Menu

Mercado de trabalho: formação em EaD influencia na contratação?

outubro 30, 2017 - Cursos e Carreira
Mercado de trabalho: formação em EaD influencia na contratação?

Em postagens anteriores do Blog, conhecemos as vantagens dos Cursos de EaD, como a praticidade e redução de custos, por exemplo. Mas como será que essa modalidade de formação é vista pelo mercado de trabalho? Todas as empresas e profissionais de RH já estão habituados a avaliar e recrutar profissionais formados a distância?

Vale lembrar que responsabilidade, gestão do tempo e familiarização com novas tecnologias são fatores importantes não só na rotina de estudos a distância, mas também para qualquer candidato a uma vaga de emprego nos dias atuais.

E não é só o diploma de graduação que garante uma contratação ou promoção. Para os empregadores, é mais importante o conhecimento absorvido pelo profissional durante seus estudos do que o diploma ser obrigatoriamente de um curso presencial. Ao participar de algum processo de seleção – um concurso público, por exemplo – é preciso ficar atento aos pré-requisitos, caso exista alguma restrição aos cursos feitos a distância. No entanto, legalmente não se pode fazer essa diferenciação, e cláusulas desse tipo podem ser anuladas de forma judicial.

O que realmente conta no momento da seleção, porém, é a capacidade de o candidato aplicar os aprendizados teóricos na vida profissional, sejam eles adquiridos na formação presencial ou a distância.

Os cursos na modalidade EaD vêm ocupando cada vez mais espaço nas instituições de ensino do país, e o aluno capaz de criar e seguir uma boa rotina de estudos certamente terá muitas chances de um futuro profissional promissor.