Árison Lopes

Árison é formado em História no ano de 2013

Experiências pessoais e acadêmicas vividas no UNISAL

Quando estava no terceiro ano do curso de História no UNISAL tive a oportunidade de fazer parte da parceria entre AGC – Vidros do Brasil e o UNISAL, em que fui um dos professores que estavam à frente do Museu Itinerante da Revolução de 1932. Esse projeto levava os artefatos e documentos da Revolução de 32 para as escolas de Guaratinguetá e Lorena, entre os Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Atendemos 5 escolas e todos os alunos dos níveis citados anteriormente.

Comecei a ser membro voluntário do Instituto de Estudos Valeparaibanos, onde atuava na organização do Simpósio de História e também era responsável por atualizar o site valedoparaiba.com, com o auxílio do Prof. Diego Amaro de Almeida.

Posteriormente, fui estagiário do UNISAL onde atuei no CESAPER (Centro Salesiano de Pesquisa Regional), com as seguintes atividades: organização dos arquivos da Sala Euclídes da Cunha, organização do acervo de livros e documentos referentes ao Vale do Paraíba e auxílio aos estudantes e demais profissionais pesquisadores que procuravam o CESAPER para seus estudos particulares e acadêmicos.

Competências que o curso te transmitiu

As competências que o curso me transmitiu foram as do compromisso, atenção, estudo contínuo, conhecimento, discussão, oratória e clareza na transmissão de conteúdos. Essas competências são essenciais para o mercado de trabalho, não apenas no campo educacional, mas também para onde atuo hoje.

Valores transmitidos pelo UNISAL

Integração do conhecimento

Diálogo entre fé e razão

Busca contínua da verdade

Formação ética

Espírito de liberdade na caridade

Respeito recíproco

Promoção dos direitos humanos

 

Histórico profissional

Durante o curso de História atuei nas instituições que citei acima e esse foi meu começo para área de história. Hoje atuo no UNISAL em uma área distinta da minha, mas que me satisfaz como profissional. Sou auxiliar de coordenação dos cursos de Filosofia, Ciência da Computação e Engenharia da Computação.

Ter concluído o curso de História contribuiu muito para o meu crescimento profissional. Pois hoje, consigo ter uma visão mais crítica da sociedade, um conhecimento amplo das mais diversas áreas, pois como disse Marc Bloch: “Tudo é História”.

Mensagem para os atuais alunos

Fazer História é ampliar o conhecimento, ter base crítica sobre os mais diversos assuntos, reviver a memória e estar preparado para os acontecimentos presentes que modificarão o futuro. “A função do historiador é lembrar a sociedade daquilo que ela quer esquecer” Peter Burke.