituição social? Quer saber mais sobre como capacitar sua equipe gratuitamente? Fale com Juliana Vieira, do Centro de Extensão do UNISAL, pelo e-mail juliana.vieira@lo.unisal.br.

robotica-geg-lorena (1)

O Grupo de Educadores Google ajuda nessa missão

Não é de hoje que a gigante da Internet incentiva o uso da Tecnologia na educação. Por meio do Grupo de Educadores, cada vez mais, escolas do mundo todo, levam a tecnologia para a sala de aula e transformam a realidade de professores e estudantes.

Em Lorena, SP, não é diferente. Composto por cerca de 60 pessoas, o Grupo de Educadores Google (GEG) tem o objetivo de atrair multiplicadores capazes de disseminar o uso das Tecnologias Google em sala de aula e contribuir na inovação do ensino.

Em outubro, com o novo líder, Thiago Borges, Ex-Aluno de Psicologia do UNISAL, o GEG ofereceu um curso de capacitação sobre “Aplicações da Robótica em sala de aula”, no último dia 29.

robotica-geg-lorena (20)A formação foi guiada pelo Prof. Deivid Rodrigues Fidalgo, da Tecnia, que realiza um trabalho de ensino com Robótica na cidade de Cruzeiro, SP. A empresa é parceira da iniciativa e foi a patrocinadora dessa capacitação.

Deivid explica que a Robótica é uma ciência multidisciplinar em que são aplicados conhecimentos para construção de diversos tipos de montagens (robôs), por meio de softwares especializados. Trata-se de um processo educativo, pois alunos estudam conceitos de lógica de programação, Engenharia Mecânica (projeto de peças mecânicas dos robôs), Física Cinemática (movimentos e articulações do robô), Matemática, Inteligência Artificial, dentre outros saberes.

Em uma conversa com o responsável pelo Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno na Unidade de Lorena, ele contou um pouco sobre a mudança de comportamento que a robótica oferece. “Uma vez uma mãe de aluno ficou impressionada com a postura do filho na equipe de robótica. Ela disse que mal conseguia reconhece-lo, pois era introvertido… Na equipe de robótica, ele passou a ter postura de liderança.”

Deivid destaca que o espírito de competição contribui, e muito, para a formação dos alunos, pois, a partir de um desafio, eles precisam se unir, discutir e chegar a uma solução para o problema em questão.

Carla Taciana, Ex-Aluna de Geografia, aprovou a capacitação. “Foi muito bacana. Pra quem teve um primeiro contato com a robótica, como é o meu caso, foi bem didático. Fiquei encantada com as possibilidades.”

Veja aqui o álbum com as fotos.

paulo-pereira-neto-ex-aluno-unisal

O Papa Francisco nomeou, neste mês de outubro de 2016 (19), Arnaldo Carvalheiro Neto como bispo da Diocese de Itapeva, em São Paulo. Ele irá substituir José Moreira de Melo.

Arnaldo Carvalheiro Neto

Arnaldo Carvalheiro Neto, que ocupava o cargo de bispo coadjutor da mesma diocese, nasceu em São Paulo, em 11 de abril de 1967. Graduou-se em Filosofia na Faculdade Salesiana de Filosofia, Ciências e Letras (agora UNISAL) em Lorena, no ano de 1991, e Teologia no Instituto Teológico Rainha dos Apóstolos, em Marília.

A notícia completa está disponível aqui.

.

A notícia de que Silvia Abravanel, filha do apresentador Silvio Santos, iria abrir uma filial da Escola de Princesas em São Paulo, teve grande repercussão em veículos de comunicação de todo o país. A reportagem do Portal UOL contou com o apoio do Ex-Aluno de Filosofia e Pedagogia do UNISAL, Paulo Pereira Neto, hoje, professor de filosofia do Liceu Coração de Jesus, em São Paulo, e assessor educacional do Instituto Juvenescer, que trabalha o diálogo e formação humana de adolescentes.

paulo-pereira-neto-ex-aluno-unisal

Paulo Pereira Neto

Leia na íntegra a análise feita pelo especialista sobre o fato de o ato de alimentar essa fantasia de ser princesa fazer as meninas acreditarem que precisam de um marido ou namorado para se sentirem completas.

Ana Maria da Silva Viana Nepomuceno

Eu me chamo Ana Maria da Silva Viana Nepomuceno e me formei em Direito pelo UNISAL em 2008. Realizei também os Cursos de Pós-Graduação em Direito Publico e em Direito Tributário.

Durante a Faculdade, participei dos Projetos Professor Aprendiz e UNISAL Prepara,em que elaborei os textos “Fenômenos Constitucionais”, “Limitações Constitucionais”, “Princípios e Imunidades”, dentre outros.

Fui monitora das disciplinas IED (Prof. Fabio Kalil) e Direito Civil I (Prof Rebello), além de participar de diversas atividades promovidas pela instituição, como Semana Jurídica e Cursos de Extensão. Fui também  estagiária na instituição.

Em relação ao Curso e a prática de conciliadores, me permitiram estar capacidade para atuar no mercado do trabalho, visto que posteriormente fiz o curso de formação de conciliadores pela Escola Paulista de Magistratura. Em relação às monitorias e Pós-Graduações, as atribuições que me foram dadas me deram mais segurança enquanto profissional.

A conclusão do curso me possibilitou fazer o exame da OAB, e sendo aprovada no primeiro exame, comecei a advogar. Atualmente tenho escritório próprio e faço parte da Assistência Judiciária.

Para atuar no Direito como Advogado é necessário gostar da área, ter paciência para se inserir no mercado e fazer nome, ser dedicado e gostar de pesquisar muito.

Sou suspeita para falar pois eu amo advogar e me dedico 70% do tempo ao trabalho, os outros 30% divido entre a família e o lazer. Tenho prazer em ser Advogada!

escolhas-coach

Nossa vida é feita de escolhas e existem escolhas que são importantíssimas para a nossa vida e para nosso futuro, como escolher uma profissão, área de atuação, ou uma carreira…

O que vivemos hoje é reflexo de nossas decisões, por isso o autoconhecimento é tão importante em nossas vidas e para nossa carreira, pois quanto mais eu me conheço mais assertivas serão as minhas escolhas. O processo de coaching de carreira poderá lhe ajudar no processo da redescoberta de si mesmo, identificando novas possibilidades de ação.

Veja alguns benefícios que o coaching poderá lhe proporcionar por meio do autoconhecimento:

- Possibilita ao jovem, em início de carreira, obter sucesso em uma entrevista de emprego a uma vaga de estágio ou trainee, pois é por meio do autoconhecimento, que ele saberá quais habilidades e competências que mais o destacam e também no que ele considera que pode agregar valor, além de poder buscar empresas que estejam de acordo com essas habilidades e valores e, com isso encontrar satisfação e a consequente realização no trabalho.

- Ajuda o Universitário que está em dúvida quanto à formação que escolheu a encontrar o caminho para a sua realização profissional a partir de suas aptidões e habilidades. Assim como também, auxiliará o profissional já inserido no mercado de trabalho, que se sente travado e com medo, sem organização, disciplina e foco a direcionar as suas escolhas e tomar as decisões corretas, não permitindo que se deixe levar pelo automático, sem saber onde quer chegar, direcionando-o a encontrar um foco em sua carreira de forma clara e assertiva, através da visualização de seus pontos fortes, como também daqueles que precisam ser desenvolvidos. Isso possibilitará quebrar as barreiras e crenças limitantes, aumentando a autoconfiança, o que lhe permitirá explorar todo o seu potencial para atingir os resultados que espera, levando-o a se sentir importante em suas atividades, realizado e satisfeito.

Para quem sente a necessidade de uma redescoberta de si, o processo de coaching é muito indicado. O autoconhecimento, sem dúvida, é a chave que vai abrir portas para a realização profissional. Vale a pena!

Entre em contato pelo e-mail contato@deboraalvescoaching.com.br, informando o telefone para contato e saiba mais sobre o processo de Coaching.

Débora Alves concluiu o curso de Psicologia no UNISAL em 1999. Atualmente é coach.

decida-se-2016-unisal (8)

No dia 3 de setembro, o UNISAL recebeu cerca de 2.100 Alunos do Vale do Paraíba, Litoral Norte, Sul de Minas e Sul Fluminense para o Decida-se da Unidade de Lorena. Muitos jovens vieram em busca de uma resposta: Qual profissão escolher?  Mas receberam aqui, além da orientação profissional, a recepção diferenciada e aos moldes de Dom Bosco.

O evento institucional reuniu todos os Setores e Cursos, com seus Colaboradores  e Professores do UNISAL Lorena, além de Alunos, Ex-Alunos, Estagiários e Jovens Aprendizes em sua preparação. Para que tudo desse certo, a equipe organizadora (Comunicação e Marketing) pensou em cada detalhe desde a última edição, em 29 de agosto de 2015, quando passaram pela instituição cerca de 1.500 Alunos.

“Este ano, aumentamos consideravelmente o número de Alunos. Muitas escolas vieram por conta, pois o interesse, a divulgação e a confiança em nosso trabalho aumentaram muito”, afirma André Pirtouscheg, Analista de Marketing do UNISAL, Unidade Lorena.

Logo no início, com uma recepção calorosa, os estudantes do ensino médio já puderem conhecer de perto o que os aguardava, ou seja, um dia longo de atividades, descobertas e decisões.

Para atender o público crescente, a organização aumentou também o número de atividades. A edição 2016 ofereceu aos estudantes 32 atividades.

Dentre elas, vale destacar a participação a presença dos Ex-Alunos Roberto Bastos, Charles Venâncio, Douglas Camargo, Sávia Vidal e Alan Mendes Marques. Sem contar os professores e colaboradores, que já são “Pra Sempre UNISAL”.

O Egresso, Alan Marques, conversou com os professores que acompanharam os alunos sobre a importância de quebrar o paradigma da tecnologia na educação. “Os docentes se mostraram muito interessados em inovar na sala de aula. Sinal de que o UNISAL está no caminho certo, não somente em formar seus professores, mas também os Ex-Alunos, para compreender a importância de um ensino inovador”, informou Adriana Neves, do Pra Sempre.

decida-se-ex-alunosOs atuais alunos também não ficaram de fora. Um deles é o Éderson Fonseca, da Matemática, que acompanhou as atividades programadas pela Pastoral da Universidade: músicas, jogos e orientação sobre o jeito salesiano de educar.

A participação dos profissionais formados pelo UNISAL se deu, não somente pela elaboração das atividades, mas também pela parceria entre as escolas em que eles atuam. Como exemplo, podemos citar o Professor Cláudio Lopes  que, desde o ano passado, é responsável por trazer seus alunos de Itajubá e também o Professor Marcos Mayela, que trouxe alunos de Cunha para participar pela primeira vez do evento.

A gratidão pelo sucesso do evento veio em forma de depoimentos de escolas participantes.

“Gostaria de parabenizar toda equipe UNISAL pelo evento. Transcorreu tudo perfeitamente. Sucesso!” Wilza Gonçalves Duque Domingues (E.E. Prof. João Martins de Almeida – Pindamonhangaba)

“Os alunos ficaram bem felizes. A recepção e a organização, sem comentários. Parabéns pelo evento.” Deivid Fidalgo (Colégio São Miguel – Passa Quatro)

Com tanto incentivo e envolvimento, a equipe de Comunicação e Marketing já faz planos.  “Estamos pensando no evento de 2017 e esperamos contar com o especial apoio de todos. Afinal, a organização de grandes eventos exige a preparação todos os dias do ano”, revela a equipe de Comunicação e Marketing do UNISAL, Unidade Lorena.

Confira as fotos do evento neste álbum!

ideias-olimpiadas-sala-aula

Jogos Olímpicos Rio 2016

Um evento desta proporção, ocorrendo no Brasil pode ser uma oportunidade única para o ambiente escolar. Isso porque, como todos sabemos, os Jogos ocorrem de quatro em quatro anos, e assim, para as turminhas mais novas, esse momento é repleto de novidades e entusiasmo. Com um pouco de criatividade e organização, o plano de aula pode adicionar alguns elementos de diversos esportes. Incrementar tarefas cotidianas da rotina é sempre bom, e isso vai além das atividades de educação física. Aqui estão algumas dicas interessantes para você aproveitar ainda mais o clima festivo e competitivo de maneira saudável durante as Olimpíadas.

O Cronômetro

A maioria dos esportes passa uma relação contínua com o tempo. Para muitos atletas vencer o tempo é mais desafiante do que seus concorrentes, até porque velocidade e precisão são essenciais para superar obstáculos ou bater recordes mundiais. Uma série de ações podem ser promovidas com a adição do cronômetro, sobretudo à resolução de problemas. Uma sugestão simples está em dividir a turma em equipes, onde em fila, cada estudante só pode resolver um enigma se o colega anterior a ele, encontrar a resposta correta. Outra maneira de aproveitar o cronômetro, mas evitar a competição, pode ser utilizando a observação do tempo médio de corredores ou nadadores durante as últimas olimpíadas, ou construir tarefas específicas com o tempo que um atleta de triatlo troca da natação para a bicicleta ou a velocidade que determinado atleta gastou para o levantamento de peso. Para essa atividade é interessante utilizar um vídeo com a ação do esportista.

As Imagens

O que você acha de tratar de temas como preconceito ou nazismo partindo dos fatos e mitos das olimpíadas de 1936 em Berlim? Neste jogo um rapaz chamado Jesse Owens ganhou quatro medalhas de ouro no atletismo, sendo estas, 100 metros, 200 metros, revezamento 4×100 metros estafetas e salto em distância. Ele entraria para a história deixando o desejo de Adolf Hitler em observar apenas vitória de arianos fracassar. Esse e outros fatos, sobretudo com assuntos como tolerância, legado, cooperação, espírito esportivo e tecnologia podem trazer boas participações de nossos estudantes.

O Som

A emoção trazida nas imagens captadas ao longo da história das olimpíadas é notável. Porém uma série de canções podem ser utilizadas para construir projetos, gerar debates e principalmente desenvolver a interpretação, a percepção e a linguagem. Como exemplo podem ser associadas canções como “Hey Jude” dos Beatles executada por Paul Mccartney em Londres 2012 como uma atividade em inglês. A famosa “Carruagem de Fogo”, composta pelo grego Vangelis, tornou-se o hino oficial de todas as maratonas e maratonistas ao redor do mundo. Que tal essa canção instrumental para estimular a imaginação em desenhos, textos ou simplesmente como uma boa audição? Abaixo apresentamos a lista de canções executadas na Cerimônia de Abertura dos Jogos Rio 2016 uma excelente pedida para leitura e/ou apresentação musical aos nossos estudantes.

• Luiz Melodia: “Aquele Abraço”, de Gilberto Gil • “Samba de Verão”, de Marcos Valle (instrumental) • Paulinho da Viola: Hino Nacional brasileiro • “Toada e Desafio”, de Capiba (instrumental) • “Pindorama”, composição de Beto Villares, Antônio Alves Pinto, Renata Rosa e Marlui Miranda • “Geometrização”, participação de Fanta Konatê, Bukassa Kabengele, Sami e William Bordokan • “Construção”, de Chico Buarque (instrumental) • “Samba do Avião”, de Tom Jobim (instrumental) • Daniel Jobim ao piano: “Garota de Ipanema” • Ludmilla: “Rap da Felicidade” • Elza Soares: “Canto de Ossanha”, de Baden Powell e Vinicius de Moraes • Zeca Pagodinho e Marcelo D2: mash-up de “Deixa a Vida me Levar” • MC Soffia e Karol Conka: “Toquem os Tambores” • “Pop – As Disputas”, composição de Beto Villares e Antônio Alves Pinto • Gang do Eletro: “Velocidade do Eletro” • Jorge Ben: “País Tropical” • Caetano Veloso, Giberto Gil e Anitta: “Sandália de Prata”, de Ary Barroso • 12 baterias das escolas de samba do Rio • Parada dos Atletas: Beto Villares, Felipe Cordeiro (PA), Turbo Trio (RJ), Aláfia (SP), Rodrigo Caçapa (PE), Siba (PE), Chico Correia (PB), Marcio Wernek (SP), Luisa Maita (SP), DJ Maga Bo (EUA) e Faze Action (EUA).

A Cultura

Durante a apresentação das delegações esportivas percebemos que o mundo está longe de ser apenas os países que geralmente tratamos. Este ano o Comitê Olímpico trouxe também atletas olímpicos refugiados. A quantidade de atletas de cada delegação ou os números presentes em quadros de medalhas podem provocar outras resoluções matemáticas. Esse caldeirão de povos e diferenças convivendo nos Jogos pode ser uma excelente ocasião para desbravar pelo mapa, promovendo pesquisas em geografia que superem as culturas mais disseminadas. Que tal gastar um tempo tentando captar informações sobre países da África Central, outros países da Oceania além da Austrália ou sobre os países pós União Soviética. Uma boa ideia não é verdade? Para facilitar sua pesquisa professor, segue o link do interessante site do IBGE sobre os Países olímpicos.

Interdisciplinaridade

A desculpa que faltava para você professor ou professora que gostaria de construir um projeto com outro colega de trabalho, mas as diferenças de conteúdo impediam. Que tal convidar para uma aula compartilhada utilizando as ideias acima entre professores de matérias diferentes. A ideia do Cronômetro, por exemplo usando a aula de educação física e assim contabilizando o tempo dos próprios educandos; para depois serem discutidas na aula de matemática é algo muito cativante. Outra pedida é entre biologia e português. Isso mesmo! Aproveitar os queridos mascotes dos Jogos Olímpicos pode ser uma interessante estratégia para trazer a biologia em uma redação. E porque não entender a mecânica de um esporte como o badminton com a religião e a participação de mulheres dos países onde esse jogo difundido. Há uma infinidade de atividades para se construir de modo interdisciplinar.

Estamos torcendo aqui para que você, professor, possa implementar um pouco dessas ideias em sala de aula. Essas pequenas contribuições podem proporcionar uma verdadeira experiência. A experiência de aprender com alegria, com a realidade, aproveitando outros estímulos e conceitos.

Júlio César Cosmo concluiu o curso de Ciência da Computação no UNISAL Lorena em 2011. Atualmente é empreendedor.

ex-aluno-rh-logistica (7)

Formatura realizada em agosto graduou 12 profissionais.

Sempre é tempo de repensar o futuro. Os concluintes dos Cursos de Tecnologia do UNISAL não têm dúvidas disso. No dia 8 de agosto 12 profissionais receberam o selo do UNISAL e, agora, estão aptos a seguir no mercado de trabalho nas áreas de Recursos Humanos e Logística.

A cerimônia contou com alguns ritos tradicionais que emocionam e, ao mesmo tempo, homenageiam aqueles que se dedicaram tanto para concluir os estudos.

Na composição da mesa, estiveram presentes a Diretora Operacional, Grasiele Nascimento, a Secretária Acadêmica, Francis Martins, os Coordenadores dos Cursos, Marcia Rubez (RH) e Humberto Felipe (Logística), os professores Laureano Bogado, Maria José Urioste Rosso, Jorge Gomes, José Valmir Pedro e Roosevelt Amaral, além dos amigos e familiares dos personagens principais da festa.

Mas a noite não foi somente um marco burocrático para melhoria do currículo, mas também para o recomeço, o passaporte  para uma nova etapa.

Para Marcelo Gregório, do Curso de RH “no UNISAL, fomos desenvolvidos não somente para sermos os melhores do mercado, também fomos moldados, como cidadãos. Criamos a capacidade de tornar nossos filhos melhores para nosso mundo e capazes de nos tornar mutáveis ao ponto de criarmos laços de empatia”.

.

Saiba o que  o futuro reserva para esses Ex-Alunos!

.

Profissional de Recursos Humanos

De acordo com o Guia do Estudante, a maior competitividade no mercado de trabalho demanda uma gestão eficiente das equipes e, consequentemente, abre vagas nos departamentos de pessoal, recrutamento e seleção e treinamento e desenvolvimento. A complexidade da legislação trabalhista reforça a demanda pelo tecnólogo, que é especialista em áreas como folha de pagamentos, cargos e salários e relacionamento com sindicatos.

Mas não é só isso, o UNISAL forma profissionais comprometidos com seu papel na gestão de pessoas em organizações contemporâneas, com forte visão humanista, consciência para o desenvolvimento de uma corporação sustentável e uma sociedade cidadã.

Para a Ex-Aluna Márcia Fialho o curso de Tecnólogo em RH foi de muita importância. “Pude perceber o quão bom é aprender e tinha muito medo de que não conseguisse fazer uma faculdade e hoje depois de formada em RH já pretendo fazer outra (…) Só tenho a agradecer a atenção e todo conhecimento que a instituição nos dá ao longo dos estudos e dizer que seja qual for a área que alguém pretende estudar, o UNISAL é uma grande instituição de grandes valores éticos e professores excelentes. Se Deus quiser ano que vem estarei aí novamente no Direito”. – Declara a Tecnóloga.

Profissional de Logística

O Guia do Estudante também dá destaque para uma informação importante: O BRASIL É O 65º EM RANKING DE LOGÍSTICA! A Logística está presentes em pequenos e grandes eventos, como foi o caso das Olimpíadas e como serão as Eleições 2016.

Elaborada pelo Banco Mundial, a lista mede a eficiência do setor em 160 países e é feita a partir da percepção do setor empresarial. A posição do Brasil no ranking mostra que ainda há muito a ser feito no país, o que é uma boa notícia para os profissionais com formação na área.

O UNISAL se preocupa com isso. Por isso tem o objetivo de promover competências gerenciais, capacidade de utilizar de forma adequada as informações para tomada de decisão e hábeis nas aplicações de técnicas logísticas gerenciais.

Para o recém-formado, Luis André Costa Pereira, o curso teve um significado único. “Aprendi técnicas e conceitos que muitas vezes dentro de uma empresa são poucos ou em nada utilizados e devem ser aplicados. Aprendi a ser muito mais atento aos erros que a empresa comete e a ter raciocínio rápido para minimizá-los. Sem contar que me ajudou muito no relacionamento com as pessoas” – afirma o Ex-Aluno.

O UNISAL deseja sucesso a todos os concluintes do 1º semestre de 2016 e se coloca a disposição para novos projetos.

eleicoes-2

O evento também marcou o lançamento da Cartilha de Eleições

No último dia 19 de agosto de 2016 foi realizada uma Mesa-Redonda sobre Eleições 2016 no UNISAL Lorena. O evento institucional teve a intenção de levar ao público uma reflexão sobre o ano de mudança política nas urnas, instabilidade no cenário econômico e até social.

“No ato da inscrição, pedimos aos participantes que escrevessem o que pensam sobre as Eleições. Essas centenas de frases de Professores de todos os Cursos do UNISAL e também dos participantes foram exibidas no telão, no início do evento, no sentido de valorizar a participação de todos nesse momento democrático”, afirmou o Setor de Comunicação e Marketing do UNISAL.

Estiveram presentes como parceiros do evento, cerca de 430 pessoas, entre Alunos e Ex-Alunos do UNISAL de diversos Cursos de Graduação, Mestrado em Direito, Cartório Eleitoral, Tribunal de Justiça de São Paulo, SEMESP (sindicato das mantenedoras do ensino superior)  público externo representado por membros da sociedade civil (Associações de Moradores de Bairro, Movimento Lorena pela Vida, Conselho Municipal de Juventude, IEV (Instituto de Estudos Valeparaibanos), Professores e Colaboradores do UNISAL. A imprensa foi representada nessa primeira edição do evento por jornalistas da Revista Acontece, Rede Aparecida de Comunicação, Tv Canção Nova, Rádio Metropolitana, Jornal Atos, Testemunha Ocular, Portal Agora Vale, Lorenense Portal de Notícias, Conect Car SP/Rio 90,7 FM,  Portal Meon, Jornal Notícias, Portal Vale do Paraíba.com, Jornal o Vale, Rádio Clube de Guaratinguetá AM e FM, além da Tv Vanguarda.

A imprensa também foi comunicada antecipadamente sobre o pronunciamento da importância de estar inserida em uma discussão de tamanha importância, como é o caso das Eleições. A leitura da carta foi feita pelo jornalista da Rede Aparecida de Comunicação, Felipe Melo.

O Hino Nacional foi apresentado por dois artistas de nossa Região. No ritmo voz e violão, a letra foi mostrada pelos cantores Najlla Abdul e Davi Coura, ambos Ex-Alunos UNISAL.

Em seguida, houve a formação da Mesa-Redonda.

A roda de conversa foi composta pelo Prof. Tadeu Miranda, Coordenador do Curso de História do UNISAL, mediador da mesa  e que falou sobre a herança política e os reflexos no cenário atual do Brasil.

A cobertura da imprensa no período das eleições, como deve ser a postura do jornalista  e do veículo de informação que irão levar informação a todos os eleitores, foram temas trazidos pelo  jornalista Moura Reis,   da Associação Brasileira de Imprensa- a ABI/ atual diretor da sede em São Paulo .

O posicionamento do Tribunal Regional Eleitoral, a biometria, o  Voto Consciente, 1 e 2º turnos, Criação de Partidos, correria da apuração foram situações trazidas pelo  juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral de São  Paulo e desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Paulo Sérgio Brant de Carvalho Galizia.

A  Responsabilidade Civil e Administrativa do Gestor público foi tema da fala do Mestre em  Direitos sociais, econômicos e culturais pelo UNISAL , e também especialista em Direito Eleitoral,  Prof. Savio Chalita.

E, por último, a Igreja na formação de eleitores, quais conceitos de cidadania adotados pela doutrina religiosa, com o Professor do UNISAL Lorena e Coordenador da Pastoral Universitária, Padre Ilmário Pinheiro.

Os palestrantes foram unânimes em dizer que o Brasil precisa fazer de 2016 um ano de mudança política, apesar de saberem da descrença de políticos e eleitores.  A urna eletrônica, na qual  será depositado o voto de mais de 140 milhões de brasileiros, foi trazida para demonstração do público pelo Cartório Eleitoral de Lorena.

A descrença no atual momento e a nossa herança política tão atrelada à corrupção foram temas trazidos em uma reportagem especial que você pode conferir aqui.

O público pode interagir por meio de perguntas escritas e encaminhadas ao mediador da Mesa-Redonda. Ao final da roda de conversa, foram trazidos aproximadamente 50 questionamentos. Alunos da História indagaram os palestrantes sobre como o atual sistema de voto pode influenciar no cenário político. A turma do Curso de Ciências Contábeis questionou sobre a forma com que a divisão de contas por municípios influencia no orçamento e desenvolvimento do país. Houve também perguntas de representantes da Pedagogia e Psicologia  ao palestrante Moura Reis sobre o fato dele desaprovar a eleição do deputado federal Tiririca (PR), já em seu segundo mandato.

O professor Tadeu Miranda, mediador da mesa,  fez uma compilação das perguntas e reformulou-as em forma de questionamentos aos palestrantes. O professor de Ciências Contábeis, Wagner Godoi, acredita que a forma com que foram respondidas as perguntas não atendeu ao pedido do público.

Já a Aluna do Curso de Pedagogia, Fernanda Santos, achou muito bacana o evento e acredita que poderia ser feita uma roda de conversa assim para os candidatos também.

A Mesa-Redonda teve continuidade com a apresentação do projeto de conclusão de curso da Aluna do 4º ano do Direito, Marina Oliveira. Ela fez a leitura de um texto sobre o tema de seu projeto.  “A política brasileira é o ponto chave do nosso cotidiano. Somos diretamente influenciados pelas leis, pelos regimentos, pela administração pública. Tudo é movido pelos direitos neste país e acredito que este é o motivo pelo  qual ele se mantém em pé”, afirmou a Aluna durante a leitura.

cartilha-2016-curva.cdrO UNISAL concluiu a primeira edição com o lançamento  de uma Cartilha sobre as Eleições, um projeto que contou com a participação de todos os Cursos da Unidade Lorena.

Foram impressas 1.500 cartilhas e cada participante do evento recebeu o seu exemplar. “A intenção é fazer com que todos os estudantes, pais, ou seja, todo tipo de público, tenha acesso a esse assunto”, revelou Maria Aparecida Alkimin, coordenadora do Mestrado, um dos Cursos envolvidos no projeto.

A edição especial também pode ser encontrada na versão online. O material é totalmente gratuito e serve como um manual de fácil leitura. Acesse aqui ou no site do UNISAL.

Confira as fotos do evento!

UNISAL-DIREITO-E-PAZ

Ex-Alunos fazem parte dessa conquista.

“Com muita alegria comunico que saiu o resultado da Comissão Qualis de avaliação dos periódicos jurídicos nacionais, que elevou o nível de qualidade da Revista Eletrônica do Programa de Mestrado em Direito do UNISAL Lorena, Direito & Paz”. A fala é da Diretora Operacional do UNISAL, Prof.ª Dr.ª Grasiele Augusta Nascimento. A docente foi, por mais de uma década, coordenadora do programa de Mestrado em Direito do UNISAL, hoje, representado pela Prof.ª Dr.ª Maria Aparecida Alkimin.

A decisão da classificação e reclassificação dos periódicos foi divulgada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) da área de Direito, nesta terça feira, 09 de agosto de 2016. A Revista Direito & Paz, (ISSN 2359-5035), do Programa de Mestrado em Direito do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena, que se encontrava no estrato B2, foi reclassificada como B1.

Segundo a coordenação de Direito da CAPES, o procedimento de avaliação dos periódicos jurídicos nacionais teve início em 11 de janeiro de 2016, quando foi aberto o prazo para o envio de pedidos de classificação/reclassificação, sendo obrigatório para os periódicos jurídicos nacionais dos estratos B3 e superiores. O prazo encerrou-se no dia 22 de fevereiro. Ao todo foram recebidos 143 pedidos. A avaliação, de responsabilidade da “Comissão Qualis”, – sistema utilizado para classificação da produção científica – , teve como base o atendimento às regras publicadas na página da área de Direito do site da CAPES.

A Ex-Aluna da Graduação e do Mestrado em Direito, Paládia Romeiro, participou da revista em 2015 com o artigo “Município: as atribuições constitucional e legal frente à realidade na execução da Política Ambiental”. Para ela foi uma honra ter contribuído, de algum modo, por essa conquista e parabeniza a instituição.

O também Ex-Aluno Savio Chalita comemorou a novidade: “Que ótima notícia! Parabéns a todos pela participação num resultado tão positivo pra família salesiana!”.

Sobre a Revista

A Revista Eletrônica do Curso de Mestrado em Direito do UNISAL Lorena Direito & Paz é um veículo de incentivo à produção científica, um espaço ao diálogo sobre temas como a “Concretização dos Direitos Sociais, Difusos e Coletivos” e as seguintes Linhas de pesquisa:

I- Direitos Sociais, Econômicos e Culturais; e

II- Direitos de Titularidade Difusa e Coletiva.

É  nela que são publicados trabalhos que, pelo conteúdo, possam contribuir para a formação e o desenvolvimento científico, além da atualização do conhecimento na área de especificada. Segundo a coordenação do Mestrado em Direito, por meio da Coordenadora do Curso, Prof.ª Dr.ª Maria Aparecida Alkimin, a classificação da Revista mostra o reconhecimento do trabalho diferenciado de qualidade do ensino e apoio às pesquisas realizado no Programa de Mestrado em Direito.

Clique aqui para saber mais.

voce-nao-curriculo

Não se esqueça de suas habilidades, valores e trabalhos voluntários na hora de preencher o seu CV.

Se você resolveu ler esse artigo é porque tem interesse em novos desafios profissionais e oportunidades que podem chegar até você através do seu currículo. Embora muitas coisas tenham mudado na forma como buscamos um emprego nos dias de hoje, o currículo, seja impresso ou digital, ainda é uma ferramenta bastante utilizada pelas empresas.

Comecei a me interessar por currículos quando ainda estava na 8ª série. Sempre fui a pessoa da família que tinha computador e tinha habilidade de escrever; então, comecei a ajudar, primeiro, as pessoas da minha da família, e, ao decorrer dos anos, pessoas que trabalhavam comigo, amigos e participantes dos projetos sociais que trabalhei.

Em alguns casos, elaborei o currículo de algumas pessoas do zero. Lembro-me bem de uma amiga que não tinha experiência, nem mesmo cursos na área, e estava totalmente desmotivada com seu currículo. Aos poucos, fomos montando o currículo dela, não só com a escolaridade e a experiência, mas também com tudo o que ela já tinha feito antes, mesmo que de forma voluntária. Trabalhos para a igreja da qual ela participava, projetos sociais que ela ajudou, o “help” que deu para sua mãe na época em que a família precisava melhorar seus rendimentos, enfim, tudo o que, aparentemente, não é necessário colocar no currículo.

E qual foi o resultado dessa experiência? Ela conseguiu uma vaga como secretária de uma clínica que precisava de uma pessoa proativa, comprometida e esperta! Ao ler tudo o que essa minha amiga já tinha feito, o recrutador não teve dúvidas: mandou chamá-la. Hoje, felizmente, ela está formada e muito bem profissionalmente. Acredito que o principal motivo deste sucesso seja porque ela sempre acreditou nela mesma depois da primeira experiência de trabalho.

Esse é o convite que faço a você, neste momento em que muitas pessoas estão procurando empregos, distribuindo centenas de currículos, sem ter sucesso em suas buscas. É importante que você valorize as atividades as quais você realiza como voluntário ou como profissional autônomo. Todas essas experiências fizeram com que você seja o que é hoje!

É importante que você entenda que você não é apenas o resultado dos cursos que fez e dos lugares que trabalhou. Pense comigo:

Quais são seus valores como pessoa?
Quais trabalhos voluntários você já fez?
Quais trabalhos extras já fez para se virar enquanto não conseguia se colocar profissionalmente?

A grande questão é: como colocar essas informações no currículo? Simples. Se você for fazer o tradicional currículo impresso, destine um espaço com o título “resumo”. Neste resumo, você pode falar um pouco sobre você, sobre suas experiências, suas habilidades e informações que você acredita que sejam interessantes.

Se for cadastrar seu currículo em um formulário digital para preenchimento de currículos online, note que a maioria dos formulários, conta com um espaço onde você pode colocar anotações e resumos de outras atividades realizadas.

Agora, fique atento! Se você está à procura de trabalho e ainda não fez nenhuma atividade voluntária ou cursos gratuitos, está na hora de rever atitudes e se movimentar! Procure realizar cursos online gratuitos, aproveite as oportunidades de eventos culturais, sociais e educativos realizados em sua cidade, candidate-se para ser voluntário de um evento que você achou interessante. Com certeza, novas oportunidades irão surgir. Lembre-se, a mudança precisa vir de você!

Depois de mudar de comportamento e se dedicar a novos desafios, preencher um bom currículo será uma tarefa fácil. E então, vamos começar?

Vanessa Espíndola concluiu o MBA em Gestão de Pessoas no UNISAL Lorena em 2014. Atualmente é Palestrante e Assessora de Imprensa e Produção de Conteúdo.

novo-papel-professor

O mundo muda. Isto é fato! Seja qual for o aspecto que deseja analisar, vai perceber que as relações entre as pessoas sofrem constantes alterações, por diversos fatores, controláveis ou não. Na educação as mudanças são ainda mais evidentes. Basta conversar com pais e avós para ter uma noção de como eram as salas de aula, os métodos de ensino e o comportamento dos alunos e professores.

Neste sentido, com as inúmeras possibilidades que se apresentam aos estudantes, é necessário que os professores se adaptem e compreendam que a escola deve ser um espaço, não mais obrigatório, mas sim de construção de sua identidade.

Se antes, o professor era visto como o detentor do conhecimento e com métodos rígidos de imposição do respeito, hoje ele tem o papel de orientador e mediador de um aprendizado que parte do aluno.

Este texto, portanto, vem apresentar, em tópicos, algumas considerações sobre o novo papel do professor. Uma maneira de contribuir, de certo modo, para a reflexão sobre o tema e a busca por novas formas de contribuir para um processo educativo mais adaptado às novas realidades.

1. Orientar o aprendizado.
Com as inúmeras fontes de informação, o professor deixa de ser o único a deter o conteúdo. Então, o aprendizado requer um espaço de compartilhamento e diálogo.

2. Estimular a curiosidade e a busca pela informação.
Crianças e adolescentes são curiosos por natureza. Um professor que limita essa busca, tem grandes chances de fazer com que os alunos se contentem somente com o padrão, logo eles deixam de assumir riscos para buscar novos desafios.

3. Oferecer um espaço de troca de ideias e trabalhos em grupo.
Trabalhar em equipe é necessário em vários ambientes. O novo professor, portanto, precisa contribuir para que essa troca ocorra de maneira saudável e que cada aluno compreenda a sua importância no grupo e contribua com suas melhores habilidades.

4. Aproximar-se da tecnologia e utilizá-la como recurso para o aprendizado.
As novas gerações nascem conectadas. Se a tecnologia é utilizada com responsabilidade, ela se torna uma aliada para o processo de ensino.

5. Contribuir para a aproximação dos pais na escola.
Um dos maiores desafios dos professores é trazer os pais para o ambiente educacional e fazer com que eles participem da evolução dos filhos.

A missão não para por aí. De acordo com Jean Piaget “o professor não ensina, mas arranja modos de a própria criança descobrir”. Isso significa que, mais do que tudo, o professor tem o papel de fazer o aluno protagonista do seu conhecimento e de sua vida. É preciso educar para que os futuros adultos assumam a responsabilidade de suas escolhas e tracem seus próprios caminhos com segurança ética e comprometimento. Aquele que conseguir isso terá deixado um legado na terra.

A equipe JUNTOS admira o trabalho dos educadores e deseja sucesso nessa jornada.

Adriana Neves concluiu o MBA em Gestão de Pessoas no UNISAL Lorena em 2014. Atualmente é Assistente de Comunicação e Marketing.

*Texto originalmente desenvolvido para a Plataforma JUNTOS.

Taxonimia-bloom-2

Talvez você tenha crescido com a ideia de que ou o aluno era “inteligente” ou não era. Talvez você tenha sido criado incentivado a participar das aulas, memorizar o conteúdo e realizar as tarefas de casa. Talvez você nunca tenha ouvido falar sobre a Taxonomia de Bloom.

Há mais de 50 anos Benjamim Bloom já sabia que o processo de aprendizagem vai muito além do falso ou verdadeiro e da múltipla escolha. Hoje em dia já sabemos que o aquilo que o professor americano estudava, cada vez mais vai ser tornando uma realidade para a educação: Os Domínios de Aprendizagem.

Trata-se de uma teoria extremamente complexa, mas que este texto se propõe a apresentar como um primeiro passo para que se compreenda as infinitas possibilidades que o assunto oferece para professores, psicólogos, gestores etc.

Claudio Moreira apresenta alguns caminhos para quem deseja se aprofundar no assunto. Veja um trecho tirado de seu site:

“A Taxonomia de Bloom sustenta o clássico “Conhecimento, Habilidades e Atitudes”. (…) Essa teoria oferece uma excelente estrutura para planejamento, projeto e avaliação da formação e a eficácia da aprendizagem. O modelo também serve como uma espécie de checklist, pelo qual você pode assegurar que a formação está seguindo a realização prevista de todo o desenvolvimento necessário para estudantes, estagiários e aprendizes, e um modelo pelo qual você pode avaliar a validade e cobertura de qualquer formação existente, seja ele um curso, um currículo ou uma todo o programa de formação e desenvolvimento para uma grande organização.”

Em princípio a Taxonomia de Bloom foi criada para ser utilizada na educação escolar, porém é muito comum ver empresas aplicando o modelo em seus processos seletivos, treinamentos ou avaliações de desempenho.

O Portal Educação nos auxilia com a informação de que a aprendizagem abrange 3 domínios fundamentais: Intelectual ou Cognitivo; Afetivo-social e Sensório-psiconeurológico.

Deixaremos para falar sobre eles em outra oportunidade, já que cada um, por si só, já rende um longo debate.

No entanto, podemos afirmar que atualmente, na maioria das vezes, o sistema educativo foca quase que exclusivamente n 1º domínio (Cognitivo), talvez pelo fato de ser o único possível de ser mensurado objetivamente. O desafio é grande, mas algumas atitudes já estão sendo realizadas. O debate para que as escolas levem em consideração os demais domínios já vem sendo realizado, no entanto é preciso, cada vez mais que haja alinhamento das políticas públicas, bem como capacitação de profissionais para que a educação se torne algo completo e que realmente prepare o aluno para o mercado competitivo que o aguarda.

Por isso a importância de se pensar em ferramentas que auxiliem no controle deste processo complexo. A plataforma JUNTOS é um exemplo. Dentre outras funcionalidades, oferece recursos capazes de suprir a necessidade de alinhar os domínios de aprendizagem. Além disso, há de se pensar que a tecnologia auxilia, porém é preciso que toda a comunidade acadêmica se mobilize para contribuir para a melhoria da educação.

Adriana Neves concluiu o MBA em Gestão de Pessoas no UNISAL Lorena em 2014. Atualmente é Assistente de Comunicação e Marketing.

*Texto originalmente desenvolvido para a Plataforma JUNTOS.

Encontro Licenciaturas

Os Cursos de Licenciatura do UNISAL Lorena promoveram um encontro importante no ano em que são discutidas novas diretrizes para as licenciaturas. A semana teve como tema “Ser Professor hoje: responsabilidades e desafios”, e foi realizada nos dias 23, 24 e 25 de maio de 2016 e contou com a presença de Alunos e Ex-Alunos.

Graduado em Filosofia e professor adjunto IV da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), Prof. Dr. Ivanaldo Oliveira dos Santos Filho, abriu a programação com uma palestra sobre “Como as mídias poderão ajudar no ensino?”.

O segundo dia do evento, também foi comandado pelos futuros docentes, Alunos do 1º ano de História, Raul Corrêa de Macedo Neto e Pedro Henriques Pereira Eschechola. O cinema foi a peça chave para o sucesso da atividade. Afinal, um simples Curta-metragem pode ser o passaporte para a imaginação e conhecimento, por trás  das imagens há um relato profundo sobre as várias fases da formação da sociedade. A atividade contou com a orientação do Prof. Me. Diego Amaro de Almeida, Mestre em História Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP) e docente no UNISAL, e com o Professor Antonio Tadeu de Miranda Alves, Coordenador do Curso de História e Mestre em História Social pela (PUC/SP), ambos Ex-Alunos.

Ainda no segundo dia, o relato importante de um revolucionário na educação.

“Ele nasceu no Rio de Janeiro. Ainda criança, veio morar em Queluz. A mãe foi a primeira professora da pequena cidade e dona da primeira escola de alfabetização do município. Mais tarde, retornou ao Rio  com o irmão. Lá, começou a escrever obras. Ele percebeu que enquanto  colocava nomes brasileiros nas obras, não fazia sucesso. Daí resolveu estrangeirar o nome”, conta a bibliografia de Malba Tahan.

encontro-licenciaturas-3

A trajetória de vida de Júlio César de Melo e Sousa ( o Malba) foi tema da palestra/workshop da professora Esp. Meily Cassemiro Santos. Ela falou sobre o professor que usou a literatura como caminho para a alfabetização matemática.

A Coordenadora do Curso de Matemática, Emiliana Amorim, acredita que esse seja o caminho da docência em um país de desafios para a educação.

“O principal desafio é acompanhar a evolução de tudo, já que tudo evoluiu: carros, mídias, hospitais, vestimentas, mas a educação. O modo como nós professores ensinamos, continua igual ao do século XIX. Reclamamos que nossos Alunos não se concentram, não prestam atenção, não se interessam, mas lecionamos do mesmo modo, não propomos nada diferente. De nada adianta a aplicação de novas tecnologias, como por exemplo os apps, se não as utilizamos em sala de aula”, destacou Emiliana Amorim.

A docente ressaltou que muitos cursos de licenciaturas no Brasil estão mais voltados para o bacharelado, o que não é o caso do UNISAL, e que, por isso, acabam formando docentes que não estão preparados para lidar com os conflitos de uma sala de aula, o que provoca grande desistência de seguir na profissão.

O Curso de Pedagogia propôs no tema e na prática uma atividade inusitada, que contou com a publicitária, professora e coordenadora pedagógica, Fabíola de Melo Nehin Guadix. A palestrante, responsável pelo Projeto da Escola Comunitária Cirandas, trouxe o desafio de se pensar em uma “Escola diferente, a partir da experiência educativa vivida na Escola Comunitária Cirandas”, de Paraty, Rio de Janeiro.

No terceiro e último dia a Roda de Conversa contou com os professores Prof. Dr. Felipe Stiebler Leite Vilella (Psicólogo e mestre em Filosofia pela PUC/SP e doutor em Psicologia Clínica pela USP, e com a Prof.ª Me. Suillan Miguez Gonzalez (Bolsista CAPES de Doutorado em Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa pela USP.

Eles esclareceram os participantes sobre “Ser professor hoje: desafios e responsabilidades – As interfaces da Profissão Docente”.

A programação trouxe outras Rodas de Conversa ao longo dos três dias e que contaram com os professores Mário José Dias, Coordenador do Curso de Filosofia do UNISAL, e Sonia Maria Ferreira Koehler, Coordenadora do Grupo de Pesquisa Observatório de Violências nas Escolas, também Ex-Alunos.

dom-bosco-2

Ó Deus, que inspiraste a Dom Bosco o amor pelas crianças e jovens e a decisão de educá-los,
eu te agradeço por ter participado dessa experiência que marcou minha vida.

Tu me dizes que eu também posso como Ex-Aluno retribuir e envolver minha vida em novos projetos de educação da juventude.

Ilumina minha mente e aquece meu coração para encontrar o caminho. Assim serei por Deus e pelos homens abençoado.

Amém!

unisal-cdio-ex-alunos

Ex-Alunos têm mais esse diferencial no currículo.

O UNISAL é reconhecido por ser a instituição da inovação acadêmica.

Não somente pelos projetos pedagógicos, mas por ter gente que empreende e se renova a todo o momento. Essa atitude é inerente a todos os Cursos existentes nas Unidades.

Em Lorena, destacamos, desta vez, as Engenharias do UNISAL.

Os cursos ganharam o reconhecimento do CDIO, uma organização mundial que reúne  132 instituições como Harvard, Stanford, Arizona University (EUA), e que desenvolve  pesquisa para a promoção do ensino da Engenharia de maneira diferencial do modelo tradicional.

“Para que fôssemos premiados, precisávamos estar de acordo com 12 mandamentos determinados pela organização mundial”, destacou o Coordenador do Curso de Engenharia de Produção, Prof. Lúcio Veraldo.

São avaliadas a estrutura física de ambientes de ensino e a experiência em projetos. O UNISAL mantém em suas dependências Laboratórios de Engenharias avançados e projetos diferenciados, que contam com futuros engenheiros (AeroUnisal, Robótica, Celeritas, entre outros) que ensinam e promovem a visibilidade da instituição em todo o país.

Dentre os critérios impostos pela organização, também estava a utilização de Metodologias Ativas de Aprendizagem. No UNISAL Lorena há o LMI (Laboratório de Metodologias Inovadoras) que oferece formação para docentes da Unidade e de outras instituições de ensino superior e da rede pública de educação.

Segundo o coordenador do Curso de Produção, o reconhecimento também leva em conta a Formação Docente. O UNISAL promove, por meio do NAP (Núcleo de Assessoria Pedagógica), capacitação de professores na formação contínua anual.

Desde 2013, representantes de Lorena têm participado da Conferência Mundial do CDIO. Em abril deste ano, marcaram presença na Conferência Regional Latino-Americana, realizada em Concepcion, no Chile.

Foi lá que o professor Lúcio Veraldo apresentou os projetos realizados pela instituição a um comitê técnico. O resultado foi surpreendente, tanto para a organização quanto para o UNISAL. “Somos a única instituição brasileira selecionada e reconhecida”, avaliou, orgulhoso, o coordenador Lúcio Veraldo.

O comunicado chegou ao conhecimento da instituição no último dia 13 de maio. Uma notícia importante, tanto para os estudantes, quanto para os Ex-Alunos do UNISAL Lorena, que levam consigo este selo de excelência para o mercado de trabalho.

“Agora fazemos parte de um grupo seleto de instituições no mundo que promovem inovação em projetos de engenharia e na educação. Será a partir deste momento que saberemos como poderemos compartilhar experiências com essas IEs renomadas”, avaliou Lúcio.

Saiba mais sobre o CDIO!

DIREITO-1990

Ernesto Quissak
Formado em Direito em 1990 (1ª turma)

Recordo-me, como se fosse hoje, da primeira aula que tivemos na então recém-criada Faculdade Salesiana de Direito de Lorena. Era 1986 e os pouco mais de sessenta acadêmicos ainda não se conheciam. Era o primeiro contato entre nós e com a Faculdade de Direito. O Professor de Sociologia, Getulino do Espírito Santo Maciel, iniciou a fala dizendo: “O advogado que é apenas advogado é uma triste coisa.” E, partindo desse ponto, disse-nos que deveríamos, ao longo de nossa formação, cuidar para adquirir vasto conhecimento em todas as áreas do saber, em especial naquelas que dizem respeito às Ciências Humanas e Políticas.

No curso dos cinco anos de convivência e aprendizado, a pedagogia salesiana mostrou seu acertamento e, aos poucos, nos proporcionou conhecimentos diversos. Na área do Direito, além das disciplinas clássicas, como o Direito Civil e o Penal, contávamos com Direito Canônico e Direito Romano, o qual cheguei a lecionar na mesma Faculdade, depois de formado. O Latim também se fazia presente, em curso extracurricular, ministrado pelo saudoso P. Hugo Greco, que, com suas placas contendo declinações latinas, trafegava entre a multidão de alunos. Diziam que quando ele tocava violino, flutuava. É coisa de se imaginar, para quem o conheceu, pois sua aura luminosa, seu sorriso cativante e sua voz plena de bondade cativava a todos, quiçá também aos Anjos. E assim, neste centenário Colégio Salesiano – onde se inseria a Faculdade – fomos crescendo como acadêmicos, e, especialmente, como pessoas. Ali, logo se via, formavam-se Homens, não máquinas. Professores iluminados  guiavam-nos sempre, tais quais P. Nivaldo Peccinatti e P. Mario Bonatti, que desde sempre nos asseveravam que “a vida tem a cor que você pinta”.

brasao-direito-1986Alguns, desde cedo, já revelavam sua vocação absoluta para a advocacia, tal qual o Dr. José Pablo Cortes e o Dr. Carlos Eduardo Tupinambá Macêdo; outros, pretendiam concursos públicos e, mais alguns, apenas se aprimorarem, pois já tinham seus ofícios consolidados em anos de carreira em outras searas. Fosse como fosse, cada qual ali encontrava o que procurava e muitos ainda militam no sagrado ofício do Direito, chegando aos ápices, cada qual em seu trecho. Eu próprio, advogado desde então, recordo-me da alegria em poder participar ativamente da vida acadêmica na Faculdade Salesiana de Direito, seja ajudando na formação do Centro Acadêmico, seja criando o Símbolo da Faculdade, até hoje em uso. Foram anos de intensa vivência, estudo e aprendizado.

De lá para cá, décadas transcorreram e as sólidas bases científicas e morais havidas nos bancos acadêmicos permitiram-me constatar o acertamento da primeira lição recebida, pois nos tornamos mais que advogados, tornamo-nos homens e mulheres que fazem a diferença neste mundo tão carente de Justiça no sentido maior do termo. Deveras, como já se disse, “a grandeza do homem pode ser medida, não por sua riqueza ou fama, mas por suas ações, seu caráter, sua verdade, sua tolerância, sua caridade, sua confiança, sua amizade, seu amor por seus semelhantes”.

formados-direito-1990

Reencontro de alguns Ex-Alunos da 1ª turma de Direito em 2015.

download do E-Book com todas as histórias pode ser feito gratuitamente. Clique aqui e confira!

Esta é “A vida nos pátios do UNISAL”…

Porque o que dá sentido à vida não pode se perder no tempo!

aerea-UNISAL

Adriana Elisa dos Reis Alves das Neves
Pra Sempre UNISAL

Quando pensamos na cartilha “A vida nos pátios do UNISAL”, tínhamos a intenção de destacar as histórias dos Ex-Alunos, Alunos, Professores e Colaboradores desta casa salesiana.

O projeto deu tão certo que virou um E-book, uma forma que encontramos de fazer com que estes preciosos momentos cheguem, cada vez mais, a um número maior de pessoas.

Pelo fato de ser Ex-Aluna e organizadora desta iniciativa, aceitei o desafio de escrever em poucas linhas o que significa esta tão ambiciosa proposta dos salesianos. Ambiciosa, mas de acordo com os princípios de Dom Bosco. O Santo quis sempre ter por perto gente com alma, gente simples e rica de espírito. E no UNISAL, encontramos viva sua missão, seja em momentos de reflexão na capela, seja em sala de aula, ou qualquer outro espaço. Quem por aqui passa sabe o significado de pátio. Sabe que o pátio não se limita ao espaço físico e sim ao objetivo de estar perto e fazer parte da vida dos jovens de espírito.

Atrevo-me a dizer que os depoimentos colhidos nesta edição exemplificam os reflexos de Dom Bosco em sua máxima. São histórias que nos fazem imaginar o cenário e o sentimento descritos. Isso porque percebemos que os momentos narrados ainda permanecem vivos, nunca morrem.

Em um universo amplo de Ex-Alunos, recebemos 7 histórias. São depoimentos regados de emoção e apreço pela essência salesiana. A 2ª edição dA vida nos pátios do UNISAL é uma clara intenção de tornar público os sentimentos mais sinceros do coração de quem faz parte desta família. É um espaço acadêmico e solidário.

Vale a pena conferir a publicação, que oferece, desde histórias recentes, até memórias inesquecíveis de algumas décadas atrás. Boa leitura!

O download do E-Book com todas as histórias pode ser feito gratuitamente. Clique aqui e confira!

Esta é “A vida nos pátios do UNISAL”…

Porque o que dá sentido à vida não pode se perder no tempo!

aluno-destaque-unisal (7)

Os Ex-Alunos Jéssica Aparecida Paulino de Freitas (2015) e André Ricardo de Melo Ulle (2014) do Curso de Sistemas de Informação do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Americana, foram premiados como “Alunos Destaque” pela Sociedade Brasileira de Computação.

De acordo com a SBC, o Prêmio existe desde 2003 e tem o objetivo de prestar uma homenagem aos estudantes de Computação que sobressaem no desempenho acadêmico ou na área de pesquisa e extensão universitária.

A entrega dos certificados foi realizada em 05 de maio, com a presença do Diretor de Operações da Unidade Americana, Professor Homero Tadeu Colinas, do Coordenador do Curso de Sistemas de Informação, Professor Cristiano de Jesus e pelo representante da Sociedade Brasileira de Computação, Professor Sérgio Yoshioka.

“Sinto-me orgulhosa com essa premiação. Essa conquista veio de muito esforço e dedicação, consegui ser a primeira mulher a receber o prêmio e tenho a sensação de dever cumprido”, diz
Jéssica.
“Nos quatro anos que estudei no UNISAL convivi com pessoas admiráveis, tanto professores quanto alunos. Ser indicado para o prêmio foi uma alegria imensa, ser escolhido foi uma surpresa fantástica. O certificado sempre me fará lembrar o quanto essas pessoas foram importantes para o meu crescimento”, diz André.

Como participar?

Cada instituição de ensino pode fazer indicações par o prêmio pelo e-mail tctubino@sbc.org.br. A escolha dos estudantes fica a cargo do delegado institucional o do coordenador de curso.

A premiação inclui uma placa personalizada e certificado ao aluno após o término do curso.

cartilha-bulliyng

A Cartilha do Bullying, organizada pelo Programa de Mestrado do UNISAL Lorena, ganha notoriedade no Portal da Revista Exame. O projeto conta com a participação de Ex-Alunos. Confira!

Escolas salesianas promovem projetos de prevenção ao bullying

Está em vigor desde fevereiro deste ano a Lei nº 13.185, que estabelece o Programa de Combate à Intimidação Sistemática (Bullying) em todo o Brasil. O texto apresenta as situações que podem ser consideradas bullying, além de estabelecer regras para definir casos de intimidação realizados por meio da internet (cyberbullying). Estabelece também as medidas que as instituições de ensino devem adotar para identificar e combater esse tipo de comportamento. Nas escolas que já possuíam programas de combate ao bullying, como é o caso de grande parte das unidades da Rede Salesiana de Escolas (RSE), a lei deu um novo impulso e direcionamento às atividades.
A Lei nº 13.185, sancionada em novembro de 2015 para vigorar a partir de 2016, determina que escolas, clubes e agremiações recreativas têm o dever de assegurar medidas de conscientização, prevenção, diagnóstico e combate ao bullying. Por isso, ela abrange um programa que inclui a capacitação de docentes e equipes pedagógicas, por meio de campanhas de educação e de informação.

Muitas instituições de ensino salesianas, como os colégios da RSE, faculdades e obras sociais, já desenvolviam ações de combate ao bullying, antes mesmo desta Lei ser sancionada. São atividades voltadas para a prevenção do bullying e cyberbullying que incluem palestras sobre o tema, com pais e alunos, debates, campanhas e projetos que buscam conscientizar os educandos sobre quão prejudicial é o bullying, seja para quem é vítima, seja para quem o pratica.

Bullying é Coisa Séria!

Um dos exemplos é o Instituto Maria Auxiliadora de Natal, RN, que lançou em fevereiro o projeto “Bullying é Coisa Séria”. A questão do bullying já é preocupação do Serviço de Orientação Educacional (SOE) da escola desde 2002, quando foi elaborado o primeiro projeto sobre o assunto. Desde então, a proposta foi sendo desenvolvida, sempre no sentido de oferecer aos alunos instruções de como proceder se estiverem sofrendo tal abuso e de transmitir informações para que eles saibam identificar quais situações do cotidiano escolar podem ser consideradas bulliyng e quais não.

Atualmente, o projeto conta com a participação de oito alunas do ensino médio que, em uma linguagem própria da idade, refletem com os alunos questões cotidianas que podem ser relacionadas ao bullying, como alimentação, figurino e aceitação de si mesmo. “Sabemos que tratar de um assunto tão delicado como o bullying não é fácil, mas a inserção de jovens falando para jovens, expondo também suas angústias e o que já sofreram, faz toda a diferença”, considera Cleide Moura, do SOE do ensino médio.

Os pais também são inseridos no projeto por meio de várias atividades, dentre elas, as rodas de conversa, onde eles se reúnem com psicólogos, orientadores, assistentes sociais, professores e alunos para discutirem o tema. “Os pais também procuram o setor de Orientação quando percebem algo estranho com o filho ou com a filha e solicitam ajuda da escola, principalmente no tocante ao cyberbullying, que tem causado muitos transtornos na vida de crianças e adolescentes”, explica Cleide.

Cartilha de Direitos Humanos

Outro exemplo da preocupação com o assunto nas instituições salesianas é a “Cartilha de Direitos Humanos” com foco na prevenção do bullying, elaborada pelo Programa de Mestrado em Direito do UNISAL (Centro Universitário Salesiano de São Paulo) – unidade Lorena, em parceria com a Secretaria Municipal de Esportes, Juventude e Lazer de Lorena. A cartilha tem por intuito conscientizar os alunos sobre os efeitos do bullying na sociedade. Em fevereiro, o material foi entregue aos alunos das escolas municipais de Lorena, inclusive de áreas rurais. A cartilha, que recebeu até tradução para o inglês, é a quinta de uma série que visa melhorar a sociedade, com a promoção da paz nas escolas.

A cartilha chamou a atenção da equipe pedagógica do Colégio Salesiano Região Oceânica, unidade da RSE em Niterói, RJ, e já foi inclusive utilizada em uma das atividades para os alunos do 6º ano do ensino fundamental II. “Trabalhei toda a cartilha com eles. Expliquei em uma linguagem bem clara, e eles se posicionaram e trouxeram vários relatos de filmes e vídeos que já viram sobre o assunto”, disse a orientadora educacional do ensino fundamental II, Tatiana Vidal.

Agora, a cartilha do Unisal passa a integrar os recursos do projeto “É bom ser do bem”, uma ampla campanha de esclarecimento e combate ao bullying e cyberbullying, realizada pelo Serviço de Orientação Educacional (SOE) do colégio salesiano, e que integra professores, equipe pastoral, supervisores e equipe pedagógica. “Trabalhamos em conjunto as regras de convivência, manual do aluno e encontros de formação, nos quais as turmas são levadas a participar de uma reflexão sobre situações percebidas no cotidiano de suas relações. Trabalhamos esse tema com base no Sistema Preventivo de Dom Bosco”, explica a orientadora do ensino fundamental I, Angela Bandeira.

Conhecer para não julgar

Toda criança ou jovem que adentra em uma escola salesiana tem contato imediato com o Sistema Preventivo de Dom Bosco, método educativo sustentado no tripé: razão, religião e “amorevolezza” (amor educativo). Entre os objetivos deste método educativo estão a aquisição e o desenvolvimento dos sentimentos de amizade, ternura e respeito pelo próximo, qualidades que contribuem para inibir a prática do bullying.

De acordo com a aluna Maria Luiza Martins Rodrigues, da 3ª série do ensino médio no Colégio Salesiano de Belo Horizonte, esse aprendizado ocorre por meio de algumas ações nas quais o colégio busca colocar os alunos em contato com diferentes realidades e pessoas. “O colégio tem uma forma de lidar com a gente que procura sempre nos inserir em vários meios; principalmente nos projetos de visitas a creches, lares de idosos, casa de reabilitação…”, explica a estudante. “Antes de uma visita, a gente sempre conhece um pouco a realidade dessas pessoas e, consequentemente, acabamos entendendo e não desvalorizando ou julgando. Com esse trabalho o colégio ajuda a quebrar o preconceito, o que contribui para evitar que a gente pratique o bullying…”, completa Maria Luiza.

De acordo com Heloísa Fonseca, diretora do Colégio Salesiano de Belo Horizonte, a escola tem uma preocupação constante com as temáticas que afetam o desenvolvimento socioemocional dos alunos, como o bullying e o mau uso da Internet. “Ao longo do ano letivo são promovidos diversos momentos com os pais e alunos, pelas equipes de Orientação Educacional e da Pastoral Juvenil Salesiana, que fazem um trabalho sistemático de prevenção e acompanhamento”, destaca ela. “Uma prática comum desenvolvida pelos profissionais é estimular os estudantes a não se envolverem em conflitos e sempre relatarem quando presenciarem um caso. A discussão sistemática sobre o assunto conscientiza o aluno sobre as consequências do ato”, completa Heloísa.

Formação para educadores

O Centro Salesiano de Formação realiza, de 4 de abril até 3 de junho, o curso de extensão “Orientação Educacional: Bullying e Mediação de Conflitos”, em formato EAD (educação a distância). O objetivo é proporcionar espaços de reflexão e o desenvolvimento de conhecimentos conceituais sobre bullying e outras violências no ambiente escolar, tratando sobre o papel de educadores, escola e família diante dessa prática.

O curso é voltado aos orientadores educacionais de todos os segmentos nas unidades da Rede Salesiana de Escolas, e tem 60 horas de duração. De acordo com Ana Paula Costa e Silva, do Centro Salesiano de Formação, o curso foi uma opção estratégica da RSE no sentido de qualificar, ainda mais, os orientadores educacionais como mediadores de conflitos. “Os orientadores educacionais têm um papel importante no sentido de fazer uma ponte entre a escola, a comunidade e a família. Então, esse curso torna-se mais um elemento de competência para que eles possam realizar o seu trabalho”. Segundo Ana Paula, a temática do curso também se faz necessária pela atualidade do tema.

Clique aqui para ler a cartilha!

Posse-direcao-UNISAL

Cerimônia de posse recebe representantes da Reitoria, Professores, Colaboradores, Alunos e Convidados.

Discursos cheios do carisma de Dom Bosco e plateia envolvida pela emoção. Foi assim a cerimônia de posse e transmissão de cargo à nova Diretora de Operações do Centro Universitário Salesiano de São Paulo,  UNISAL, Unidade LorenaProf.ª Dr.ª Grasiele Nascimento, realizada na última sexta-feira (29.04.16), no Teatro São Joaquim. O cargo foi ocupado por mais de 15 anos pelo Prof. Dr. Fábio Reis. Ele continuará na Unidade Lorena como docente no Curso de História e Coordenador dos projetos de Inovação Acadêmica. Vale lembrar que os dois professores são também Ex-Alunos do UNISAL.

O evento contou com a presença de representantes  da Reitoria, professores e colaboradores do UNISAL, Alunos e convidados de Prefeituras e Câmaras da Região  Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte de SP, Instituições de Ensino Superior, Poder Judiciário, setores industrial e comercial, Escola de Especialistas da Aeronáutica de Guaratinguetá e Academia de Letras de Lorena.

A mesa solene foi composta por P. Ronaldo Zacharias, Reitor do UNISAL; Professora Romane Fortes Santos  Bernardo, Pró-Reitora de Ensino, Pesquisa e Pós-Graduação; Professor Nilson Leis, Pró-Reitor Administrativo; Professor Antonio Boeing, Pró-Reitor de Extensão, Ação Comunitária e Pastoral; Professor Fábio José Garcia dos Reis, Diretor de Operações da Unidade; Padre André Luís Simões, Gerente Financeiro da Unidade; P. Alexandre Luis de Oliveira, Diretor Geral da Obra Salesiana em Lorena e Professora Grasiele Augusta Ferreira Nascimento, empossada como a nova Diretora de Operações da Unidade.

A cerimônia foi presidida por P. Ronaldo. Logo após o discurso de abertura, Prof. Fábio Reis recebeu um presente da Reitoria, gesto de gratidão pela excelência do seu trabalho e por ser exemplo de doação à Unidade como Diretor de Operações até a presente data. A dedicação, o amor e o  trabalho em equipe foram os temas do discurso do  Professor Fábio Reis.

A leitura do currículo da Prof.ª Grasiele Nascimento foi feita pela atual Coordenadora do Mestrado em Direito do UNISAL, Prof.ª Maria Aparecida Alkimin. Ela aproveitou a ocasião para proferir uma mensagem de gratidão ao UNISAL e à Grasiele Nascimento.

A cerimônia contou, ainda, com os Escritos de São João Bosco, proferidos pelo  Gerente Financeiro, Padre André Luís Simões.

Um dos momentos mais emocionantes da noite foi o relato da Aluna do 3º ano do Direito, Júlia Moreno, em nome de todos os Alunos do UNISAL. Recheado de gratidão e embasado pelos dizeres de Cora Coralina, uma das escritoras preferidas de Grasiele. Tanto, que ela utilizou também das palavras da falecida  poetisa em seu discurso. “Sinto-me lisonjeada por esta nomeação,  profundamente grata por tudo e sabendo que daremos continuidade a um trabalho diferenciado”, revelou Grasiele.

Ao final da cerimônia, um coquetel foi oferecido aos convidados no Palacete do UNISAL.

Biografia de Grasiele

A Professora Grasiele Augusta Ferreira Nascimento é professora, pesquisadora e mãe de duas meninas, Gabriela e Valentina. Atuou por 13 anos no Curso de Mestrado em Direito do UNISAL, Unidade Lorena. Além do UNISAL é também docente na Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá (FEG/UNESP). Professora membro do conselho editorial da Revista Direito & Paz e Membro da Academia de Letras de Lorena (ALL), ocupa a cadeira de número 10, cujo patrono é seu falecido pai, Sr. Guido Gilberto do Nascimento. É também autora de diversas obras jurídicas, entre elas, 4 livros e 13 obras coletivas, entre as quais citamos: Proteção Contra a Discriminação da Mulher na Relação Laboral: questões relevantes enfrentadas pelos ordenamentos jurídicos do Brasil e de Portugal; Direito das Minorias: proteção e discriminação no trabalho; A Educação e o Trabalho do Adolescente.  Também é autora de 36 capítulos de livros e de 44 artigos publicados em periódicos jurídicos nacionais e internacionais.

Confira o álbum completo na Fanpage do UNISAL Lorena.

Thiago Moreira Ex-Aluno

Entre eles, Ex-Alunos, que contam experiências de sucesso.

 

Estamos no mês de abril, terminou há pouco o primeiro trimestre do ano, mas no UNISAL Lorena já aconteceram tantos projetos…

As Aulas Inaugurais dos Cursos ofertados pela unidade são uma prova de que há muita atividade para os mais de 4 mil Alunos Salesianos.

No dia 30 de março, as Engenharias do UNISAL receberam uma palestra com o Vice-Presidente Executivo de Operações da Embraer, Mauro Kern Junior. Ele falou sobre a realidade encontrada no mercado de trabalho de uma das maiores empresas de aviação do mundo. Vale destacar que, em 2015, a agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P) classificou a companhia como de boa qualidade, com significativas vantagens competitivas que têm resultado no sucesso da empresa.

No dia 29 de março, o Curso de Ciências Contábeis, trouxe Maria Aparecida Rodrigues Alves. Uma mulher num cargo de destaque. Maria Aparecida é a atual delegada do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo, Região de Lorena, e também Coach Executiva no Instituto Performance. Ela falou do tema: “CRC/SP e Universitários, esta parceria é possível?”. Os alunos se divertiram e acharam inusitada a apresentação.

Ainda no dia 29 de março, o Curso de Administração (matutino e noturno) aceitou o desafio de tratar do tema: “Como aplicar o empreendedorismo em um mercado de trabalho inovador?”. O palestrante, Rogério da Silva Nunes, reúne em um vasto currículo a habilidade de transformar a teoria em prática. Graduado em Administração Pública e Administração, Mestre e Doutor em Administração, Rogério atuou como docente, pesquisador e coordenador de núcleos administrativos em Instituições de Ensino Superior nos estados de São Paulo e Rio Grande do Sul.  Com vasta experiência em Empreendedorismo e Governança Corporativa (EGC)  ele veio dividir conhecimento com Alunos da instituição, considerada um campo fértil de inovação.

As Aulas diferenciadas uniram Alunos e Ex-Alunos. Eles vieram compartilhar conceitos e experiências imprescindíveis para o profissional de sucesso, independentemente da área.

Os Cursos de Gestão em Recursos de Humanos e Logística escolheram o dia 11 de março, para impactar alunos com o tema: “Qual o sentido da vida?”. Adivinha só quem esteve no comando da missão? O Ex-Aluno de Administração e de Gestão de Pessoas do UNISAL, Fabiano Ribeiro Vilas Boas. A palestra vai ao encontro do tema do livro do egresso intitulado “Acomodação – Saia da zona de conforto”.

Além do jeito fácil de lidar com vários tipos de público, Fabiano leva consigo um currículo invejável. Ele conta a trajetória de quem passou pelo estágio em multinacionais e chegou à liderança de uma empresa de consultoria.

O Curso de Filosofia realizou no dia 07 de março a Aula Inaugural sobre o tema “Pensar a Educação com Heidegger e Paulo Freire”. Logo pela manhã, os Alunos praticaram a reflexão sobre a vida com Prof. Me. Pedro Morgado.

Mestre em Ciências com Ênfase em Filosofia pela Universidade Federal de São Paulo, Pós-Graduado em Filosofia pela Universidade Federal de Ouro Preto, Licenciado em Filosofia pelo Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Lorena, Pedro é também professor dos Cursos de Filosofia e Direito do UNISAL Lorena. Dentre os Alunos da tradicional Filosofia UNISAL, estão futuros sacerdotes.

inaugural-filosofia-unisal

Há quem torça o nariz para os cálculos matemáticos. Mas no dia 02 de março, a Prof.ª Me. Gisele Américo, bateu de  frente com quem se mostrava contrário ao conteúdo da disciplina durante palestra da Aula Inaugural da Matemática sobre o tema: “Professor de Matemática sim, e daí?”.

Mestre em Educação, Especialista em Novas Tecnologias no Ensino da Matemática e em Educação Matemática e Graduada em Matemática, Gisele atualmente é professora da Educação Básica da Rede Estadual do Rio de Janeiro e da Rede Particular de Ensino, também é professora no Ensino Superior nos cursos de Engenharia de Produção, Psicologia e Economia. Integrante do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Educação Matemática da Universidade Federal Fluminense (UFF). Na rotina diária, ela sabe como a profissão é importante na Formação de Professores, Formação Continuada, Etnomatemática, EJA, O uso de Tecnologias para o Ensino da Matemática e Metodologias Ativas de Aprendizagem.

Por falar em ensinar, o Curso de Pedagogia realizou no último dia 02 de março a Aula Inaugural sobre o tema: “Os Direitos Humanos como caminho de realização do humano”, com Prof. Dr. P. Ronaldo Zacharias.

Reitor do UNISAL, P. Ronaldo é também Doutor em Teologia Moral pela Weston Jesuit School of  Theology (Cambridge, USA), especialista em Educação Sexual pela Faculdade de Medicina do ABC (Santo André, SP), mestre em Teologia Moral pela Academia Alfonsiana (Roma) e graduado em Teologia, Filosofia e Pedagogia.  O Salão do Júri ficou lotado de Alunos e convidados para ouvir o  Coordenador da Pós-Graduação em Educação Sexual do UNISAL e Professor de Teologia Moral. Dentre os temas tratados por P. Ronaldo ao longo de sua carreira são: sexualidade, educação sexual, bioética, fundamentos da ética cristã e teologia moral.

A Psicologia é uma arte dentro e fora do consultório, sala de aula e sociedade. O Curso de Psicologia do UNISAL, com mais de 40 anos de tradição, realizou no último dia 29 de março a Aula Inaugural sobre o tema: “Os sintomas da bulimia e anorexia nas redes sociais”, com Prof.ª Me. Claúdia Mazur Lopes.

Os assuntos polêmicos, diante de uma sociedade que prega padrões de beleza, trouxeram à tona a reflexão contínua para Alunos e convidados.

Graduada em Psicologia, Especialista em Psicologia Hospitalar, Mestre em Psicologia Social e Doutoranda em Psicologia Clínica, a professora convidada da Fundação ABC de Medicina e também da Universidade Ibirapuera (SP), dividiu com o público a experiência conquistada em consultório, clínica, ONG e Associações.

O Curso de Direito do UNISAL realizou nos dias 22 e 24 de março as Aulas Inaugurais sobre os temas: “O Neoconstitucionalismo e as Decisões do STF”, com o Ex-Aluno Flávio Martins (Noturno – 24/02/16). Advogado, Mestre em Direito pela UNESA-RJ, Professor de Direito Constitucional e Processual Penal e Coordenador dos Cursos Preparatórios para Concursos Jurídicos do Damásio Educacional, Flávio participou de um evento que foi uma bela homenagem a todos os Coordenadores que já passaram pelo Curso do UNISAL.

Flávio Martins

Os Alunos do Curso Matutino aprenderam mais sobre o tema: “Crimes Contra a Dignidade Sexual – Casos Emblemáticos“, com Dr. Leonardo Pantaleão (22/04/16).

Dr. Leonardo é advogado formado pelas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e Fundador da Pantaleão Sociedade de Advogados. É Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidad Del Museo Social Argentino, em Buenos Aires.

Os guardiões de nossa História também receberam um convidado à altura da tradição do Curso do UNISAL. A Aula Inaugural do Curso de História do UNISAL, realizada no dia 23 de fevereiro, recebeu a Prof.ª Dr.ª Xenia Miranda Salvetti.  Antes da palestra, Xênia conheceu a instituição e o trabalho realizado pelos Centros de Pesquisas dentro do UNISAL. Em seguida, ela falou aos Alunos e Ex-Alunos do Curso,  um pouco sobre seu estudo a respeito do tema: “Imprensa e Publicidade na São Paulo dos anos 20 e o quotidiano das mulheres pobres”. Pós-Doutoranda e Doutora em História Social pela USP, Bacharel em História pela PUC/SP e em Comunicação pela FAAP. Atuou como docente e colaboradora em Programas de Pós-Graduação. Realizou trabalhos na área de comunicação e história das empresas: Adidas, Dupont, Agência Salem, Reebok e United Distillers. Ela trouxe para o UNISAL uma reflexão sobre o universo feminino.

Os Cursos de Ciência da Computação e Engenharia da Computação se reuniram no dia 25 de fevereiro para descobrirem juntos mais conteúdo sobre o tema: “Nem tudo são bits e bytes – A vida de um profissional de TI”.  Thiago Moreira de Andrade, Ex-Aluno do Curso de Ciência da Computação e do MBA em Gestão de TI do UNISAL, voltou à Instituição para falar da conquista do certificado ITIL, um diferencial importante para profissionais de TI e funcionários que desejam saber mais sobre o Gerenciamento de Serviços. Thiago é um cidadão consciente e um profissional resiliente. Ele conquistou o certificado Green IT Citizen, um modo mais ecológico de trabalho e que contribui para um meio ambiente melhor e a redução de custos pessoais e da empresa. Ele é um profissional UNISAL que se destaca no mercado de trabalho. Atualmente  é administrador de redes na Iochpe Maxion, Cruzeiro.

Já o tema: “Construindo uma carreira de sucesso”, com Flávio Ricci, foi trazido pelo  também Ex-Aluno do Curso de Ciência da Computação e do MBA em Tecnologia da Informação do UNISAL. A experiência do estágio em uma companhia de Lorena rendeu-lhe uma vaga na franquia da TOTVS, uma das maiores empresas brasileiras de software. De analista passou a coordenador. O caminho até uma nova experiência profissional, no Grupo MIR, em Alphaville, conta com muitos fatos inusitados. A trajetória de retorno até a TOTVS resultou uma experiência incrível, que vale a pena ser compartilhada.

As Aulas Inaugurais do UNISAL renderam muitos cliques. Por isso, compartilhamos com vocês todos os flagrantes em um álbum em nosso Facebook. Acesse!

cartilha-bullying-3

Material foi elaborado pelo UNISAL e seus Ex-Alunos, Núcleo de Extensão, Prefeitura e Smart Educ.

O Programa de Mestrado em Direito do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena – Campus São Joaquim, por meio do Núcleo de Direitos Humanos e do Centro de Extensão Universitária e Ação Comunitária P. Carlos Leôncio da Silva, do UNISAL, em parceria com a Secretaria de Esportes, Juventude e Lazer de Lorena, estão sorrindo à toa.

O motivo são os resultados colhidos com a “Cartilha de Direitos Humanos”, com foco na prevenção do Bullying.

Nos meses de fevereiro e março a comissão organizadora fez uma série de visitas às escolas de Lorena para distribuir o material.

Os depoimentos, desenhos e redações provaram que o público-alvo, ou seja, jovens e crianças, entenderam a grandeza do problema e, principalmente, conheceram formas de combatê-lo no cotidiano.

O material, que conta com o apoio da Escola Smart Educ de Lorena, pode ser acessado aqui na versão online.

O álbum é o quinto de uma série que visa melhorar a sociedade, com a promoção da paz nas escolas e a busca por um mundo melhor.

A produção traz  desenhos coloridos feitos por alunos da cidade e que foram selecionados no concurso “Promoção da Paz”, realizado em outubro de 2015, além dos textos de pesquisa dos professores do Mestrado do UNISAL.

No Brasil, segundo o Centro Multidisciplinar de Estudos e Orientação sobre o Bullying Escolar, esse tipo de violência atinge 45% de alunos do ensino fundamental, entre agressores, vítimas e vítimas/agressores.

A problemática tratada de uma forma tão didática também chamou atenção do I Congresso Internacional de Derechos Humanos. O material será incluído no evento, que irá acontecer nos dias 21 e 22 de abril, na cidade de Santiago/Chile. A programação é organizada  pela Universidad Católica Silva Henriques e pelo Programa de Mestrado em Direito do UNISAL.

O projeto conta com o poder público representado pelo Ex-Aluno UNISAL, Roberto Bastos, secretário de Esportes, Juventude e Lazer de Lorena.

Parabéns a todos os envolvidos!

pos-graduacao-unisal

Você já deve ter ouvido a frase “Uma vez salesiano, sempre salesiano!”.

Isso porque muitos dos Alunos que passam pelo UNISAL, reconhecem a educação recebida com valores cristãos e retornam à instituição na qual confiam para prosseguir com os estudos.

No dia 19 de março de 2016, encontramos algumas dessas pessoas que iniciaram um curso de Pós-Graduação.

pedro-ex-aluno-unisalÉ o caso do Pedro Henrique Bueno de Godoy. Ele cursou Direito no UNISAL e o ensino fundamental no Colégio São Joaquim.

Neste ano, ele deu início a Pós em Processo Civil e Direito Civil. Pedro sabe da importância da qualificação e também tem consciência de que não há campo melhor para se aperfeiçoar, que não o ambiente acadêmico.

“A gente tem de procurar se aperfeiçoar sempre. Eu volto à casa que sempre me acolheu com a certeza de que será um período de muito conhecimento”, afirma Pedro.

thais-ex-aluna-unisalA Thaís Aparecida Arruda André, Auxiliar Administrativo, estava contente com o novo desafio e, ao mesmo tempo aliviada. Ela acabou de se formar em Administração e contemplada com o título Universitário 5 Estrelas. Nova Aluna do MBA em Gestão de Pessoas, ela voltou por causa da qualidade do estudo e devido ao relacionamento com os professores.

Eu sou Ex-Aluna e sempre gostei daqui e de lidar com pessoas. Já fiz vários cursos na área de Gestão de Pessoas. Estudar no UNISAL  gerou-me muitas oportunidades. Além disso, ouvi falar muito bem do corpo docente, daí pensei: não posso deixar escapar essa chance única”, afirma Thaís.

Esses são exemplos de Ex-Alunos que fazem jus à expressão PRA SEMPRE UNISAL!

unisal_lorena_pos_banner250x250px

O Programa PRA SEMPRE UNISAL tem um número estimado de mais de 17 mil Ex-Alunos UNISAL no mercado de trabalho, formados pela Graduação e Pós-Graduação.

É gente com Selo UNISAL. É gente feliz por ser um profissional e um cidadão completo.

Ainda dá tempo de se preparar para o futuro. Ingresse na Pós-Graduação do UNISAL. As inscrições estão abertas no site do UNISAL!

Você também é um Ex-Aluno que está retornando para cursar a Pós-Graduação? Deixe aqui o seu depoimento.

UNISAL Campus Maria Auxiliadora

Por meio do Programa de Aprimoramento da UNICAMP, Pós-graduação Lato Sensu nas áreas de atuação do assistente social, os Ex-Alunos do Curso de Serviço Social da Unidade Americana ganharam bolsa por um ano e, ao final, receberão um certificado de aprimoramento da área escolhida.

“Esses cursos agregarão valor à formação dos alunos tornando-os mais capacitados e competitivos em seu campo de atuação”, diz Maria Izabel Prezotto Vicente, Coordenadora do Curso de Serviço Social do UNISAL.

Confira os nomes dos Ex-Alunos:

Serviço Social, Saúde e Envelhecimento
1.º lugar – GABRIEL TRINDADE MOREIRA

Práticas e Políticas sociais na área de Saúde e reabilitação
1.º lugar – GISELE AUDREY CIA

Serviço Social em incapacidades neurológicas: prevenção e assistência
1.º lugar – LUCIMARA K. PEREIRA
2.º lugar – VIVIANE DINIZ DA SILVA

Atendimento à saúde da mulher e do recém-nascido
2.º lugar – HANNA YURI COCATO

Serviço Social em Pediatria
2.º lugar – VERONICA SOUZA NUNES

Parabéns a todos!

O UNISAL reconhece as conquistas de seus Ex-Alunos.

Tem uma notícia boa para compartilhar? Envie pra gente!

NetFindersBrasil University

A coordenação dos cursos de Ciência e Engenharia de Computação do UNISAL Lorena está sempre pensando em ações que contribuam para a formação completa dos Alunos e Ex-Alunos. Desta vez ela firmou convênio com a NetFindersBrasil para proporcionar ao seu público a participação no “Programa NetFindersBrasil University”, cujo objetivo é capacitar, de forma gratuita, os profissionais de TI de todo o Brasil.

Com este convênio, os Alunos e Ex-Alunos dos cursos de Ciência e de Engenharia de Computação terão os seguintes benefícios:

- Acesso aos cursos oferecidos em Modo Gravado por um período de 30 dias;
- Fórum para solucionar dúvidas via e-mail durante o tempo em que estes acessam o curso;
- Certificado de Participação para todos que obtiverem média maior ou igual a 70% nos Exames a serem oferecidos via Plataforma Moodle.

Os cursos em Modo Gravado oferecidos pelo Programa são:

- Introdução a Redes de Computadores
- Preparatório para Certificação CCNA RS – 200-120
- Fundamentos de BGP, Design e Estratégias de Implementação
- Fundamentos de MPLS e VPN de Camada 3
- QoS – Qualidade de Serviço para LANs e WANs

Os interessados em participar gratuitamente desse programa devem enviar o nome completo e e-mail para Árison Lopes (curso.computacao@lo.unisal.br) que fará o cadastro junto à NetFindersBrasil.

O número de bolsas é limitado. O certificado obtido pelo estudante tem valor legal como Atividade Complementar e corresponde a 30 horas.

Para obter mais informações sobre o Programa, clique aqui!

abertura-pos-17-02-16-am-5

Evento contou com presença de Ex-Alunos.

Foi realizada, em 17 de fevereiro, a abertura dos Cursos de Pós-Graduação do UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Americana, Campus Maria Auxiliadora. Com o tema “Como impulsionar a carreira profissional em momentos de crise”, os convidados, de diferentes áreas, debateram sobre as competências-chave para o sucesso profissional. A mesa-redonda foi aberta para alunos da Pós-Graduação, Ex-Alunos da Graduação e interessados em fazer uma Pós-Graduação.

O Diretor de Operações da Unidade, Prof. Homero Tadeu Colinas, fez a abertura do evento e lembrou a importância da educação continuada para busca de oportunidades no mercado de trabalho. Participaram do debate, mediado pelo Prof. Flávio Rossi, Alfredo Fonseca – Consultor na área de gestão e professor especialista na Pós-Graduação; Nivaldo J. Silva – Consultor na NJS Consultoria e professor do UNISAL; Oswaldo Delfin Nogueira – Coordenador do Núcleo de Jovens Empreendedores do CIESP de Americana e o Prof. Jaime Augusto de Campos – Diretor Geral da West Brasil Lubrificantes, distribuidora Mobil e professor do UNISAL há mais de 20 anos, atuando nas disciplinas de Economia na Graduação e Pós-Graduação. Discutindo o tema na área de Educação, participaram a Prof.ª Marta Mancini e as Ex-Alunas convidadas do Curso de Pós-Graduação em Psicopedagogia, Simone Amado – Fundadora e Coordenadora da Família Down – Americana e Danielli Borges, Pedagoga e Psicopedagoga. O Coordenador do Curso de Administração e Supervisor dos Cursos de Pós-graduação em Gestão do UNISAL, Prof. Jarbas Martins, também participou do evento.

marketing-digital-unisal

imagem da empresa é um dos aspectos mais delicados e precisa ser levado em consideração em todas ações, seja ela de pequeno, médio e grande porte. Em se tratando de um mundo conectado em que vivemos, essa imagem vai além dos espaços físicos e se transporta à internet facilmente. Por isso as empresas devem se preocupar também com a imagem que ela possui na internet para que seja condizente às suas políticas organizacionais.

Abaixo seguem as vantagens de se investir em Marketing Digital de Relacionamento:

> Demonstra transparência, organização e credibilidade
> Facilita e agiliza a comunicação com os clientes
> Demonstra a preocupação e o cuidado com os clientes
> Contribui para a busca no Google
> Melhora a imagem da empresa
> Possibilita informações e conteúdos informais que aproximam os clientes

Contudo é preciso destacar que as estratégias devem sempre estarem alinhadas a filosofia da empresa e as ações presenciais, ou seja, o digital deve estar alinhado com o real.

Dessa forma as empresas conseguem bons resultados e fortalecem o contato contínuo com seus clientes de forma natural.

Adriana Neves concluiu o MBA em Gestão de Pessoas no UNISAL Lorena em 2014. Atualmente é Assistente de Comunicação e Marketing.

escassez-agua

Segundo Jacobi, a água se originou da liberação de grandes quantidades de gases hidrogênio e oxigênio na atmosfera, que se combinaram e deram origem aos vapores de água. Durante o período de formação do Planeta, as temperaturas só possibilitavam a água em forma de vapor. À medida que as temperaturas baixaram, os vapores se transformaram em nuvens, que foram atraídas pela gravidade e caíram em forma de chuva na superfície da Terra. Assim, houve acumulação progressiva de água principalmente na superfície, nos estados líquido e sólido (gelo) e simultânea formação de vapor de água pelos mecanismos de evaporação e transpiração dos organismos vivos. A parcela que se infiltrou na superfície e se acumulou entre as camadas de rochas do subsolo formaram as águas subterrâneas – os lençóis e os aquíferos é o chamado Ciclo Hidrológico. (Jacobi 2006: 01).

Assim, o Ciclo Hidrológico é o responsável pela manutenção desse recurso natural acumulado na superfície e no interior do solo. Com o calor irradiado pelo Sol, grande parcela da massa de água transforma-se em vapor, que se resfria à medida que vai subindo à atmosfera, condensa e forma nuvens, as quais voltam a cair na Terra sob ação da gravidade, na forma de chuva, neblina e neve.

Estudiosos e cientistas preveem que em breve a água será a causa principal de conflitos entre nações. Conforme texto publicado no Almanaque Brasil Sócio-Ambiental sobre a água, 2004 há sinais dessa tensão em áreas do planeta como no Oriente Médio e na África.

Mas também os brasileiros, que sempre se consideraram dotados de fontes inesgotáveis, vêem algumas de suas cidades sofrerem a falta de água. A distribuição desigual da água é a principal causa dos problemas. Neste contexto, o Brasil encontra-se numa posição privilegiada, possuindo 12% da água doce superficial do mundo.

No século XX, a demanda de água aumentou em mais de seis vezes, superando em duas vezes o crescimento populacional no período. O consumo per capita do recurso aumenta geometricamente com a melhora da renda da sociedade.

A distribuição geográfica da água na superfície terrestre é bastante irregular. A escassez de água já atinge 21 países, principalmente aqueles localizados em regiões áridas, onde os índices de chuva são menores, e naqueles onde o alarmante processo de desertificação avança.

Na atualidade, ocorrem mais de 70 conflitos em todo o mundo envolvendo a disputa por recursos hídricos. No futuro, muitas guerras entre países vão ocorrer pelo controle da água.

O consumo de água tem aumentado, nas últimas décadas, com o crescimento da população mundial e da expansão das atividades agrárias e industriais. Ao mesmo tempo, aumentou a poluição, a contaminação e o desperdício dos recursos hídricos, fato que pode levar a uma grave crise em todo o mundo pela escassez de água doce num futuro próximo.

Segundo Bassoi e Guazelli, o Brasil é o campeão mundial, concentrando 12% da água doce da Terra. Mesmo assim, 80% dos recursos hídricos brasileiros estão na região Amazônica, área que comporta apenas 5% da população. O Centro-sul do país, região mais populosa, concentra 15%. A situação do Nordeste é preocupante, pois a região concentra 25% da população brasileira e apenas 3% dos recursos hídricos nacionais.

Assim, para atender ao atual consumo mundial de água doce, “usamos 54% das fontes disponíveis. Nesse ritmo chegaremos a 70% em 2025. A Organização das Nações Unidas (ONU) defende o acesso à água salubre como uma necessidade humana fundamental”. (Almeida e Rigolim 2002:102).

Para Willians, cerca de 97,5% de toda a água na Terra são salgadas. Menos de 2,5% são doces e estão distribuídas entre as calotas polares (68,9%), os aquíferos (29,9%), rios e lagos (0,3%) e outros reservatórios (0,9%). Desta forma, apenas 1% da água doce é um recurso aproveitável pela humanidade, o que representa 0,007% de toda a água do planeta. (Willians 2006: 15)

O gerenciamento dos recursos hídricos é a forma mais moderna de planejamento dos usos das águas e controle da sua qualidade e disponibilidade hídrica, com o objetivo de minimizar ou evitar os conflitos decorrentes do mau uso da água doce. Deve-se, portanto, ter por meta a distribuição criteriosa e racional da disponibilidade hídrica e a proteção da qualidade das águas.

É uma substância e um recurso ambiental, natural, fundamental à existência dos seres vivos em todo o Planeta.

A água doce precisa ser entendida como um bem finito e escasso, cuja disponibilidade vem decaindo ao longo dos anos. É uma substância e um recurso ambiental, natural, fundamental à existência dos seres vivos em todo o Planeta.

Luecy da Silva Barboza concluiu os cursos de Pós-Graduação em Gestão Ambiental e em Perícia em Meio Ambiente no UNISAL (Pólo Roseira).

formatura-unisal-2015 (34)

Saiba o diferencial de quem conhece o estilo salesiano de educar

A formatura do Centro Universitário Salesiano – Unidade Lorena – Campus São Joaquim fechou com chave de ouro o mês de janeiro de 2016.

Entre os dias 27 e 30, cerca de 500 Alunos tornaram-se profissionais de renome no mercado.

Eles levam consigo, não somente o diploma, mas também o espírito salesiano de Dom Bosco. Muito, por conta da postura de acolhimento dos Colaboradores, Professores e Padres Salesianos durante a passagem dos, agora, Egressos pela instituição.

Um exemplo desse espírito é Padre Mario Bonatti. “Quero muito que os Alunos e Ex-Alunos estejam comigo todos os dias. Não pensem que estão ocupando meu tempo, afinal, meu tempo é de vocês”, revela o padre corintiano e catarinense.

As Colações de Grau foram realizadas pela empresa Promover na Quadra do Colégio São Joaquim. Com direito a fotos, discursos emocionados e homenagens, muitos Graduados de 2015 agora têm uma certeza!

“Formar-me no UNISAL foi bom demais. Resgatei valores como amor, honestidade e caridade, que agora ficarão gravados no meu coração”, revela o Pedagogo João Moreira.

Nicole Gonçalves, a nova Professora de História da Região, preferiu divulgar em uma foto o orgulho de ter se formado aqui.

diploma-unisal

“Concluir minha graduação no UNISAL foi uma experiência incrível, pude ter a certeza de que estou no caminho certo. Além de me passar conhecimentos técnicos e científicos, o curso abriu as portas para eu poder praticar o que estava aprendendo, por meio do estágio no Curso Preparatório para o ENEM. Hoje me sinto preparada para exercer a função de educador. E o melhor! O UNISAL abriu as portas para descobrir meu verdadeiro dom e por aperfeiçoá-lo de uma maneira magnífica”, avalia Sávia Vidal, Graduada em Matemática pelo  UNISAL.

Outro Ex-Aluno exemplo é o Advogado Caio Sanas. Para ele, “formar no UNISAL é superar as expectativas de um curso de Direito, em um mundo no qual muitas instituições apenas existem”.

O UNISAL formou profissionais dos cursos de Administração, Ciência da Computação, Engenharia de Produção, História, Matemática, Pedagogia, Gestão de RH, Logística e Psicologia e Direito.

O álbum das Formaturas está disponível na Fanpage do UNISAL Lorena.

Na contramão da despedida, o UNISAL recebe nesta primeira semana de fevereiro centenas de novos alunos em seus 15 cursos de graduação.

Durante o discurso de acolhida, neste dia 1º de fevereiro, o Diretor de Operações, Fábio Reis, afirmou  que o novo discente deve se interessar por todas as áreas e não somente pelo seu curso. “O aluno engajado com nossa linha de educar será um profissional diferenciado lá na frente”, revelou Fábio.

O Programa PRA SEMPRE valoriza, não somente o contato com os Ex-Alunos, mas também o trabalho realizado por eles no mercado de trabalho. Tanto o Diretor Operacional do UNISAL, Fábio Garcia dos Reis, quanto o Gerente Financeiro do UNISAL, Padre André Luiz Simões, são Ex-Alunos UNISAL.

Na acolhida aos novos alunos, o sacerdote falou da importância de uma postura exemplar ao longo da passagem pelo Centro Universitário e também do universo que se torna pequeno quando professores voltam a se encontrar com seus Ex-Alunos.

Eles são a prova disso! Padre André chegou a ser aluno do professor Fábio. Hoje, dividem a direção da Instituição Salesiana.

ex-alunos-dom-bosco

Dia 25 de janeiro  de 2016 Oswaldo Dalpiaz, Presidente Nacional dos Ex-Alunos de Dom Bosco, divulgou uma carta especial.

 

“Prezados Ex-alunos

Terminamos o ano de 2015 com a mensagem, do Papa Francisco, sobre o ANO SANTO DA MISERICÓRDIA. Que esta mensagem possa nos acompanhar durante o ano de 2016 e seus frutos permanecerem conosco durante nossa vida. Como diz o Papa “ a vida é uma peregrinação e o ser humano é um viajante”.  Caminhemos, pois, em direção  da misericórdia de nosso Deus.

2015 foi um ano todo especial para a Congregação Salesiana e para nós, ex-alunos, também. Juntos, comemoramos os 200 anos do nascimento de Dom Bosco. Alguns puderam participar mais intensamente. Outros, nem tanto. O importante é que o ardor por Dom Bosco não pode e nos abandonar.  Aqueles ensinamentos recebidos enquanto éramos alunos, devem nos animar e a partir deles  construir uma sociedade melhor. No meio de tanto descrédito e de pessimismo, somos chamados a ser presença significativa através da honestidade (honestos cidadãos) e de um comportamento marcado pelo trabalho e comprometimento (bons cristãos).  Ser ex-aluno é participar de um grande projeto de fazer o bem.

Para o Movimento dos Ex-alunos, 2015 foi também um ano de muita animação. Representantes de quase 40 países estiveram reunidos em Roma para eleger a nova Diretoria Mundial e compreenderem melhor o carisma salesiano ( Na diretoria temos um representante brasileiro, o Eduardo Cavalcante).  Realmente, foram momentos inesquecíveis de harmonia, oração, convivência e de mútua animação.  Foi muito animador ver o bem que muitos ex-alunos estão fazendo em seus países. Enchem-se de orgulho quando se dizem ex-alunos de Dom Bosco. A mensagem que recebi dias atrás  retrata bem isto: “Yo hablo salesiano. Y vos?”

Aqui no Brasil, o movimento também está fazendo sua “peregrinação”.  Vemos com muita alegria notícias de Uniões que estão surgindo, outras se reorganizando, encontros regionais reanimando quem estava desanimado, ex-alunos assumindo protagonismo de manter obras sociais. É uma bela movimentação.  Vamos estabelecer um link de informações para nos animar mutuamente. Para dar maior consistência a esta caminhada, o Conselho Nacional irá se reunir nos dias 8, 9 e 10 de abril em São Paulo.  Irá revisar as ações previstas para 2015 e programar o que virá para 2016.  Estejamos todos ligados.

No dia 24 comemoramos São Francisco de Sales. Santo que Dom Bosco escolheu em razão de sua mansidão, de sua dedicação à Igreja e de seu carisma de acolhida. Do nome Sales é que vem Salesiano.

No dia 31 comemoraremos a festa religiosa  de Dom Bosco. Em todo mundo salesiano, é um dia de muita alegria, celebração e de fortalecimento das convicções em segui-lo no seu projeto cristão e educativo. Como ex-alunos, sintamo-nos unidos à Família Salesiana, agradecendo a Deus pela grande graça de participarmos de seu projeto e do bem que é feito diariamente em todas as frentes onde os salesianos se encontram. É bonito pensar que são 133 países que usufruem da ação evangelizadora e educativa dos salesianos. E nós, como ex-alunos podemos participar, assim como muitos já o fazem, com experiências belíssimas tanto de apoio às obras salesianas, como naquelas ações organizadas pelos próprios ex-alunos. Muito do que é feito pela Congregação pode ser acompanhado pelo site: www.sdb.org ou ans@sdb.org. Além destes sites, cada Inspetoria tem o seu.

Como ex-alunos, podemos ser o braço da Igreja e da Congregação Salesiana na sociedade onde atuamos. Se formos fieis, seremos portadores e sinais de uma nova ordem social mais justa e solidária.

Pedindo as bênçãos de Dom Bosco sobre cada um de nós e sobre nossas famílias, deixo um grande abraço.”

Formatura Filosofia UNISAL

12 de dezembro, às 18 horas. Data e hora marcadas para uma bela comemoração: A formatura dos alunos do curso de Filosofia no UNISAL Unidade Lorena.

A turma não era grande, mas sua energia tomava conta dos espaços por onde passavam.

A comemoração iniciou com uma missa no Santuário São Benedito, como é costume no curso. Logo após, os formandos, seus familiares e familiares se dirigiram ao Teatro São Joaquim para a Cerimônia de Colação de Grau, marcada por muita emoção e alegria.

Dentre os professores participantes, Március Nahur foi o paraninfo, Padre Mario Bonatti, o Patrono. Já as homenagens foram para os professores Elisa Maria Soares, Padre Dílson, Mário José Dias e o assistente de curso Árison Lopes.

O momento da formatura é muito especial, pois, além da formação como professor, os alunos estão dando o 1º passo para a vida sacerdotal.

Como agradecimento, Árison deixou uma mensagem especial aos, agora, Professores de Filosofia:

Formatura Filosofia UNISAL“Todo final de ano o coração aperta, os olhos começam a marejar, a saudade se acomoda no peito e fica aquele friozinho de uma certeza que o destino transformará nossos caminhos paralelos… Mas a alegria de ver os alunos conquistando seus sonhos e alcançando um pedaço de seus objetivos está estampado no sorriso que mostro a eles. Isso é ser professor, se alegrar na despedida e vibrar junto dos alunos as suas conquistas.

São poucas horas juntos, que aos poucos se formam em dias e que o tempo se encarrega de transformar em anos, esses que foram ricos na convivência, na troca de valores e na construção de uma amizade, que particularmente, será duradoura.

Cada um que passou pelo curso, e também pela minha vida, passou sozinho, e deixou um pouco de si, do qual levarei na memória e também no coração. Se posso desejar algo aos oito formandos do curso de Filosofia 2015 é que Deus possa dar várias oportunidades de serem felizes e realizados nesse caminho de paz e bênçãos. Que o mundo se alegre, pois ganhamos mais oito autores que escreverão suas histórias e deixarão suas marcas.”

Agora eles compõem o grupo de mais de 16 mil Ex-Alunos “Pra Sempre UNISAL”.

Clique aqui e confira as fotos da formatura!

Encontro Ex-Aluno

1º Encontro de Ex-Alunos do UNISAL, Centro Universitário de São Paulo, Unidade Campinas, Campus São José, foi realizado em 24 de novembro, no auditório Artêmides Zatti.

Os participantes foram recebidos com um welcome coffee onde conversaram, resgataram histórias e saudades. A coordenadora de Extensão Marilia Bestani deu as boas-vindas aos Ex-Alunos e passou a palavra ao diretor Anderson Luiz Barboza, que falou da importância do reencontro e das trocas de experiências.

A palestra foi ministrada por Enrique de Paula, sócio-fundador da empresa Setup Automação e Ex-Aluno da 1ª turma de Instrumentação e Controle do UNISAL. O tema da palestra foi: “Brasil de oportunidades: da sala ao empreendedorismo.” Enrique contou sua história como Ex-Aluno, sua trajetória profissional e depois falou sobre empreendedorismo, despertando reflexões nos colegas e levantou algumas perguntas pertinentes para quem desejava empreender, como: você está disposto a correr riscos? Já existe alguém fazendo o tipo de negócio que você deseja? Qual será o diferencial do seu negócio?

encontro-ex-alunos-unisal

Emoção e Alegria marcaram o evento

Os preparativos começaram há quase um ano.

O 1º Encontro de Ex-Alunos do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena- Campus São Joaquim, foi realizado no dia 21/11/15. Um dia para ficar na história, um dia cheio de história. Emoção e muita conversa também não faltaram entre os 50 participantes.

Logo na entrada do UNISAL, os Ex-Alunos foram recepcionados por flores e por um abraço do “famoso” Roberto Ramos, ou simplesmente, Robertão.

“São tantas histórias reunidas aqui hoje, não há como não se emocionar. O abraço que dou em cada um deles é também um passaporte para minha viagem de volta ao passado”, revela o colaborador da portaria, que está há 16 anos no UNISAL.

Robertão é da portaria e do coração de muitos. “Quantas vezes ele nos abraçou em um dia difícil, de desânimo”, revela Josiane Santos, do curso de Psicologia, turma 2004.

Depois da recepção emocionante, o evento seguiu a programação no Salão do Júri. Lá, o jovem aluno do 5º ano de Direito, Iago Ervanovite, apresentou, com um ar de jovialidade, um cerimonial surpreendente do 1º Encontro.

O primeiro discurso foi do Diretor Operacional do UNISAL, Fábio Reis. Marcado pelo choro, nó na garganta e alegria no olhar, a fala do professor Fábio teve o carisma salesiano. “Os projetos inovadores e o olhar para o futuro do UNISAL só têm sentido por momentos como este. Inexplicável a sensação do abraço e do reencontro”, enfatizou Fábio durante o discurso.

A responsável pelo Encontro e pelo PRA SEMPRE UNISAL na Unidade de Lorena, Adriana Neves, também esclareceu aos participantes a importância do estreitar do relacionamento, pois deste elo todos saem fortalecidos. “…por isso, quando eu enviar e-mail para vocês convidando para eventos como este, respondam”, brincou Adriana em um dos trechos do discurso.

Padre Mario Bonatti, assessor salesiano, é o símbolo do vínculo estreito com os Ex-Alunos. Ele falou da importância do egresso levar consigo a educação aos moldes salesianos.

A programação contou com a palestra sobre “Inovação em Tempos Desafiadores”, com Alexandre Correa Lima: Diretor-Presidente da Mind Comunicação, Mind Pesquisas e Infinitur, Pós-Graduado em Administração de Marketing e com Master em Comunicação Empresarial (MBC). O palestrante também tem passagem pela Escola Avançada de Pesquisas de Mercado na University of Georgia (Atlanta/EUA). Com um currículo extenso e diferenciado, ele trouxe o tema de uma forma tão descontraída que atraiu a participação maciça do público.

Na plateia, havia Ex-Alunos de variados cursos e turmas. História, Psicologia, Pedagogia, Letras, Direito, Administração foram alguns dos cursos representados no evento.

Logo ao final do evento, foi apresentado o E-Book “A vida nos pátios do UNISAL”.

O projeto começou em 2014, em 2015, ganhou esta nova forma.

“O objetivo é que eles relatem em nossas páginas as experiências vividas nesta casa salesiana”, destaca Adriana Neves, responsável pelo programa na unidade de Lorena.

No 2º volume da publicação, há 7 histórias emocionantes, que evidenciam o reflexo de Dom Bosco na missão do UNISAL de educar e lidar com o próximo.

O download do E-Book pode ser feito gratuitamente neste link!

De volta ao encontro, um dos momentos inusitados foi a escolha de uma aluna para falar sobre o reflexo de Dom Bosco na vida e sua passagem pelo UNISAL.

Relatos emocionantes que fizeram do encontro um dos marcos desta nova fase do Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno. “Queremos estar PRA SEMPRE na vida de nossos Ex-Alunos”, destaca Adriana.

A programação terminou com um brunch ao som de MPB ofertado pelo Ex-Aluno de Direito do UNISAL, Thiago de Lima.

Veja o vídeo!

Que venham as próximas edições!

Confira as fotos do Encontro.

30-anos-psicologia-UNISAL

A sexta-feira, 13 de novembro, no Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena – Campus São Joaquim, lembrou bem o suspense atribuído a esta data nas telas do cinema.

Na Unidade Lorena, o clima diferenciado foi de responsabilidade de 25 Ex-Alunos do curso de Psicologia.

Os psicólogos graduados em 1985 na Instituição Salesiana retornaram para uma visita rápida, mas agitada e que chamou atenção por onde a caravana passou.

A primeira parada dos amigos foi no Palacete. No local, eles vestiram o uniforme da união, uma camiseta com o símbolo da Psicologia como destaque. O crachá e a assinatura no cartão para homenagear o professor Paulo Vasques, que tem quase os mesmos anos de profissão no UNISAL, também não poderiam faltar.

Quando velhos amigos se encontram, há muito assunto em pauta:

“Um dia já tem assunto, imagina 30 anos”, afirma Neusa Cipolli, que clinicou nos primeiros anos de profissão e que trocou a carreira do consultório pelos estúdios de uma rádio onde atua como jornalista. “Jamais abandonei os ensinamentos na minha atual profissão, aplico os conceitos na rotina diária de jornalista e digo que trabalhar com gente é a melhor coisa do mundo”, revela, emocionada, Neusa Cipolli.

Os Ex-Alunos foram recepcionados pelo Gerente Financeiro do UNISAL, P. André Luiz Simões, e pelo Diretor Operacional, Prof. Dr. Fábio Reis. Fábio fez uma brincadeira com os presentes. “No ano em que turma se graduava, eu ingressava no UNISAL”, revelou o Diretor da IES.

Uma das organizadoras do encontro, Monica Matos, hoje vive em Resende, Rio de Janeiro. Não mediu esforços para comemorar com festa a data especial. “Em nenhum momento desanimamos, ao contrário, queríamos ver todos aqui sorrindo com a alma, como estamos nós”, revela Monica.

Magda Cariello é também uma das organizadoras. Amiga de Monica desde os tempos do curso, há algum tempo criou um grupo em uma rede social, com adesão de 46 amigos, para definir os preparativos do evento. Alguns já faleceram, mas sempre são lembrados pelos colegas. “Os que estão no céu nos dão força diariamente para celebrarmos a vida”, afirma Magda, que conheceu o esposo, Paulo Vasques, no curso.

Paulo ingressou na Psicologia UNISAL em 1985, a sala de Magda foi a primeira que ele ministrou aulas. O que era apenas profissão virou amor. Hoje os dois são casados e  mantêm uma relação regada com muito diálogo, afinal são psicólogos.

A segunda parada do encontro foi a sala de aula do 1º ano de Psicologia. Lá, não somente o professor Paulo Vasques foi homenageado, como também toda a turma.

A intenção era que apenas uma Ex-Aluna UNISAL falasse sobre os 30 anos de profissão, mas a quebra de protocolo foi inevitável e a emoção veio à tona.

Teresa Cristina da Silva se agarrou ao microfone e falou aos futuros psicólogos para que aproveitassem todo o conteúdo repassado e a troca de experiência com os professores. “Apaixonem-se a cada dia que passam com os docentes, colegas de classe e profissão. Entendam que não somos concorrentes, mas sim companheiros”, afirmou a psicóloga durante o discurso aos alunos.

Em seguida, o símbolo maior do carisma de Dom Bosco, P. Mario Bonatti, também discursou. Ele aproveitou a ocasião para dizer aos alunos da importância de se reunirem em festa e de o UNISAL sempre ser palco para belas histórias como a dos alunos formados há 3 décadas.

A tradicional foto no busto de Dom Bosco não poderia faltar. E mais do que isso, as mensagens de incentivo de quem já tem uma vida inteira na profissão. Os Ex-Alunos também tiraram foto na escadaria do Palacete e fizeram uma rápida visita aos alunos do 5º ano do Curso.

 

Monica e Magda

Monica e Magda

“Torço para aqueles que estejam ingressando agora para que daqui a 30 anos tenham muitas histórias e estejam aqui para comemorar.” - Magda Cariello

 

“Desculpa para tudo a gente inventa. Não invente desculpa para reencontrar amigos, não invente pretextos para se reinventar no mercado. A nossa profissão é maravilhosa, a gente pode atuar em quantas áreas quisermos.” - Monica Matos

.

Confira toda esta emoção no álbum de fotos novas e antigas da turma!

 

foto 8 ex-alunos turma 2005-2

Pelas fotografias parece que o tempo nem passou para os formandos da turma 2005 do curso de Direito do UNISAL Lorena. Na primeira quinzena do mês de outubro, eles deixaram de lado a agenda cheia de advogados, professores e cidadãos do século XXI para se divertirem e compartilharem novidades. O encontro foi realizado no dia 11/10/15, em um restaurante de Guaratinguetá (SP).

Afinal, o mundo é cheio de oportunidades para quem se forma no UNISAL.

Este ano,  o curso está em festa! Completa 30 anos de existência, com o 1º lugar no Ranking de aprovação da OAB da Região, graças ao trabalho desenvolvido pelo Projeto Vingadores.  Também carimbou 4 estrelas no Guia do Estudante – Melhores Universidades! Com este histórico único, o UNISAL coloca, por ano, no mercado cerca de 200 formados nesta profissão.

Quanta notícia boa! As conquistas também foram motivo de emoção e comemoração no Encontro de 10 anos de formatura.  Cerca de dez advogados e, antes de tudo, amigos, confraternizaram. Alguns aproveitaram a ocasião para apresentar os novos membros da família. É o caso do especialista em Direito Civil, Ivo Henrique Souza Silva. Pai de primeira viagem, ele trouxe Heitor, que pelo que tudo indica, também pode ser um futuro advogado. Pois, segundo o pai, ele se enturmou bem com os formados pelo UNISAL.

A turma de 2005 tem inúmeros nomes destaque no mercado de trabalho. Dentre eles, está o atual professor de Direito Penal do curso de Direito, Delegado de Polícia, Francisco Sannini.

Esta é a forma de homenagear estes profissionais que colocam o nome do UNISAL lá fora de uma forma ímpar. Esta é a forma de criar um Relacionamento verdadeiro com os egressos. Este é o PRA SEMPRE.  Precisamos de boas histórias de Ex-Alunos. Contribua com o site!

PSICOLOGIA-2002 (14)

Ex-Alunos fazem parte da história

No último mês de setembro, mais precisamente no dia 13, a Brinquedoteca Psicopedagógica do SPA (Serviço de Psicologia Aplicada), do curso de Psicologia do UNISAL – Unidade Lorena – completou 18 anos de existência e funcionamento.

Há muitos motivos para comemorações, com destaque para o papel cumprido pela Brinquedoteca no que se refere ao compromisso social de atendimento à crianças com dificuldades de aprendizagem, comportamento e socialização, da cidade de Lorena e Região.

O trabalho se estende à orientação dos pais e familiares, professores e escolas das crianças atendidas.  O UNISAL também reconhece a importância da formação de alunos-estagiários do curso de Psicologia para uma atuação ética, competente, técnica e compromissada com o trabalho em brinquedotecas.

 .

BALANÇO POSITIVO

“Ao longo desses dezoito anos, a nossa brinquedoteca atendeu mais de 800 crianças, aproximadamente 350 pais e familiares, além de mais de 70 escolas envolvidas. Ofereceu oito cursos de Formação de Brinquedista e Organização de Brinquedotecas homologados pela ABBRI (Associação Brasileira de Brinquedotecas), realizou mais de 40 pesquisas e artigos sobre o tema, publicou dois livros e vários capítulos de livros juntamente com o grupo de pesquisa da ANPEP (Associação Nacional de Pesquisa em Psicologia), grupo do brincar.  Os alunos estagiários da área,  participaram anualmente de Congressos, Seminários e Jornadas, palestras apresentando os projetos desenvolvidos junto à Brinquedoteca Psicopedagógica”, afirma a Prof.ª Dr.ª Antonia Cristina Peluso de Azevedo, responsável pela Brinquedoteca do SPA.

 .

SOBRE A BRINQUEDOTECA E PESQUISAS

brinquedoteca-unisal-ex-alunos

Brinquedoteca

A Brinquedoteca encontra-se cadastrada na ABBRI, sendo considerada uma referência em brinquedotecas existentes em instituições de ensino superior. É fonte de estudo e pesquisa dentro do território nacional. A professora Antonia Cristina afirma que eles recebem muitos contatos de diversas regiões do Brasil solicitando informações e visitas, assim como de países da Europa, tais como Espanha, Portugal e Itália.

“Agradecemos a todos os alunos, ex-alunos, professores, funcionários, direção do UNISAL, pessoas que sempre acreditaram no nosso projeto incentivando-o e possibilitando a continuidade da proposta e a qualidade do serviço prestado à população”, conclui a docente.

flaviano-meire-ex-alunos-unisal

Que o Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena – Campus São Joaquim, é um ambiente de portas abertas para visitantes, todo mundo sabe. A novidade, no entanto, é que o convite tem sido aceito por muitos alunos da Região.

Desta vez, professores e um grupo de 30 estudantes vieram conhecer  a instituição.

A visita, no último dia 25 de setembro, seria apenas um encontro entre docentes e discentes, mas tornou-se inusitada por conta da presença dos professores da Escola Pública Estadual José Pereira Éboli de Guaratinguetá, que antes de ministrarem aulas, foram Alunos UNISAL.

A professora Meire Regina de Almeida Siqueira, formada em Geografia em 1988 e Flaviano de Almeida Alves, formado em História no ano de 2011, voltaram a ser alunos para não perderem nenhum detalhe do passeio pelas dependências do UNISAL.

“A visita faz parte de um projeto realizado na escola com a intenção de apresentar as cidades vizinhas aos alunos. O UNISAL não poderia ficar de fora deste tour”, revelam os docentes.

No trajeto pela instituição, eles conheceram a Biblioteca, o Jardim de Dom Bosco, o Laboratório das Engenharias e a sala do AeroUnisal. Na última parada, os futuros profissionais mataram a curiosidade sobre os projetos que envolvem a construção de um avião. “Era nítida a empolgação dos jovens, isso mostra o quanto eles precisam de direcionamento”, afirma Adriana Neves, responsável pelo Programa Pra Sempre de Relacionamento com o Ex-Aluno.

Alegria que também é compartilhada com a professora Meire. “É sempre bom mostrar aos alunos as possibilidades de profissão e, o mais importante, demonstrar que eles podem sonhar”, afirma Meire.

O professor e coordenador do curso de Engenharia de Produção, José Lourenço Jr., passou por uma verdadeira sabatina. Respondeu às questões de quem um dia pretende seguir carreira.

O Espírito Salesiano de Dom Bosco se faz presente por meio dos  exemplos desses professores que reconhecem  que o papel do mestre vai além da formação acadêmica e invade a vida dos alunos.

Saiba mais sobre o AeroUnisal!

10-anos-turismo-unisal (32)p

Qual a Região  que recebe todos os anos 41 milhões de turistas? É a Região Metropolitana do Vale e Litoral Norte que tem um potencial enorme para o turismo religioso, de montanha e de praia.

O Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena- Campus São Joaquim, sabe disso e está engajado no discurso e nos eventos em torno deste tema.

Tanto, que já ofereceu o curso de Graduação em Turismo, voltado para atender a demanda por profissionais capacitados para atuar na área.

Os números comprovam o lucro obtido pelos empresários do ramo. Na RMVale, que tem um PIB de R$ 57 bilhões, o turismo responde por R$ 15,8 bilhões, o que representa 31% do total.
A expectativa é que a atividade turística regional siga, nos próximos anos, o crescimento registrado no país, de 76% entre 2002 e 2012.

Só as estatísticas acima seriam motivo de comemoração para os Ex-Alunos do curso e agora empresários. Muitos ocupam cargos importantes em empresas de viagem, alimentação e hospedagem. Mas, no último dia 26/09/15,  eles estiveram juntos  para festejar os frutos colhidos com a prática da filosofia salesiana.  Os Ex-Alunos que se formaram em 2005 fizeram questão de relembrar os bons momentos vividos entre os amigos. A reunião, ou melhor, dizendo, a confraternização aconteceu em um restaurante na cidade de Canas.

10-anos-turismo-unisal (73)p

“Diversão e nostalgia em um mesmo local, afinal são 10 anos de comemoração”, afirma um dos Ex-Alunos UNISAL presente.

Além dos turismólogos, os professores do UNISAL Júlio César Moreno, Fátima Medeiros e Márcia Esteves, também decidiram transformar o dia em uma lembrança especial. “Nesse dia, eu me senti apenas a amiga e a mãe orgulhosa e feliz por poder compartilhar o sucesso de cada um, aquela que torce para que todos tenham construído, após 10 anos, uma carreira que os completasse”, afirma a então coordenadora do curso na época, Prof.ª Fátima Medeiros.

O encontro já seria animado com esta turma de profissionais, mas também esteve por lá Roberto Ramos, o Robertão, figura notável dentro do UNISAL.

O UNISAL Lorena ofertou o curso entre os anos de 2000 a 2010. O mês de setembro é marcante para esses profissionais. É quando se comemora o Dia do Turismo e do Turismólogo (27/09).

“Aproveito a ocasião para agradecer todos os alunos do curso de Turismo do UNISAL e de   revelar o quanto sinto falta de todos eles. Vivemos  momentos incríveis, como aqueles vividos em família. Se precisava dar bronca, não hesitava. Tudo, com a intenção de colocá-los no eixo, manterem o foco, cumprirem prazos, serem comprometidos com o futuro”, afirma Fátima.

10-anos-turismo-unisal (9)

Professores Júlio, Márcia e Fátima.

.

“Espero continuar fazendo parte da história de vocês, pessoas compromissadas com o que fazem, humanas e que acreditam na capacidade do próximo. É recíproca a confiança que eu e os demais professores depositamos em vocês”.

Rodrigo Adeu-UNISAL

Rodrigo concluiu o Curso de MBA em Tecnologia da Informação no ano de 2011.

Experiências pessoais e acadêmicas vividas no UNISAL

Cursei o curso MBA em Tecnologia da Informação e ministrei duas disciplinas no curso de Pós Graduação em Desenvolvimento Web.

Competências que o curso te transmitiu

Aprendi muitos conceitos sobre administração de recursos de TI e aplicações dos conceitos de TI ao mundo corporativo.

Valores transmitidos pelo UNISAL

Integração do conhecimento

Formação ética

Histórico profissional e a contribuição do curso

Ao iniciar o curso, trabalhava como desenvolvedor em uma agência de Marketing online, situada em Itajubá, MG. Durante o curso, troquei de emprego. Hoje trabalho como analista de processos na Embraer. Possuir no currículo um curso de Pós-Graduação foi de grande ajuda no processo seletivo.

Fatores de dificuldade e facilidade de inserção no mercado

O mercado para formados em TI é grande, porém é restrito na região do Vale do Paraíba. Possuir um bom curso de Graduação em uma instituição é indispensável. Cursos de Pós-Graduação e Mestrado são grandes diferenciais.

Mensagem para os atuais alunos

O curso é excelente, e me ajudou muito na minha recolocação profissional. Recomendo todos os cursos de Pós-Graduação em TI do UNISAL. O corpo docente é de ótima qualidade. Como consequência, as disciplinas possuem conteúdo extenso e detalhado.

Ex-Alunos 1ª turma Direito  UNISAL

Ex-Alunos da 1ª turma de Direito participam

A XXX Semana Jurídica, promovida pelo curso de Direito do UNISAL Lorena, teve um sabor de nostalgia este ano. O evento, realizado de 31 de agosto a 04 de setembro, foi a primeira oportunidade de reunir os Ex-Alunos da 1ª turma, graduada em 1990.

A comemoração também trouxe em várias palavras o significado dos 5 anos de convívio no UNISAL. Saudade, amor, troca, empenho, missão, foram alguns dos sentimentos emitidos pelos Ex-Alunos que também participaram da gravação de um Documentário: 30 anos Direito UNISAL.

Durante a abertura da Semana Jurídica, o coordenador do curso, Bruno Creado, deixou a emoção como sendo o ingrediente principal do evento. Ao fazer a saudação inicial, que todos já conhecem, foi acompanhado por um grande coro dos alunos. “Queria que fosse a semana da união e acho que todos nós temos conseguido este feito”, revela, emocionado, Creado.

O atual coordenador, de apenas 29 anos, é um Ex-Aluno. Estar no posto de coordenador tem um gosto de vitória e sonho realizado. Bruno Creado sempre almejou voltar ao UNISAL e praticar no dia-a-dia o espírito salesiano de Dom Bosco. “Quando digo: Todos somos coordenação, é por que sei que todos somos uma família. O curso só conquistou 4 estrelas pelo Guia do Estudante em 2015 e voltou a ocupar o 1º lugar no ranking de aprovação do 16º Exame da OAB pelo trabalho desenvolvido por professores, alunos e assistentes”, revela Bruno.

Cinco dias de evento, com um saldo de 10 palestrantes (confira a programação) e muita participação do público. “Nessa edição, criamos um canal aberto de perguntas para alunos e participantes fazerem aos palestrantes: O meu perfil no Facebook e o meu celular. Fiquei impressionado com o alto nível das mais de 1.200 perguntas que chegaram até mim”, enfatiza Bruno.

No último dia do evento, uma homenagem de peso. O professor Luiz Antonio Rebello, o mais antigo do curso, foi aplaudido de pé pelos alunos e coordenação pelo seu trabalho desenvolvido no UNISAL.

Ao final do evento, foi apresentada parte de um vídeo comemorativo do curso. Por meio de série de fotos das turmas antigas e atuais, os alunos puderam conhecer um pouco mais sobre o curso mais tradicional da Região.

DIREITO-1990 (7)

Formatura da 1ª turma de Direito em 1990.

ex-alunos-2015-unisal-sao-jose

UNISAL, Centro Universitário de São Paulo, Unidade Campinas, Campus São José, realizou em 28 de agosto, a cerimônia de Colação de Grau dos formandos do 1º semestre de 2015. A solenidade ocorreu no Auditório Artêmides Zatti, com cerca de 60 alunos e 240 convidados.

A mesa diretiva foi composta pelo Diretor de Operações, Prof. Anderson Luiz Barbosa, pelo Prof. e Coordenador da Pastoral, Irmão Rodrigo Tarcha Amaral de Souza, pelo Coordenador do Curso de Administração, Prof. Pedro Carlos de Carvalho, pela Coordenadora do Curso de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, Prof.ª Giovanna Maria Domingues Pires, pelo Coordenador do Curso de Tecnologia em Automação Industrial e Tecnologia em Sistemas Automotivos, Prof. Alcinei Moura Nunes, pelo Coordenador do Curso de Engenharia Elétrica – Telecomunicações, Prof. Fernando Silvestre da Silva, pela Coordenadora do Curso de Engenharia de Automação e Controle e pela Prof.ª Renata Cristina Sossae. A Coordenadora de Extensão Marília Rosario Bestani foi a Mestre de Cerimônia.

A Pastoral da Universidade, representada pelo Ir. Tarcha, partilhou um momento de reflexão e oração, e disse: “Vocês sempre serão Salesianos, pois se tornaram parte de uma bela história da instituição.”

Todos os coordenadores deixaram uma mensagem aos seus alunos, dizendo o quanto estavam felizes em fazer parte de um momento especial.
Para finalizar, o Diretor Anderson agradeceu a todos pelo empenho e dedicação, dizendo: “Lembrem-se sempre do juramento que proferiram perante toda a coletividade; use-o com inteligência e competência em benefício da sociedade que tanto precisa, com ética e sabedoria.”

A cerimônia teve a parceria da empresa Perfil Eventos de Americana.

ex-alunos-administracao-15-anos

Para muitos, 15 anos é uma idade especial. Para o curso de Administração do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Lorena – a comemoração teve inúmeros motivos para acontecer.

Entre os dias 8 e 12 de setembro, foi realizada a Semana da Administração e de Ciências Contábeis, com o tema “Do Profissional de Gestão que temos, para o Profissional de Gestão que queremos!”.

Além de ser uma grande reunião de amigos, o evento também celebrou o Dia do Administrador.

Graduado em Psicologia pela Universidade de Guarulhos, com MBA em Recursos Humanos pela USP e certificação internacional em Coaching pela ICF (International Coaching Federation), o consultor de recursos humanos, Marcos Vono, também veio participar desta grande festa. Ele compartilhou conhecimento com a realização de duas palestras para as turmas dos períodos matutino e noturno.

A programação também ofereceu palestra com Andréia Faustino Marques (Consultora de Empresas), Patrick Marcelino da Silva (Diretor Geral da BASF Guaratinguetá), Alexandre Dias (Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Guaratinguetá – ACEG), Walter Franco (Consultor de Empresas) Davide Capellino (Presidente da AGC) e o Prof. Me. Walter Franco (Administrador).

No total, 1.100 alunos graduaram-se no UNISAL Lorena. Entre eles, Ex-Alunos que também vieram participar do evento. Carlos Magno Vieira é o exemplo de que as atividades oferecidas pelo curso podem desenvolver habilidades inovadoras no aluno. “Eu sou bancário, tenho minha própria empresa, presto consultoria, sou professor do ensino público e estou envolvido em um projeto inovador, trata-se de uma carreta que pretende percorrer o Vale para ativar nos alunos o espírito empreendedor”, revela o aluno formado em 2008 pelo UNISAL.

ex-alunos-15-anos-administração

Maria José Urioste Rosso

 

Para a professora Maria José Urioste, a primeira coordenadora do curso, quando as aulas tiveram início, o cenário do Vale do Paraíba era outro. “Ao longo do curso, aplicamos ferramentas, participamos de evento e integramos em um mesmo grupo alunos e professores”, revela a docente que acredita que esta tenha sido a receita para tanto sucesso.

.

Durante o evento, o atual coordenador, Élcio Santos, deu nome a cada um dos responsáveis pelas conquistas do curso. “O UNISAL tem uma cultura empreendedora, com seus projetos inovadores, um exemplo é o Centro de Empreendedorismo. Mas, acima de tudo, acredito que o espírito salesiano, aquele de equipe, tenha feito toda a diferença”, afirma o administrador.

Hoje o curso de Administração do UNISAL é um dos mais tradicionais da Região. Há alunos empreendedores, alunos empreendendo e alunos buscando a troca de informações e conhecimento para crescer.

Parte da trajetória do curso foi reunida em um Documentário Especial: 15 anos Administração. Clique aqui e assista!

acidente.trabalho-rh-ex-aluno-unisal

Grupo de RH oferece ferramentas que facilitam networking.

.

A discussão em torno do tema “Recursos Humanos” tem se mostrado de extrema importância para toda organização, ainda mais neste período de incertezas do mercado.

Há muito tempo, o assunto é a principal pauta de um debate realizado de forma voluntária por um grupo de profissionais – Grupo Integrado de RH de Lorena e Região (GIRHL).

Fundado em 2006, por iniciativa do Gerente de RH, Jorge Gomes do Couto, e também composto por profissionais de Recursos Humanos e gestores de pessoas, o projeto visa incentivar objetivos desafiadores nos cidadãos: novas competências, estabelecer uma rede de relacionamentos que permita a troca de informações e a solução de problemas técnicos e profissionais de seus integrantes e das empresas que representam.

Por meio de parcerias com algumas instituições públicas e privadas, dentre elas, o UNISAL, o GIRHL promove palestras mensais sobre os mais variados temas que envolvem a área.
As atividades são gratuitas e abertas ao público.

Dentre os integrantes organizadores, estão o Professor do curso de RH do UNISAL, Jorge Gomes, e a Ex-Aluna UNISAL, Roberta Werneck.

Segundo Roberta, os encontros têm agregado muito aos participantes. “Por ser um grupo heterogêneo, gente de vários setores dão sua contribuição uns para os outros. É interessante a visão de outro profissional sobre as carreiras”, destaca a Relações Institucionais do UNISAL Lorena.

Entre os benefícios dos encontros mensais, que também podem ser considerados uma dose de qualificação e conhecimento, o grupo reconhece o aumento considerável do networking e do ingresso de profissionais no mercado de trabalho. “Temos vários casos em que empresas fecharam parcerias por intermédio do Grupo”, ressalta Roberta.

.

Além disso, o UNISAL também é representado pelos seus Ex-Alunos, que já ministraram palestras.

.

O tema “Gestão Empresarial em Tempos de Crises” foi apresentado por Marcos Corrêa, no último encontro, dia 28/08/2015. (Acesse: QI Treinamento e Consultoria)

Marcos Corrêa, formado em Administração.

Marcos Corrêa, formado em Administração.

.

O encontro em que Luis Fernando Chacon e Sávio Marchi apresentaram o tema “Acidente do trabalho – Como evitar maiores dissabores?”, no dia 24/07/2015, foi sucesso de público. (Acesse: CMO Advogados)

Sávio Marchi e Luis Chacon, formados em Direito.

Sávio Marchi e Luis Chacon, formados em Direito.

.

A experiência de ter sobrevivido a um câncer sem se deixar abater foi revelada aos participantes pela Ex-Aluna Maria Eunice Rodrigues de Assis,no 26/11/2014. Saiba mais sobre a palestra “Casa arrumada apesar do furacão e através dele” no Facebook Casa Arrumada.

Maria Eunice, formada em Pedagogia.

Maria Eunice, formada em Pedagogia.

.

Quer saber mais sobre o Grupo de RH de Lorena e Região?

Então participe do Grupo no LinkedIn!

workshop-carreira-am-09-09-15-4

UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Unidade Americana, Campus Maria Auxiliadora, recebeu egressos e grandes empresas da região, no I Workshop de Carreiras, em 09 de setembro, Dia do Administrador.

O evento teve como objetivo proporcionar aos estudantes a oportunidade de conhecer programas de estágios e trainees das maiores empresas do país e a atuação dos egressos do UNISAL dentro das organizações.

Na abertura do evento, os participantes assistiram a apresentação musical dos alunos de Administração e convidados: Felício Neto, no violino, Fabrício na viola arco e Gabriel no violino.

A professora Regina Penachione fez a abertura do evento, dando as boas-vindas a todos, e parabenizou os profissionais e futuros administradores, ressaltando o comprometimento do administrador com uma gestão ética.

Em seguida, as alunas de Administração Bruna Ceconello e Thaynara Zorzenon apresentaram suas pesquisas do Bic-Sal, contando como foi o ingresso delas no projeto e como estão desenvolvendo seus trabalhos.

workshop-carreira-am-09-09-15-3

Na sequência, os egressos Marcos Trevisan Borsato, Viviane Crevelari do Prado, Eduardo Martins, José Silvino de Morais, Márcio Varella e Luiz Gustavo Migotti falaram sobre empregabilidade e receberam um singela placa em homenagem aos seus trabalhos na sociedade.

Também estiveram presentes Eliana Ferraz Hara – Consultora da JM Consultoria, Mariana Pasquali Marconato Mancini, representante da empresa AVON, Paulo Berbel – Coordenador do Programa de Trainee da 3M do Brasil e Mariana Neves – responsável do CIEE pelos programas de estágios da 3M do Brasil.

ex-alunos-dialogare-decida-se

“Em virtude da educação recebida pera serem bons cristãos e honestos cidadãos, os ex-alunos assumem o compromisso de colaborar na missão salesiana junto aos outros jovens, despertando neles o amor a Deus e aos irmãos.”

Este é um trecho do livro Dom Bosco – Traços Biográficos e relata exatamente a missão que os Ex-Alunos, membros do Dialogare levaram para a vida após a formatura.

O Instituto Dialogare é uma associação fundamentada no diálogo, através do qual se torna possível um efetivo contato com cada comunidade, respeitando-a em suas reais necessidades e viabilizando o desenvolvimento de sua autonomia.

Suas ações estão embasadas na abordagem dos Grupos de Vivência Dialógica (GVD), que se trata de uma proposta de formação que proporciona aos agentes sociais, não apenas um momento de reflexão compreensiva sobre sua prática comunitária, mas também de vivência dialógica através de debates e dinâmicas.

Assim, as ações do Instituto evidenciam-se por:

  • Contato inicial com Comunidade para levantamento das necessidades e desejos;
  • Formulação de Projeto de Intervenção;
  • Realização do Grupo de Vivência Dialógica (GVD).
ex-alunos-dialogare-decida-se-2

Lucy Marchi – Psicóloga

Em muitos casos eles são parceiros do UNISAL. No Decida-se, evento que reuniu no dia 29 de agosto mais de 1.000 alunos de ensino médio para apresentar as profissões que o Centro Universitário oferece, eles realizaram uma oficina. “A oficina superou as nossa expectativas, a quantidade de alunos interessados na nossa proposta de trabalho foi muito maior que esperávamos. O evento foi muito proveitoso.” Afirma Lucy Urioste, que já participa pela segunda vez com os demais membros do Instituto.

Eles também marcaram presença na Jornada de Psicologia, realizada de 24 a 28 de agosto, com o minicurso “Psicodrama” para os atuais alunos do curso.

Não é de hoje que a Lucy segue a filosofia de Dom Bosco. Ela estudou toda a vida com os Salesianos, tanto que participou do documentário realizado para encerrar as comemorações do Bicentenário de Dom Bosco no mês de agosto.

.

Conheça todos os membros do Instituto Dialogare:

Bruna Freitas

Cristian Borges

Danielle Carvalho

Lucy Marchi

Maiara Alves

Marcos Urioste

Maria Celeste Vasques

Paulo Robertos Santos

Sávio Marchi

Cleber Alvarenga

Cynthia de Aquino

Jeferson Diego

.

Você pode saber mais e acompanhar o trabalho deles!

Fanpage no Facebook

Vídeo no Youtube

jardim-encontro-ex-alunos-dom-bosco

A União dos Ex-Alunos de Dom Bosco realiza todos os anos o Encontro dos Ex-Alunos. Em 2015, a confraternização completa 29 anos.

“É um momento para relembrar os velhos tempos e matar saudade dos amigos e da casa salesiana em que foi aluno”, afirma Padre Mario Bonatti, assessor salesiano.

O ano é mesmo de festa. A Família Salesiana comemora os 200 anos de Dom Bosco e os 125 anos do Colégio São Joaquim.

Padre Plínio Possobom, Reitor do Santuário Dom Bosco, afirma que há muito o que se espelhar neste sacerdote salesiano. “Ele foi um homem de grande visão, de grandes qualidades de liderança, de uma capacidade de trabalho impressionante, de uma dedicação a toda a prova”, destaca P. Plínio.

“Como Dom Bosco, acreditamos que formamos a pessoa integral, centradas no amor educativo, na sensibilidade e na corresponsabilidade os nossos ambientes”, afirma Padre Alexandre Luís de Oliveira , Diretor da Comunidade Salesiana de Lorena.

Você, que passou pelo PROVIM, Oratórios, Colégio São Joaquim e UNISAL está convidado para este momento de confraternização. Os atuais alunos também são convidados.

“Dom Bosco caminha conosco, no ontem, no hoje e sempre por meio da juventude”, conclui Padre Cláudio Andrade Motta, Diretor Colégio São Joaquim e Reitor do Santuário São Benedito.

PROGRAMAÇÃO

26 de setembro – Sábado:

20h – Reencontro e convivência no Boulevard São Paulo

As despesas serão arcadas pelo participante.

27 de setembro – Domingo:

08h30 às 9h – Acolhida

Café e exposição de fotos no pórtico

10h – Missa no Santuário São Benedito e homenagens

12h – Almoço e convivência

 

Ingressos: R$ 30,00

Confirme sua presença até dia 31/08 pelo telefone (12)3159-2033!

Os ingressos serão vendidos até dia 31/08 pelos membros da União dos Ex-Alunos na sala do Padre Mario.

Para quem mora longe, deve realizar depósito bancário na conta do Dr. Marcos Santos Sá.

Dados da conta:

Banco do Brasil

Ag.: 6524-2 C.C.: 100.221-X

Obs.: Serão vendidos ingressos no dia.

Árison Lopes

Árison é formado em História no ano de 2013

Experiências pessoais e acadêmicas vividas no UNISAL

Quando estava no terceiro ano do curso de História no UNISAL tive a oportunidade de fazer parte da parceria entre AGC – Vidros do Brasil e o UNISAL, em que fui um dos professores que estavam à frente do Museu Itinerante da Revolução de 1932. Esse projeto levava os artefatos e documentos da Revolução de 32 para as escolas de Guaratinguetá e Lorena, entre os Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Atendemos 5 escolas e todos os alunos dos níveis citados anteriormente.

Comecei a ser membro voluntário do Instituto de Estudos Valeparaibanos, onde atuava na organização do Simpósio de História e também era responsável por atualizar o site valedoparaiba.com, com o auxílio do Prof. Diego Amaro de Almeida.

Posteriormente, fui estagiário do UNISAL onde atuei no CESAPER (Centro Salesiano de Pesquisa Regional), com as seguintes atividades: organização dos arquivos da Sala Euclídes da Cunha, organização do acervo de livros e documentos referentes ao Vale do Paraíba e auxílio aos estudantes e demais profissionais pesquisadores que procuravam o CESAPER para seus estudos particulares e acadêmicos.

Competências que o curso te transmitiu

As competências que o curso me transmitiu foram as do compromisso, atenção, estudo contínuo, conhecimento, discussão, oratória e clareza na transmissão de conteúdos. Essas competências são essenciais para o mercado de trabalho, não apenas no campo educacional, mas também para onde atuo hoje.

Valores transmitidos pelo UNISAL

Integração do conhecimento

Diálogo entre fé e razão

Busca contínua da verdade

Formação ética

Espírito de liberdade na caridade

Respeito recíproco

Promoção dos direitos humanos

 

Histórico profissional

Durante o curso de História atuei nas instituições que citei acima e esse foi meu começo para área de história. Hoje atuo no UNISAL em uma área distinta da minha, mas que me satisfaz como profissional. Sou auxiliar de coordenação dos cursos de Filosofia, Ciência da Computação e Engenharia da Computação.

Ter concluído o curso de História contribuiu muito para o meu crescimento profissional. Pois hoje, consigo ter uma visão mais crítica da sociedade, um conhecimento amplo das mais diversas áreas, pois como disse Marc Bloch: “Tudo é História”.

Mensagem para os atuais alunos

Fazer História é ampliar o conhecimento, ter base crítica sobre os mais diversos assuntos, reviver a memória e estar preparado para os acontecimentos presentes que modificarão o futuro. “A função do historiador é lembrar a sociedade daquilo que ela quer esquecer” Peter Burke.

FORMATURA-FILOSOFIA-2014 (4)

O Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – UNISAL – Unidade Lorena iniciou uma pesquisa junto aos formandos e ex-alunos para saber como estão atuando em sua profissão e como está o mercado de trabalho.

A pesquisa pretende levantar informações sobre a participação dos egressos no mercado de trabalho e o quanto a formação recebida no UNISAL está presente no exercício da profissão.

As informações obtidas com a pesquisa serão encaminhadas aos cursos e poderão contribuir para possíveis ajustes e atualizações que levem à melhoria da educação oferecida pelo UNISAL.

Caso o egresso tenha realizado mais de um curso no UNISAL Lorena, deverá preencher as informações sobre o último curso concluído.

Ao responder ao questionário, todos concorrerão a três kits de livros de sua área.

No site da pesquisa estão disponíveis dois breves questionários, para serem respondidos de acordo com cada perfil (formando ou ex-aluno). Em caso de dúvidas, os participantes podem escrever para adriana.neves@lo.unisal.br.

Para acessar a pesquisa, clique no botão correspondente ao seu perfil até o dia 09 de fevereiro de 2015.

*Período para participação encerrado. Em breve o resultado do sorteio.

unisal-jardim

O Programa de Relacionamento com o Ex-Aluno do UNISAL –  Centro Universitário Salesiano de São Paulo - Unidade de Lorena está promovendo a ação “A vida nos pátios do UNISAL”, com o objetivo de reunir histórias engraçadas, emocionantes ou inesquecíveis.

Podem participar alunos, Ex-Alunos, funcionários técnico-administrativos e professores da Unidade Lorena.

Todos que quiserem compartilhar sua história devem enviá-la para o e-mail adriana.neves@lo.unisal.br, até 31 de outubro. As melhores histórias serão publicadas em uma cartilha on-line e divulgadas nos meios de comunicação do UNISAL Lorena.

Veja as regras para envio do texto:
• Escrever uma história ocorrida no UNISAL Lorena
• Inserir nome completo, curso e ano de conclusão (se aluno ou Ex-Aluno)
• Inserir nome completo, setor/curso (se professor ou funcionário)
• Utilizar, no mínimo, 3000 e, no máximo, 4000 caracteres
• O texto deve ser escrito de acordo com as Normas da Nova Ortografia Brasileira
• Se houver uma imagem que ilustre a história, enviá-la.

As melhores histórias serão escolhidas em novembro por uma comissão avaliadora composta por professores e funcionários. A cartilha será publicada no site do UNISAL.

colacao-ex-alunos-unisal

UNISAL – Centro Universitário Salesiano de São Paulo – Unidade Americana, realizou a Colação de Grau oficial dos formandos  2013 de forma festiva.  A entrega dos certificados e do histórico escolar foi solene e proporcionou a todos os alunos que finalizaram o curso um momento especial. O evento aconteceu de 3 a 5 de fevereiro, no anfiteatro do Campus Dom Bosco, e recebeu cerca de 3 mil pessoas, entre formandos, professores, familiares e amigos.

A Pastoral da Universidade(PdU) participou com um momento de reflexão e simbolizaram, por meio do pão, a partilha do conhecimento. O momento também contou com juramento de cada curso e participação dos professores e coordenadores dos cursos.

Este ano foram mais de 500 formandos dos Cursos de Administração, Ciências Contábeis, Moda, Publicidade e Propaganda, Sistemas de Informação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Automação e Controle, Engenharia Ambiental, Pedagogia, Psicologia, Direito e Serviço Social.

O evento contou com a parceria das empresas de formatura Sagae/WS Eventos, B2 Formaturas, Perfil, Cartoon e Agência de Formatura.